Usado da semana

Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Corsa sedã 2011

corsa-sedan-premium-2011-1-700x525 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Corsa sedã 2011

Olá leitores do NA, meu nome é Paullo Oliveira, sou de Maceió-AL. Acompanho o blog desde 2007, acesso cerca de 4 vezes por dia e desde que surgiu, sempre tive vontade de mandar minha opinião sobre meu carro, mas a preguiça sempre falou mais alto. Porém hoje resolvi compartilhar com vocês minha experiência com meu Corsa Sedan Premium. Além dele tenho dois companheiros, um Celta Life VHC Flexpower 2005/2006 2p Vermelho Lyra e um Fiesta Sedan Class 1.6 Rocam 2012/2013 Preto Ebony.



Bom, vamos ao que interessa. Como já disse anteriormente o carro é um Corsa Sedan Premium R7C 1.4 Econo.Flex 2010/2011 retirado 0km em 5 de maio de 2010, a começar posso dizer que não foi muita vantagem adquirir o modelo 2011 pois nada foi acrescentado, pelo contrário, foram retirados os suportes dos encaixes dos cintos dos bancos traseiro e o cinto de segurança central antes de 3 pontos foi substituído pelo famigerado de 2 pontos.

corsa-sedan-premium-2011-3-700x525 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Corsa sedã 2011

Pagamos na época R$ 40.000 redondos pelo modelo que era a versão mais completa possível na época chamada de R7C que tem como diferencial pneus mais largos (185/60), rodas em liga leve aro 14, cobertura plástica da boca do porta-malas, faróis e lanternas de neblina. Porém mesmo sendo a versão mais completa o carro infelizmente não dispõe de itens como vidros elétricos traseiros, airbags ou ABS. Fora outros itens que foram retirados pela Chevrolet ao longo dos anos, como cinto central de 3 pontos, sobre tapetes de borracha, teto solar, central BCM, luzes de leitura dianteiras e traseiras, alarme volumétrico e etc.

O carro atualmente está com cerca de 80.000 km rodados e tem se mostrado um carro bem resistente e confortável, o motor 1.4 não esbanja torque e potência, mas dá conta do recado e anda praticamente junto com o Fiesta Sedan 1.6 Rocam que temos em casa. Daqui em diante vou separar essa avaliação por tópicos para facilitar a leitura e entendimento.

corsa-sedan-premium-2011-2-700x525 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Corsa sedã 2011

Itens de série: Ar condicionado; direção hidráulica; travas elétricas com comando central; alarme perimétrico com comando integrado a chave; vidros elétricos dianteiros com one touch, anti esmagamento, alivio de pressão e subida automática pelo alarme; rodas de liga leve aro 14 com pneus Pirelli P6000 (terríveis por sinal) na medida 185/60R14; faróis e lanternas de neblina; retrovisores externos elétricos; maçanetas, retrovisores e frisos na cor da carroceria; TID (Visor com informações de data, hora, temperatura externa e do rádio original -quando equipado-); bancos revestidos em tecido especial com porta revistas na parte traseira; bancos traseiros bipartidos com dois níveis de inclinação; preparação para som; detalhes internos prateados; alarme sonoro de faróis ligados e chave esquecida na ignição; dentre outros que não me vem à memória agora.

Exterior: Bom, não é de se esperar transpiração de modernidade de um carro lançado em 2002 e levemente reestilizado no fim de 2007 -reestilização essa que lhe caiu bem-, porém o carro não tem cara de obsoleto, o design é limpo e harmônico, herança dos bons tempos onde nossos Chevrolet nacionais eram da Opel.

corsa-sedan-premium-2011-6-700x525 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Corsa sedã 2011

Interior/Habitabilidade/Conforto: O interior no geral é bem acabado (bem melhor que do Fiesta), conta com revestimentos agradáveis visualmente e nem tanto ao toque como o caso do freio de mão, além de riscarem com facilidade. Tenho 1,80m e me sinto bem confortável dentro dele, o espaço interno é ligeiramente maior que dos seus concorrentes na época (Fiesta, Voyage e Siena) e o porta malas de 432 litros me atende muito bem. No geral é um interior sem extravagâncias, contando basicamente com o essencial, os bancos são confortáveis e o do motorista possui ajuste de altura, o ar condiciona refrigera bem a cabine e o tecido espumado das portas garante um pouco mais de conforto. Porém, ao mesmo que tempo que confortáveis, os bancos dianteiros cansam um pouco a lombar depois de um longo tempo de uso e não oferecem quase nenhum apoio lateral, o que te leva a sensação de que irá voar pela janela ou cair no banco do passageiro em curvas mais rápidas e travadas. Há revestimento em praticamente todos os lugares, soleiras internas plásticas, cobertura dos trilhos dos bancos junto as soleiras e etc., porém cobram seu preço por esse cuidado visual e acabam batendo bastante, em ruas de paralelepípedo chega a ser incômodo. A suspensão está mais voltada para o conforto que para firmeza, aguenta bem o tranco já que chegou às 80.000km vendendo saúde, mesmo já sendo rigidamente exigida e por várias vezes excedendo sua capacidade de carga.

Motor/Câmbio/Desempenho/Comportamento Dinâmico: O motor é o velho conhecido 1.4 VHC Econo.Flex que dispõe de 99/105cv a 6000 rpm e 13,2/13,4kgfm a 2800 rpm na Gasolina e Etanol respectivamente. Empurram bem os cerca de 1.050kg do Corsa que como já disse antes, anda junto com o Fiesta 1.6 que temos aqui. Meu Corsa tá fazendo pouquinho menos de 12s no 0-100km/h e chegando a cerca de 200km/h de velocidade final (velocidade final não é um forte desse motor), o motor tem um bom arranque e não nega fogo, as retomadas são um pouco tímidas e o funcionamento é áspero. O câmbio não ajuda muito na velocidade final, é bem curto e os engates são um pouco duros, a manopla não tem uma pegada muito anatômica. No quesito comportamento dinâmico, ele é um carro agradável de guiar, porém se o foco é uma condução mais esportiva, o Fiesta se sai bem melhor. A direção do Corsa não é muito direta e ele tem uma tendência a sair de traseira e de dianteira, ao acelera forte no meio de uma curva, sente-se bem a dianteira querendo passar reto. Nesse quesito anterior, cito até mesmo o celta como sendo mais divertido de guiar. Os freios tem uma boa progressividade, porém travam mais facilmente que os do Celta. Alguém que more ou conheça bem Maceió, sabe que aqui tem o acesso do condomínio Aldebaran, que tem umas curvas em ladeira bem travadinhas, chego a entrar nelas variando entre 100km/h e 120km/h, a carroceria rola menos que a do Celta -que inclina bastante-, porém no Celta a sensação de controle é maior, você sente o carro mais na mão.

corsa-sedan-premium-2011-7-700x525 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Corsa sedã 2011

Consumo: Não lembro qual a última média que fiz usando o combustível derivado da cana por fazer muito tempo que não faço uso dele por conta de estar bem desvantajoso por aqui. Mas na gasolina, a média tem ficado em 9,5km/l na cidade no trânsito, ar condicionado ligado 100% do tempo com trocas de marcha entre 2.500 e 3.000rpm para o melhor aproveitamento do torque. Na estrada faz entre 13 e 16km/l com AC ligado, tendo essa grande margem de variação por conta de quanto se pise no acelerador, mas numa velocidade de cruzeiro de 120km/h fica em torno de 14,5km/l

Pontos positivos: Cuidado com o acabamento; Design limpo e harmônico; Conforto; Motor

Pontos negativos: Comportamento dinâmico; Falta de apoio lateral nos bancos; Depenado pela Chevrolet.

corsa-sedan-premium-2011-5-700x525 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Corsa sedã 2011

corsa-sedan-premium-2011-8-700x525 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Corsa sedã 2011

Manutenção e defeitos apresentados: Desde 0km nunca fiz revisões na concessionária, sempre fiz as trocas de óleo a cada 7.000km e sempre por sintético 5w30 junto dos filtros. As revisões eu fui ajudado pelo fórum do Corsa Clube, pego a lista do que deve ser trocado e revisado e levo pro meu mecânico de confiança. Como já é de conhecimento geral, esses motores tem manutenção simples e barata e são bem robustos, basicamente até agora só foram trocados itens básicos, como correia dentada, filtros, óleo e pneus (está agora no 3º jogo). De problemas fora do habitual posso citar a troca prematura do kit de embreagem por mal uso, terminais de direção e no mês passado o ar diminuiu bastante a eficiência, foi descoberto um pequeno vazamento na mangueira, solucionado com o reparo da mesma e uma carga de gás.

Veredicto final: É um carro muito bom, tem um desempenho compatível com a proposta, um design harmonioso e que não está tão ultrapassado como a idade sugere, considerei Voyage e Siena na época e o Corsa foi o que me melhor me atendeu em basicamente todos quesitos. Apesar dos pequenos incômodos, estou muito satisfeito com o carro e recomendo. Começo do ano que vem ele dará adeus por conta da alta quilometragem e entrará no lugar algo basicamente do mesmo nível, sendo os candidatos a substituto dele, Hb20S Premium 1.6MT, Voyage Highline 1.6MT, Prisma LTZ 1.4MT e Grand Siena Essence 1.6MT.

corsa-sedan-premium-2011-4-700x525 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Corsa sedã 2011

Bom, desculpem se o texto foi longo demais, mas espero ter explicado bem sobre o carro. Fiquem a vontade para tirar qualquer dúvida.

Abraço!

4.0

  • AndreMartini81

    Por que não considera o VERSA SL como subsituto?

    • Andrex2501

      Boa ideia, pra quem quer um carro nessa categoria, o Versa é uma boa pedida!

      • AndreMartini81

        É uma boa pedida, pois tem um custo-benefício muito interessante. É recheado de itens de série.

        • ALVIN1982

          Sou de Americana/SP Tenho um 2010, quero tb trocá-lo, ele mede 4,18m de comprimento, já pensei no Versa e até mesmo no Cobalt… o problema é que na minha garagem só cabe até 4,25m e pretendo pegar um HB20S, mas estou na dúvida ou o SpaceFox… minha necessidade é de porta-malas grande em um carro espaçoso porém não pode passar dos 4,25m… e nem de 50mil reais…

    • MecanicoDigital

      Será que lá onde ele mora tem boa assistência da Nissan?

      • gcarlos

        deve ter, por que é capital.

        • Leo

          Aqui em Maceió, só tem 1 concessionária Nissan e não me trás muita confiança. Tb moro em Maceió, acompanho o mercado por aqui e posso afirmar que marcas como a Nissan são muuuito desvalorizadas nesta região, assim como a Peugeot e a renault.

    • dudupruvinelli

      Ou o próprio Logan que está para chegar.

      • Renan L.

        O logan realmente está muito bonito, por dentro e por fora, e ainda tem um otimo espaço interno.
        Iria de Logan

    • Corvo

      O Versa ? Depois do desmonte da Quatro Rodas (tudo bem que não podemos apenas nos guiar por isso, até porque a fonte não é muito confiável) me surpreendeu negativamente, mas não deixa de ser uma compra aceitável. O problema são as concessionárias Nissan e as peças. Não sei como será o assunto em Maceió

      • AndreMartini81

        O Versa realmente não se saiu tão bem ao passar pelo teste, mas outros carros também foram mal, como 3008, smart e mais recentemente a Ecosport e nem por isso deixam de ser boas compras.

    • Marciomaster

      Sair de um corsa para entrar em um versa que alem de todos defeitos conhecidos é muito mas muito FEIO, só se ele for louco.

  • CyborgPilot

    Muito bom o relato. Um dos melhores que já li aqui no NA.

  • jOe

    Realmente é um bom carro. Merecia uma continuação. O problema desse modelo foi a GM lançar o Prisma em 2006 com motor semelhantes e preço mais em conta. O Prisma sempre foi inferior mas os preços do CORSA SEDAN nao ajudavam. Como vc mesmo falou, pagou R$ 40mil nele, em 2010.
    Hoje está muito bem substituído mas a GM pecou por matar um nome tão forte.

    • Carlos_brown

      Na verdade a situação foi mais grave, pois o motor 1.4 inicialmente era só do Prisma, o Corsa só oferecia o 1.0 que era pouco para o carro e o 1.8, que tinha fama de gastão (este um ponto controverso), daí que o Prisma era exatamente o ponto de equilíbrio na motorização que o Corsa não tinha.

    • Marcus Nascimento

      Parei de ler no "bom carro" rsrsrsrsrss

  • jOe

    Esse painel poderia ser transplantado para o CLASSIC

    • Rafael Jandre

      Este carro deveria ter se tornado o CLASSIC. Eliminando o Corsa pré-histórico, aquela mutação horrorosa na qual ele se tornou.

      • personalfabao

        Tbm sempre pensei nisso. Mas eu acho q a GM não fez isso pq o custo de produção desse Corsa é mais caro.
        Eu tenho um bege Maxx 2007. Carro bom e confortável, infinitamente melhor q o Classic. E nunca me deixou na mão tbm.

        • paulistadalapa

          Tenho um corsa 1.4 2008 e um classic 07. Os dois são bons, o corsa possui melhor acabamento, mas o classic me deu menos problema que o corsa.

      • Carlos_brown

        Li em algum lugar, não lembro onde foi, alguém falando sobre custo de manutenção maior em relação ao classic ter sido a causa da morte desse corsa. No artigo o autor usou como exemplo a substituição das buchas da bandeja de suspensão, que segundo ele, no corsa "mais novo" não era possível, pois deveria trocar a bandeja inteira e o preço não era muito amigável.

    • msbiel13

      acho que não daria certo por uma questão de plataforma , + seria uma boa msm

    • gringo_vtec

      O Chevrolet Chevy (Corsa B reestilizado e vendido no méxico) usa esse painel..

  • O_Corsario

    Legal a avaliação, meu caso é similar ao seu, carro na faixa dos 80.000, 2009.
    Só que no meu caso, não pretendo trocar tão cedo. ALém da alta quilometragem, tem algum outro motivo para a troca? Já tirou uma base de quanto ele está valendo? Abraços!

    • Edson Roberto

      Mas vc considera que seu carro 2009 tem km alta pelo ano?

      • O_Corsario

        Dà uns 21.000 quilometros por ano. DIfícil dizer pois isso muda muito, tem gente que acha que 50.000km já é um absurdo, e gente que roda mais de 100.000km sem problemas.
        Para mim, que viajo bastante e que tenho rotina bem movimentada, acho que está numa boa média.

        • personalfabao

          O meu é 2007 e não chegou nem a 70 mil km ainda.

          • O_Corsario

            O da minha mãe é 2009 e não passou dos 15.000…. rs Isso varia muito!

            • Corvo

              Na empresa onde eu trabalho, conheço um Ford Ka com 5 mil km e foi comprado zerado em janeiro de 2010. Não acreditei até que a mulher me mostrou. Ela mora a 5 quadras de ai e não utiliza o carro pra viajar…
              Mas, dizem que esses carros são os piores de tudo pois com o uso começam os problemas…

              • rodrigo

                Dizer todo mundo diz, o meu é um ka 11/12 1.0 com 112 mil KM veja bem, 112 MIL, apenas filtro, óleo, pneus, barra de direção conjunto de suspensão (estou no 4 amortecedor indo para o 5, pego estrada com buraco aqui no interior de MT) ar condicionado vazou 2 vezes, lamapdas, embreagem, cilindro da chave que deu PAU, palhetas, bobina de ignição, radiador, bomba de gasolina, bico injetor, vela, cabo de vela e por ultimo, semana retrasada o modulo da injeção, sendo que TIVE MUITA DOR DE CABEÇA, e muito tempo/dinheiro perdido com o carro parado, o carro pegava e morria, depois de 2 semanas resolveram trocar o modulo de injeção e funcionou.. acho que para um carro com 112 mil km, está ótimo… acredito que algumas coisinhas ainda tenha sido trocado, o mais caro paguei pelo amortecedor kit completo original 1.120, NUNCA gastei mais q isso.. somente a gasolina, que pode por ai 9 na gasolina (estrada).
                Então muitos dizem, poucos TEM!

                • Ricardo

                  Ka-ra, não entendi muito bem, mas com todos esses problemas com o Ka, vc ainda tá satisfeito com ele?

                  Tenho um Classic 2008 (que é o meu segundo) e com 200.000km começou só agora a dar problemas na bomba d'água. Pena que percebi tarde e agora terei de refazer o motor por puro descuido, mas também é um carro que nunca me deu qualquer dor de cabeça. Antes mesmo desse meu descuido, o motor sempre partia bem e de primeira e sempre com álcool, mesmo no frio do inverno.

                  Comprei esse segundo Classic depois da boa experiência com o meu primeiro. Tive também tive boa experiência com meus três Ford Escort Hobby que tive que eram sensacionais e por isso comprei um Ecosport que foi a maior decepção de minha vida. Depois fiquei sabendo que o problema que tive era bem comum tanto nos Ecosport quanto nos Fiesta no motor Zetec.

                  A decepção foi tanta que quando vou atrás de carros hoje em dia, descarto completamente a Ford além da Volks também, que não vou contar aqui por meu relato já estar longo demais.

              • mildred

                Tenho um Polo 2012 que já está com 30.000km. Viajo todo dia 130km ida e volta para o trabalho. Em estrada, o desgaste é mínimo, principalmente embreagem, freio e suspensão (em estrada boa). Sempre ouvi dizer que carro pouco rodado, principalmente os que rodam pouco por dia, que nem chegam a esquentar direito, sofrem mais desgaste que os que rodam muito em rodovia. Daí eu acho que o ka do nosso amigo aqui embaixo com 112k deve estar com o motor mais redondo que a mulher do ka com 5k. Meu carro anterior era um Civic que vendi com 250k sem nunca ter baixado óleo ou água.

            • Cruz

              O meu 1999 está com 108 mil, o que dá uns ~7450 por ano.

              • Ricardo Rangel…

                Meu Corsa 2012 acaba de ultrapassar os 130 mil e é um carro impecável. Não me deixa na mão nunca.
                Todos os itens de manutenção periódica foram e serão trocados. Suas respostas são excelentes. Parece 0km.
                Só lhe falta ABS, possui ab2 e todos os itens citados pelo Paulo Oliveira.

                • Cruz

                  Caramba, rodaste, heim!

                  Também confio 100% no meu, manutenção religiosa, todo em dia, tirando um raladinho fantasma no para-lama, o carro está impecável.

                  Pode até parecer paranóia, mas um carro 0Km pode até trazer alguma surpresa desagradável. O que não falta é relato de gente que comprou um carro zero e se arrependeu porque era uma bomba.

      • O meu 2005 tá com 84 mil! Acho razoável, no meu caso!

  • nightwishjp

    Bom carro, já passou por aqui por casa. Bem caro na época.

  • quirelli

    Show de bola. Tenho o meu 09/10 com 136.000kms e a única coisa que me deu problema até hoje foi aos 75.000kms mais ou menos quando o chicote da ventoinha do ar condicionado deu curto, por conta disso não ligou a ventoinha e o carro esquentou um pouco. Mas logo reparei e parei o carro. Fora isso, é muito robusto, manutenção barata (troque semana passada todo o sistema de freio traseiro, me saiu 58,00 reais as sapatas completas Bosch). Acho seu design bonito ainda hoje e choro só de pensar que ele poderia ter airbag, abs, teto solar, BCM, follow me home e acabamento melhor do que o meu, na sua época do lançamento….

    • CyborgPilot

      Tá vendo como faz falta um termômetro do motor? Vc só não levou um prejuízo grande porque estava monitorando a temperatura do motor. Uma vez eu fui ridicularizado e hostilizado aqui porque reclamei da falta deste dispositivo em vários modelos que estão saindo de fábrica hoje em dia.

      • BlueGopher

        Tipo da economia besta.
        Se bem que hoje em dia muita gente nem olha mais para os instrumentos do painel, e só gosta do conta-giros (quando tem) porque é legal ver aquele ponteirinho subindo e descendo…

        • coresplendor

          Eu sou um dos que deixaria de comprar um carro pela falta do marcador de temperatura. Indispensável pra mim. Eu gosto de saber como está o carro.

      • CharlesAle

        Não só Você Cyborg,mas eu também!!eu disse que realmente um termômetro,quando zero Km,pode até não fazer falta,mas depois de usado,já com desgaste no sistema ou alguma pane elétrica e o carro vir a esquentar,só o termômetro mesmo para salvar,já que geralmente aquela luzinha só acende tarde demais..

      • quirelli

        Por isso que não gosto desse painel novo que a chevrolet vem adotando… Porque, além de preferir o analógico, o terômetro ser digital é fogo viu….. Na minha opnião, aquele painel do cruze e da captiva são lindos, deveriam colocar eles no resto da linha, em vez daquele painel de moto….

      • NIEL SP

        Os carros lançados sem o marcador de temperatura, acendem uma luz no painel qnd o motor atinge uma temperatura considerada alta. ;)

    • geraldo

      haha defeito cronico do chicote. tenho 02 corsas premuim ambos 2008. um seda com 180.000 km e um hatch com 50.000 km e ambos tiveram o mesmo problema do chicote que derreteu e deu curto. eu mesmo troquei ao custo de 10 rs. no mais só alegria

      • Ricardo Rangel…

        Outro defeito crônico é o que faz acender a luz do sistema de controle de emissões… Quando isso ocorre (e segundo comentam os mecânicos vem ocorrendo muito nos 1.4), o carro fica xôxo e geralmente é necessária a troca das duas sondas lambda (catalisador e escape) e do catalisador. Cada sonda custa por volta de 220,00 reais e um catalisador margeia os 1.000,00 reis. Fiquem de olho.

  • kdluciano

    Nem um comentário?? O Corsinha não merece isso.. rsrs. Vamos dar moral a esse carro, que não era tão capado, tinha uma suspensão bem acertada. Apesar do câmbio arcaico e ruim de engatar (quebrava direto uma peça plástica que encaixa numas bolinhas do trambulador).

  • RSan

    3º jogo de pneu com apenas 80ml km?

    • CyborgPilot

      Drift. Não leu que ele gosta de fazer curvas fechadas em alta velocidade? Rsrsrs tô só zuando , não me batam.

      • Foi nem tanto por isso cara, não mesmo. Sim pq os primeiros Pirelle P6000 como já teve matéria aqui no N.A. e tudo mais, era uma bosta, o Genereal Atimax que entrou depois morreu por negligência (falta de alinhamento, balanceamento e tal) Esses General agora entraram aos 78.000km

        • Ricardo Rangel…

          Os Pirelli geram bom grip nas rodovias mas desgastam rapidamente. Se moras em local com topografia que faça ter muitas curvas e estradas com asfalto novo então, nem duram 40 mil km.

  • feantunes7

    Será que é bom para primeiro carro? (o hatch no caso e evitando ao máximo o Celta)

    • thales_sr

      Eu acho que sim. Mecânica simples e eficiente, dá pouco defeito e é barato de consertar. Ainda bebe pouco e anda bem.

    • coresplendor

      Sem dúvida nenhuma.

    • Carlsson

      Pq evitar ao máximo o Celta?
      Eu tive um e era muito bom
      O povo quer começar de 1º carro já com um BMW M3 E46 USADÃO

      • Edson Roberto

        Pq talvez a experiencia com ele não foi tão boa como a sua. Talvez porque considerando carros usados, o Corsa esteja no mesmo patamar de preço, sendo que, possui motor 1.4 e é mais confortavel que o Celta.

        • Corsa tá na mesma faixa de Preço do Celta e um Corsa sem nada oferece mais segurança que um Celta com airbag, estrutura melhor, mais espaço, mais potente e mais conforto. E o seguro ainda é mais barato (pelo menos aqui em Maceió)

      • Ricardo Rangel…

        Meu caro, quando tive de pegar um Celta locado (em duas ocasiões) me assustei como ele é muito, mas muito pior que o Corsa em questão. Se estiver equipado com os pneus chineses originais então… Não há como comparar. Estão em níveis bem diferentes. O Celta é datado de 1993 no Brasil, quando aqui foi lançado como Corsa. Depois, ao ser lançada a segunda geração brasileira do Corsa, a GM lançou o então projeto "Arara Azul", o Celta. Que nada mais é que um reestiling do Corsa 1993 piorado, pois dele ortaram tudo o que poderiam. O comportamento dinâmico do Celta em linha reta a 120km/h ou mais assusta que está acostumado com um Novo Corsa 1.4, fora o espaço, conforto e acabamento superior.

    • Guilherme Boracini Trevelin

      Tenho um 2006 hatch, tb meu primeiro carro.
      Fuja do 1.0, pelo menos o meu bebe MUITO (principalmente quando se puxa as marchas), ele é meio manco e tals..
      Peças são baratas, se você for ficar com um corsa, prefira um mais antigo, porem, 1.4.
      Temos um prisma em casa, (celta sedan), da pra perceber que o corsa ta anos luz do celta, em dirigibilidade, acabamento, duração das peças, espaço interno, em TUDO.
      Afinal de contas, o corsa é "OPEL", ja o celta GMB.

    • Kennedy

      "Será que é bom para primeiro carro?"

      Olá Feantunes, em 2012 comprei o meu primeiro carro, um corsa sedan maxx 1.0 4p GAS (essa é a versão intermediária do corsa).
      Comprei o carro com a KM de 73.000 , ano 2005/2005, paguei 19.900.
      Até hoje o carro não me deu problemas, hoje ele está com 102000 (já rodei bastante), mas a única coisa que precisei fazer nele foi a troca de óleo, filtro de óleo, etc … o que é normal, e a troca dos freios porque estavam ficando gastos.

      Os únicos problemas que apresentou foi a bomba d'agua que estourou e tive que trocar e também um rolamento que estava começando a apresentar uns barulhos estranhos, e somando as duas trocas, gastei menos de 400 reais, fora isso não tive que trocar mais nenhuma peça por defeito.

      E olha que ando com o carro 100 km por dia para me locomover até o trabalho (ida e volta).

      Na minha opinião, é um ótimo carro para se começar, mas isso vai de cada um.Espero ter ajudado.

  • Leandro1978

    Bem legal a sua avaliação, bastante completa. E vc parece estar satisfeito com o carro e isso é que importa. Lembro quando foi lançado, que a versão top era bem equipada para a época e com acabamento que não deixava a desejar para modelos maiores (bancos de veludo, p.e.). Depois parece que vão piorando o acabamento. Falo isso por experiência própria, pois a minha mãe teve um Corsa 95 e anos depois eu tive um Corsa Sedan 2000, era gritante a queda na qualidade do acabamento, embora continuasse robusto. Quanto aos próximos carros em sua garagem, vc não considera o Cobalt como opção?

    • Edson Roberto

      Isso que é o curioso. Ele considera todos os sedans compactos e não coloca os modelos que possuem os valores proximos. Eu abriria mão dos modelos topo de linha dos compactos para subir um pouco mais. Quer dizer, subir é se referindo a uma categoria que entrega mais por menos…

      • Não considerei o Versa por conta daquele interior feio e imaturo, me preucupo mais com interior que com exterior até. O Cobalt não considerei pois assim como o Agile jaja ele ganha uma interferência estética e o 1.4 é bem anêmico, teria que ser o 1.8 que ja foge um pouco do que seria a vista

      • Leandro1978

        Pois é, mas pode ser que ele prefira um modelo mais compacto mesmo. Pessoalmente, pela pouca diferença, levaria o maior, principalmente pelo conforto.

  • Landrutt

    Meu vizinho tem um 2011, exatamente igual a esse. Pensava que tivesse airbags pelo menos. Ele gosta do carro, comprou de uma tia do interior que compra carros zero km mas roda muito pouco por morar em cidade pequena e no centro, onde tudo é perto, e não passa mais que dois anos com um carro porque "abusa" – ele pegou o Corsa com menos de 10 mil rodados no início desse ano. Uma pena terem depenado tanto o modelo nos últimos anos de vida, quando lançado o Corsa C tinha o melhor acabamento do segmento.

  • Louis

    "troca prematura do kit de embreagem por mal uso" Parabéns, um dos poucos relatos que li que admite mau uso, pois muita gente não cuida direito e bota a culpa no carro.

    • PedroTelles

      Também admirei muito essa atitude dele.

    • PEDRO_HAWK

      Gostaria que ele explicasse como se deu este mau uso e se realmente é a opinião dele ou se a lavagem cerebral da concessionária foi bem feita…

      • Louis

        Tem essas também. Meu carro, quando estava com 40 mil km, "condenaram" os amortecedores. Como não caio no papo de qualquer mecânico, estou com os mesmo amortecedores com 110 mil km, e a estabilidade do carro ainda está boa.

      • Carlos_brown

        No caso dele parece não ter sido papo de concessionária, pois ele relatou que nunca levou o carro a uma, pois se vale dos serviços do seu mecânico de confiança, mas também gostaria de saber quais foram as condições de mal uso. O Meu velhinho está com o mesmo kit a pelo menos 93000 que é oque eu já rodei, fora o que o dono anterior rodou com ele.

  • PauloPV

    Grande veículo, tivemos dois um 1.0 e ou outro igual ao seu 1.4, ótimas compras.

    Veículos resistentes e dignos com pouca desvalorização e só manutenção preventiva.

    A única alegria maior é o meu Sonic SD LTZ atual que apesar de muitos tentarem equiparar com o Astra na verdade veio ocupar o lugar do Corsa.

    • JosePH

      Não quero parecer rude, mas se você pagou o preço de um Astra em um Sonic, então você concorda que os dois se equivalem.

  • Paulo

    Texto muito bom. Relato aparentemente sincero. É um belo carro, mesmo com um motor "pequeno". Infelizmente a depenação da GM o prejudicou demais perante os outros.
    Se pensa em trocá-lo por outro veículo de proposta semelhante, o Prisma é um bom candidato.

  • O carro sai de traseira E dianteira? como assim? ele pula pra fora da curva?

    • Assim, na entrada da curva se vc entrar muito forte, ele joga a frente, ja a traseira ele joga se você sair da curva muito forte, sacou?

      • Carlos_brown

        Temeroso isso hein, deve dar uma aflição danada.

      • Igor

        FWD saindo de traseira? Comportamento dinamico FAIL neh?

  • Cruz

    E com termômetro e lugar para colocar tweeters nas portas!

    Pequenos detalhes que infelizmente estão virando raridade hoje em dia.

    • Carlsson

      Meu Gol G6 tem lugar para tweeters nas colunas.
      Pode inclusive vir de fábrica com eles.

  • bedotRJ

    Ele pagou R$ 40mil nesse carro no início de 2010. Por esse preço hoje, 3 anos e meio depois, ele compra o Cobalt LT 1.4, que é maior, mais moderno, mais bem acabado e mais seguro (ABS e airbag). Isso prova que o mercado, de certa forma, evoluiu sim. E os preços não aumentaram da forma como se alardeia por aí.

    • BlueGopher

      Olhando aqui na 4R, um Chevetinho Hatch 1979, peladão como eram os carros daquela época, custava o equivalente a atuais R$ 56.853,00.
      Mesmo com o aumento real nos salários dos metalúrgicos, o preço dos carros baixou um bocado.
      Devemos agradecer às novas tecnologias de produção, à redução do tempo de fabricação, ao aumento de produtividade geral, etc.
      Por outro lado, fica claro porque a quantidade de carros circulando aumentou tanto.

    • Marcelo_Machado

      Nesse segmento com certeza. Mas se vc analisar dos famigerados compactos premium pra cima os valores subiram bastante. Veja o segmentos dos hatch médios atualmente. Com 70 mil que se comprava o mais completo, hj compra-se o mais básico.

    • CharlesAle

      Minha opinião também!!!queira ou não acreditar,os carros hoje estão com preços,comparativamente,bem melhores e acessíveis que similares do passado.Não tem nada a ver com a economia(e nem com esse lixo de gov.que está em Brasilia)mas sim com o amadurecimento do mercado,como você mesmo diz….

    • geraldo

      tambem paguei 40.000 no sedan e 38.000 em um hatch ambos premium so que em 2008. comprei os 02ao mesmo tempo. baita carro so manutenção preventiva e olha que o sedan ta com 180.000 km e o hatch com 50.000 km

  • dudupruvinelli

    Que baita avaliação. Ele é bem mais do eu pensava… mas tchê, pra que tanto carro? kk Abraços

  • Daniel

    Acho meio tarde esse carro ser 2011; só acontece no Brasil: carro com aparência da década passada; por isso que se vê uma jeringonça anos 80, quando na verdade vc se depara com um modelo 1997! ):

  • coresplendor

    Pra mim é um excelente carro, sou suspeito a falar pois tenho um também, mas o meu é a versão mais completa, Corsa Sedan Premium 2005 1.8, hoje está com 108Mil Km, (só não tem ABS, teto solar e airbag porque eram opcionais, e o que eu comprei o rapaz não pegou esses opcionais) comprei por R$21.500,00 há 2 anos e meio. O carro é o capeta pra andar, faço 0-100 em 9,9s, sou simplesmente apaixonado por ele. Pretendo um dia também fazer uma análise pro site um algum dia. Uma das coisas mais elogiadas quem anda no meu carro além da força que tem, é o ar condicionado, muitos não sabem mas essa versão do corsa assim como astra e vectra, possui um eletro ventilador somente pro condensador, ajudando a resfriar ainda mais (coisa rara de se ver nos carros atualmente). Engraçado que andando no carro, pessoal fica "pow, diminui o ar aí que ta muito gelado, e eu respondo, mas ta no minimo pow, ta no 1…" E pelo que pude ver, esse outro eletro ventilador foi outro item que a GM acabou retirando nos mais novos.

    • Louis

      Só uma observação, o 1 do "ar condicionado" refere-se a velocidade do ventilador, se quiser deixar a temperatura mais amena, deve-se regular na temperatura onde há marcação azul e vermelha.

      • coresplendor

        É isso, acabei me expressando errado. A temperatura fica no minimo, mas a velocidade do ventilador fica no 1.

        • Edson Roberto

          Olha…. o dia que achar um HATCH com teto solar, air bag duplo e ABS talvez eu compre. Pois encontrar esses modelos de Corsa com tais itens é mosca branca viu.

          • eduardo82br

            Há muito tempo atrás (2007 eu acho) eu vi em uma CSS um Hatch Premium 1.8 Branco 2004 completo, incluindo AB2, ABS e teto solar. Na época custava bem mais do que eu podia pagar, senão, teria comprado.

          • quirelli

            Olha que coisa horrível…. Eu conheço a dona de um desse, sedan, preto, top com teto, 01/02, placa D, ex-carro da frota da diretoria da GM de São Bernardo do Campo, comprovado no manual. A mulher quase não anda com o carro e guarda ele embaixo de uma lona. Aquele carro ainda vai ser meu, sou apaixonado nele. Acabamento e ítens de série… Fora as funções escondidas na central eletrônica do carro, como ESP. Sim, ele existe, é só ir em uma concessionária e com o TECH-2 ativá-lo. https://fbcdn-sphotos-g-a.akamaihd.net/hphotos-ak

            • Edson Roberto

              Revoltante. Tem um sedan desses azul ano 2004 em meu bairro. Só que o dono não cuida, a pintura é toda queimada…. horrivel.

              Duvida… existiu esse Corsa com bancos em couro? Agora… se fosse ter, gostaria de um hatch.

    • Esse da avaliação 1.4 tá fazendo 11s cravaaaados no 0-100km/h tenho um video pra provar, não sei se posso postar aqui.

    • Mario

      Corsa 2005 não tinha teto solar como opcional.

  • Pedro P

    esse carro poderia ser o classic

  • Careca

    Tempo em que a GM fabricava carros menos feios, Cobalt sem chance!

  • eduprogramador

    " O Cambio nao ajuda na velocidade Final" o carro da 200KM/h de final! To achando meu carro um lixo depois desse comentario. Acho que se o corsa tivesse um cambio melhor bateria 230KM/h. Meu corsa 1.4 a 200km/h ou o velocimetro marca errado ou mediu isso enquanto estava caindo de um precipício! Mas tirando isso é um bom carro em 2002 quando lançou quase comprei um! O que peca hj em dia na minha opniao é a falta de itens de segurança. um modelo 2011 deveria contar com ABS e Airbag duplo.

    • eduardo82br

      Marcar o carro marca, mas nunca que isso é a velocidade real. No youtube tinha um vídeo de um capiau pegando 200 km/h com um Corsa 1.8 na Imigrantes.

  • Thiagusss

    muito boa avaliação! gostei!
    quais outras opções haviam na época nessa faixa de preço com air bag e abs?

  • marcelo b8

    recomendo q vc desista de comprar o voyage e o grand siena pois o prisma e PRINCIPALMENTE o COBALT sao bem melhores q eles… o hb20s so e bom negocio mesmo na versao 1.6 16v pois a formula sedan+motor 1.0 nao da certo de forma alguma, sei oq digo pois ja tive um classic life 1.0 vhc flexpower e um prisma maxx 1.4 econo.flex, o prisma era muito melhor q o classic no desempenho. mas voltando ao assunto de sedans pequenos os melhores sao mesmo o COBALT, PRISMA e HB20S msm!

  • Rodrigo

    Em 2007 adquiri 0km um Corsa 1.4 Econo.flex hatch, modelo Maxx. Na época o meu carro foi uma das primeiras unidades a estrear o motor 1.4 Econo.flex. Ironicamente, o meu possuia o airbag duplo, apesar de deixar de lado os mimos estéticos (painel prateado) e de conveniência (vidros elétricos, alarme, retrovisores elétricos, rodas de liga, etc). Mas isso aos poucos eu fui adicionando.
    Para resumir: fiquei 5 anos e meio com o carro e vendi-o com 170 mil km originais. Nunca tive um problema grave sequer com esse carro, tirando a questão do problema de partida a frio cuja causa era o sensor de borboleta do acelerador eletrônico que acometeu as primeiras unidades desse motor e que a GM resolveu em garantia (demorou uns 3 meses, mas solucionou). Depois disso, só revisão de rotina a cada 10 mil km.
    Gostava muito do "Corsinha", viajei muito com ele. Concordo em boa parte com as suas impressões, só não concordo quanto à imprecisão da direção, pois no meu era direta até demais. A suspensão, concordo, é macia demais e não privilegia tanto a estabilidade em curvas, mas não acho que seja insegura. Uma característica que percebi no Corsa é que eu achava que os amortecedores tinham uma durabilidade muito baixa. Em média, a cada 40 mil km eu tinha que trocá-los por problemas de vazamentos, tanto os originais da GM – que eram da marca Monroe – quanto os da Cofap. Em outros carros que tive / tenho, costumo trocar os amortecedores com mais de 50 mil km tranquilamente. Tem que ver se os do seu carro já não estão precisando trocar.
    O que mais me agradava no carro era a relação entre desempenho e consumo, já que o carro andava bem e não gastava tanto. Outro ponto positivo é que é relativamente barata e simples a manutenção deste carro. Seguro também achava num valor intermediário (média de R$1700 / ano).
    Mas como nada é perfeito, achava o carro muito pobre em material de acabamento (que, ironicamente, sempre foi o forte da GM), itens de conforto, porta-objetos e espaço.

    • geraldo

      tenho 02 premium ambos 2008 tirados zero. e isso ai so andar e manutenção preventiva tive a sorte de comprar ja com os tbi´s melhorados sem os problemas de soluços e de partida. não penso em trocar tão cedo

      • Rodrigo

        Pois é, o Corsa foi o segundo carro da GM "meu", já que em casa todo mundo tem carro Chevrolet (com exceção de minha irmã que tem um 500 e está vendendo pra pegar um compacto AT (Sonic AT ou Onix AT).
        Agora tenho um Sonic e pra ser franco não sinto a menor saudade do Corsinha, hehehe. Seu sucessor o supera em praticamente tudo (menos no valor da manutenção e no preço do seguro).
        Estou até pensando em fazer um relato de impressões com o carro, mas vou esperar ele completar um ano de uso para poder relatar minhas impressões com mais fidelidade.

    • gustavo ce

      Muito bom seu comentário. Tenho um Premium 1.4 2008 e parece que vc tá falando dele. Só não concordo com a parte final, o acabamento dele é melhor que o do Cobalt e melhor que muito carro de hoje.

  • Robson

    Avaliação muito boa. Possuo há 4 anos um exatamente igual, mas a versão Hatch dos primeiros 1.4 ano 2007 mod. 2008, que adquiri com 18 mil KM. Não o acho ruim de velocidade final não, o problema maior e que me incomoda mais, é que o motor só desperta em rotações médias, em baixas ele é bem ruim de retomada. O acabamento até os 50.000 KM tava bem, depois, mesmo com alguns apertos aqui e ali, bate tudo, o meu está uma verdadeira escola de samba, e já desisti disso. As peças de suspensão também não são das mais baratas, já que por exemplo, as buchas das bandejas, são rebitadas, ou seja, não se troca buchas e sim a bandeja inteira (até existe no mercado a peça vendida separada, mas honestamente não arrisquei) No mais, só tenho alegrias com o carro, manutenções preventivas, trocas de óleo no mesmo esquema 5w30 a cada 7.000KM com todos os filtros e só. Ahh e o AC gela muito bem, é impressionante.

    Alguém ai citou o fato dele estar no 3º jogo de pneus. O meu tem 80.000KM e tb estou no 3º jogo, achei coerente, e não sou de "fritar" pneus não. O primeiro original Pirelli P6000 como o autor mesmo já disse, era horrivel, não via a hora de acabar. Depois coloquei um igual ao da foto, Altimax. De inicio só alegria, mas o pneu tem borracha mole demais, e gastou bem rápido, agora o 3º jogo é Michelin, esse sim, finalmente casou bem com o carro e já rodou 10.000KM e parece como novo ainda.

    E pra quem perguntou também se vale como primeiro carro. Acho que vale muito. É um carro honesto e relativamente barato de se manter, apesar de ter sido bem capado pela GM principalmente em sua fase final. E como o próprio autor citou, tudo que você precisar de informação, tudo mesmo. Só acessar o site do Corsa Clube, a galera lá conhece muito do carro, e tem informações pra manter ele sempre em dia.

    • RSan

      Eu que falei do terceiro jogo de pneu… é que rodei mais de 80000km com um jogo de GPS3 da Goodyear!!! Nem o pessoal da DPaschoal acreditou quando fui trocar!!! Mas isso foi em estrada. Na cidade o consumo de pneu é maior mesmo.

  • Wco

    Comprei um Corsa Hath 2012 0Km em junho de 2012, um dos últimos fabricados, completo, com alarme, vidros, Central de travas elétricas e Fechamento automático dos vidros das portas (Keyless EntrySystem) com AirBags mas sem ABS. Paguei 31.000 com pintura metálica. Realmente se tive um preço destes nos últimos anos e não apenas nos 45 do segundo tempo as vendas teriam sido melhores….
    O carro é bom mas o consumo poderia ser melhor, principalmente por causa do tanque pequeno: 45l apenas.

    • Henrique

      Comprei também o Hatch do último lote fabricado em 2012 e gosto bastante do carro! Mas com 25000 km pifou a bomba de combustível (94741608) e nenhuma concessionária tinha para reposição. Inclusive a fábrica informou que não tem este item para reposição (eles sugerem a bomba do Corsa fabricado até 2009 (93373265)).

  • Anderson_sp

    200km/h em um Corsa 1.4 só se soltarem ele em queda livre lá do Grand Canyon da parte mais alta, já tivemos um desse em casa e depois um Fiesta Sedan e o Corsa é bem mais apertado que o Fiesta, é sim um bom carro, mas já teve seu tempo.

    • marcio233

      Estou no terceiro 1.8 e em dois deles coloquei os 200 Km/h, sem Canyon…

      • Anderson_sp

        Sem Canyon foi boa, kkkkk.

  • marcio233

    Parabéns pelo Corsa e pelo comentário! Como ex-proprietário de 4 corsas e atual do quinto, acompanhei as gerações e as economias no acabamento. O atual – um sedan 1.8 premium 07/08 seminovo (raro, pois depois de 2008, esta versão só saiu por venda direta) tem AB2 e ABS, vidros elétricos nas 4 portas e vários mimos, como acendimento gradual das luzes ao destravar o carro. Se este carro vendesse completo como os de venda direta, teria força neste mercado, pois as qualidades superam os pontos fracos. E ainda tem a manutenção fácil e barata, o que valoriza o usado na revenda e diminui o custo para mantê-lo.

  • lucasfs87

    Peguei um igual ao seu emprestado por um dia e gostei do carrinho, achei ele meio quadradão mesmo, mas um carro bem honesto.
    Em troca dele pegaria um Logan 2014 ou Prisma ou Cobalt, por mais que ache este ultimo extremante feio

  • paulistadalapa

    Legal, tenho um corsa 1.4 hatch com 125 mil km comigo desde zero também. Carro bom, econômico e o motor agrada bastante.

  • João

    Tenho um Corsa sedan 2005 1.8 maxx, carro extremamente confortável, design lindo, completo,anda muito tbm pena a Chevrolet não ter dado o devido valor a ele, e como disse um cara ai em cima, pecou por matar um nome tão forte no mercado!

  • Diego

    bom acabamento?

    • gustavo ce

      Compara com o acabamento de um Cobalt básico 2013 e de um Etios 2013 pra tu ver

  • Lexus GS300

    Confesso uma coisa! A critica dura que tenho com a GM é que deveria ter tirado o Classic de linha e mantido esse modelo aí em produção como versão de entrada. O Corsa B possuia subchassi, dispositivo que não se encontra em modelos da marca como Celta, Agile e Classic. Mas a ganância e fome "de leão" da GM preferiu garantir um modelo de 18 anos na linha que essa versão lançada em 2002.

    • zeuslinux

      Verdade pura.

      Mas o segmento de carros compactos de entrada é quase todo ele vergonhoso. É carro que só serve para empresa fazer frota e colocar peão para dirigir. É uma tremenda besteira uma pessoa física comprar esses carros. É muito melhor comprar um carro melhor seminovo.

    • gustavo ce

      Disse tudo.

    • gcarlos

      Mas não foi a GM que tirou de linha, foi o consumidor continuou comprando o Classic

  • Y07

    Tenho um VHC Flexpower 2006, que já foi postado aqui!!!

    Ele deu 172 Km/h de velocidade final e 14,5 de 0 a 100 Km/h… Tendo em vista que é um 1.0, foi ótimo!

    Fiz 17,49 Km/L na gasolina, na estrada, nessa ocasião em que coloquei 172 Km/h.

    Ou seja, acho que ele chegaria a 19 Km/L a 100 Km/h!

    Parabéns pelo carro!

  • chinese

    Que saudades, meu pai teve um modelo 2003 1.0 basicão por quase 8 anos.
    o carrinho sofreu muito nas mãos dele, mas aguentou, salvo alguns problemas no câmbio, até os 190 mil km praticamente inteiro.
    Infelizmente teve de ser vendido, por mixaria, após uma batida no para-lama esquerdo…

  • GustavoHM

    Carrinho top, a GM não devia ter tirado de linha!

    • gustavo ce

      vdd

  • RX8

    Tenho um GOLF 2001/2002 impecável , e pra mim ele e um adolescente ainda, esta com 132.000km. antes tinha um GOLF GLX azul ametista (cor linda), mexicano modelo 95 que fiquei com ele por 8anos, quando a preguiça deixar , vou fazer o relato aqui. hehehehehe

  • WagnerSCS

    Orra, 1.4 de 105 cv e dando 200 km/h de máxima? Putz, anda bem hein!
    Ontem, um dono de um Logan 1.6 8v me disse que já conseguiu dar 210 km/h de máxima…

    • coresplendor

      o corsa c sedan consegue uma velocidade final perto dos 200Km/h porque tem um arrasto aerodinamico muito baixo, 0.306, enquanto rivais na versão sedan ficam na casa dos 0.32 ou 0.33, e isso impossibilita de eles alcançarem marcas de velocidade final semelhantes ao do corsa, por mais que queiram, não conseguem, levando em consideração que os concorrentes variam a potencia que vai da casa dos 90cv aos 128cv.

  • Fabio D.

    O carro tá bem cuidado e demonstra ser um modelo confiável. Aliás, é, pois inúmeros taxistas o utilizam no dia a dia, ele e o Meriva. Só faço uma ressalva: Percebam o tipo de acabamento utilizado neste modelo, top de linha, e num GLS 96. Cara, que saudades… Infelizmente o mercado faz isso, não só por ganância dos fabricantes, mas também por conta de corte de custos.

    No meu carro, um Clio 2011, já percebo diferenças de acabamento para o 2014… Isso que é um modelo simples, de entrada. Nem falo nada do Privilége 2006. Um amigo tem um e é outro departamento…

  • Mc_

    Apesar de também ter um Corsa C, não posso opinar quanto ao desempenho, pois o meu é 1.0 (nas estradas ele me ensinou muitas lições de paciência e humildade kkkkk). É um carrinho com 10 anos de idade e que ainda consegue oferecer itens de comodidade que muitos 0km não têm. Se o meu fosse 1.4, eu não venderia nunca!

  • Bruno Alves

    Entre esses que você citou para trocar o seu Corsa, o HB20S Premium 1.6MT é o melhor, mais também é o mais caro.

  • Allan Victor Kaiser da Silva

    e o New Fiesta ?

  • gustavo ce

    Boa análise.
    Tenho um Premium 1.4 2008 comprado zero. Um carro muito bom. Para ganhar 10 esse carro precisaria de um banco com apoio lombar (como o texto fala), um motor 1.6, e um melhor isolamento acústico.
    Tive que pagar pela troca do sensor da borboleta pois estava fora da garantia. A GM devia ter feito recall, muitos tiveram esse problema.
    Os amortecedores duram pouco, talvez as saídas que vc relata seja por isso. Sempre me senti seguro com ele na estrada.
    Acho esse 1.4 disposto (com meia carga), não acho que as marchas sejam curtas, pelo contrário. E até gosto da 3a mais longa, pois uso-a em quase toda ultrapassagem… Nunca tentei, mas acho que ele não chega em 200km/h no plano.
    Comparado aos carros atuais o acabamento desse Corsa é muito bom e ele é bem confortável. Melhor que o do Etios e até que o Cobalt básico…
    Sem falar que ele tem coisas que hoje só em seguimento superior: alarme fecha os vidros, amplo rádio integrado, temperatura exterior, luzes guia dos vidros elétricos, cinto 3 pontos no centro, dimer das luzes do painel.

  • velhomisantropo

    Bem capaz de vc passar raiva ao comprar um carro novo….. Recomendo seriamente ficar com esse carro por mais uns dois anos, afinal o ipva deste carro é baixo e o seguro é bem barato, com um carro novo vc vai gastar horrores com revisoes obrigatorias e seguro caro, alem de um ipva pornografico. Pense bem!

  • gcarlos

    Gostei…. da casa. Bela casa, com certeza melhor possuí-la que o carro.

  • Wcosta

    …foi muito honesto de 2002 até 2010, hoje bem substituído pelo GM Prisma, porém hoje a GM ainda deve versões com motores mais modernos e mais robustos, como o 1.8 que já equipou o saudoso carro em questão.

  • andre

    Um dos melhores relatos que já li nessa seção, realmente deu a sensação de que se conhece mesmo o carro e como tenho um modelo igual porém 2006 1.8 e completo de tudo posso atestar o que citou e que só faltou citar a qualidade do tecido dos bancos no quesito acabamento no mais, um excelente carro e com relação ao novo carro pretendido se não fosse tão caro ficaria com o prisma,abraços.

  • Mario

    Corsa R7C? Esse é R6P amigão!

  • Marcus Nascimento

    Dá até agonia ver as fotos do carro, sabendo que custou "40 pilas". Todo mal acabado. Bem típico para público brasileiro.

  • antonio

    Tenho um corsa modelo 2008 1.4 e estou satisfeito com o carro dentro das expectativas. É muito bom de estabilidade, motor anda bem, a caixa de cambio é muito boa e está bem escalonada. Tamém é bem econômico, não da problemas. Pena que deixaram de fabricar este modelo, na verdade deviam colocar o motor 1.6 nele com caixa de 6 velocidades e freio ABS. O custo talvez ficasse em torno de R$ 45 mil, se fizessem isso eu trocaria o meu. Assim não vou trocar porque não gostei de quase nenhum outro carro. Abraços….

  • vinicius

    gostaria de uma dica . meu corsa sedan 2000 parece uma escola de samba na direção , ja troquei o rolamento da coluna e só durou um mes , fiz revisão na caixa de marcha e nada adiantou , Essa trepidação ocorre em lenta em buracos ou paralepipedos , Por favor , quem puder me dar uma dica eu agradeço

  • Eduardo Rosário

    Gostei do seu post. Considero um carro muito bom. Em relação as curvas, estou acostumado com o corsa hatch. Ele entra perfeitamente bem, não tenho o que reclamar.

  • Eduardo Rosário

    Como próxima opção, considere o Prisma LTZ. É um carro muito bom, extremamente firme e confortável, sem contar com a aerodinâmica e o design inovador. Vale a pena o investimento.

  • Josué Braz

    só estou passando pra te agradecer Paullo Oliveira, eu estou muito
    interessado num Corsa Sedan Premium 2011/2011 1.4 e não conhecia muito
    bem ele, por isto foi de muita importância ver este seu artigo, deu pra
    ter uma boa noção de oque estarei comprando. abraço

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend