Usado da semana

Carro da semana, opinião de dono: Fiat Palio Sporting

Olá galera. Primeiro, um histórico da compra do carro. Como a maioria deve saber, a Fiat teve problemas para entregar os pedidos após o lançamento do Novo Palio (talvez ainda tenha, não sei como está no momento), especialmente da versão Sporting.

O meu não foi exceção. O pedido original foi feito no dia 17/12/2011, de um Palio Sporting 1.6 16v manual, vermelho Modena (sólida) com os kits Emotion 2 (faixa vermelha no painel, apoio de braço central e acabamento interno com mais detalhes em vermelho) e Evolution 2 (rádio Connect e retrovisores elétricos), mais parafusos antifurto das rodas, vidros elétricos traseiros e volante em couro com comandos dos rádios.

Na época (sem a redução do IPI), o valor do pedido era algo em torno de R$ 44.000,00. Não que eu tenha que me justificar pela escolha, mas na época, versão Sporting era a única que oferecia Air Bags e freios ABS (kit HSD) de série. Para equipar a versão Essence com os mesmos itens, a diferença era bem inferior a R$ 1000,00. A Sporting ainda conta com suspensão rebaixada em 20 mm, bitola alargada (dianteira em 6 mm e traseira em 10 mm), a direção tem relação mais direta, o diferencial é mais curto, suspensão e amortecedores mais rígidos.

As rodas de liga leve da Sporting também são maiores em relação às da Essence (16” contra 15”), além de calçarem pneus mais largos e de perfil mais baixo (195/55 R16 contra 185/60 R15). Fora é claro, as diferenças visuais. Depois de algum tempo, a Fiat começou a incluir o kit HSD de série para as versões Essence e Attractive 1.4.

Pois bem, pedido feito, o prazo para entrega era de 60 dias no momento. E não foi cumprido. Com diversas datas de entrega prometidas, após 90 dias de espera o carro sequer havia sido fabricado. Fiz diversas reclamações no SAC da Fiat, na sua página do Facebook e inclusive uma aqui no NA (https://www.noticiasautomotivas.com.br/novo-palio-versao-sporting-tem-demora-de-ate-120-dias-para-entrega/). Já estava na segunda quinzena de Março e estava procurando outros carros que tivessem à pronta entrega. Eis que lá pelo dia 20, numa ligação ao vendedor da concessionária, “surgiu” uma unidade sem dono no sistema da concessionária.

É o das fotos, na versão Sporting Dualogic, apenas com kit Evolution 2 e volante em couro com botões do rádio, no valor de R$ 45.500,00. Depois de negociar com o gerente, a concessionária arcou com os custos da documentação e emplacamento, o que seria um desconto de pouco mais de R$ 1000,00. Na época, a versão com câmbio automatizado era a única que contava com piloto automático de série (opcional para as versões 1.6 com câmbio manual atualmente).

O carro foi retirado no dia 29/03/2012, mal lavado e com um problema na fechadura da porta traseira direita. Não abria por dentro, mas não era a trava para crianças que estava com problema. A peça foi trocada em garantia no dia seguinte e o problema foi resolvido. Aproximadamente um mês após, o rádio começou a apagar e a “solução” que encontrei foi remover e instalar novamente o respectivo fusível. Tive problemas também com a borracha de vedação do arco da porta do motorista, que veio presa fora de posição pelo painel do carro.

Esta foi substituída em garantia. Quanto ao rádio, foi feita uma atualização no software que parecia ter resolvido o problema, até algumas semanas atrás, quando o problema voltou. Fui informado que o rádio será então enviado para a assistência técnica, mas farei isso na próxima revisão apenas. O carro também apresentou ruídos no acabamento da coluna A esquerda (resolvido com calços de espuma), ruídos no banco do motorista (estes ainda persistem mesmo depois de reparo) e ruídos no fecho direito do mecanismo de trava do encosto do banco traseiro (resolvido).

Para completar, os acessórios instalados na concessionária foram os parafusos antifurto das rodas, alarme e protetor de cárter. O carro atualmente está com 11.500 km aproximadamente e foi feita a troca de óleo e filtro com 7.500 km, pois se enquadra no uso severo. Dito isto sobre a minha unidade, vamos à avaliação do carro em si (notas de 0 a 10).

Notas do Fiat Palio Sporting

Preço – Tirando o fato de carros em geral no Brasil são absurdamente caros, eu vejo esta configuração como mediana. É um pacote completo de equipamentos, apesar de pessoalmente considerá-los básicos, sendo que ainda conta com alguma exclusividade por conta do visual. Peca por não trazer itens mais básicos de série, como vidros elétricos traseiros, protetor de cárter e alarme. Na versão Dualogic, as borboletas no volante também deveriam ser de série. A garantia também poderia ser maior (de apenas 1 ano). Nota 6.

Desempenho – O motor E.torq é bem esperto e acompanha com certa facilidade carros com motores 1.8 e alguns 2.0. Seu melhor rendimento é acima de 4 mil RPM, mas ele já entrega força suficiente aos 2,5 mil RPM. Abaixo disso ele é indisposto. O câmbio Dualogic entrega o que promete: conforto no modo automático e interação no modo sequencial. É preciso aprender a usá-lo para extrair o melhor dele, mas é bem fácil e vem bem explicado no suplemento que acompanha o manual. Mesmo assim, alguns engasgos ainda podem ser percebidos em algumas situações. Nada comparado à geração anterior, a do Stilo (já dirigi alguns). Em algumas situações, o câmbio fica indeciso sobre qual marcha engatar. Ainda não conheço o câmbio Dualogic Plus que promete resolver esses problemas e adicionar conforto com o “creeping”. O diferencial encurtado compensa os tempos de troca mais lentos do câmbio automatizado, mesmo com o modo Sport ativado. Nota 8.

Dirigibilidade – O carro é bem assentado, mesmo nas versões “normais”, como a que fiz o test-drive (Attractive 1.4). Inclina pouco nas curvas e filtra bem as imperfeições do piso. A versão Sporting é melhor ainda. Não chega a ser dura, mas é notável a melhora na estabilidade e no “feeling” da pista. Se abusar, os pneus cantam e o carro sai levemente de dianteira, mas é facilmente controlável e não passa insegurança. Pra quem vai no banco de trás, é um pouco desconfortável, como a maioria dos carros com barra de torção atrás. Nota 8.

Segurança – Os freios atuam bem e param o carro com segurança sem maiores problemas. O ABS atua bem e como esperado. Oferece Air Bags laterais por um preço razoável, mas que aproxima demais o valor do carro de categorias acima, mas é um diferencial para o segmento. A Fiat poderia aproveitar a inspiração de casa (do 500) e oferecer freios à disco nas rodas traseiras, pelo menos nas versões 1.6. A visibilidade é boa em todos os lados. Nota 7.

Consumo – Percorro aproximadamente 50 km por dia, sendo quase tudo em trecho urbano muito congestionado. Com etanol (que é mais vantajoso na região onde moro e com o consumo do carro) faço a média de 7 km/L. Com o ar condicionado ligado essa média cai para 6,5 km/L. Em períodos de férias escolares, onde o trânsito fica mais condizente com o “normal” de um trecho urbano, o rendimento vai para 7,5 km/L. Com gasolina a média é de 8,5 a 9 km/L. Na estrada, com etanol a média é de 10,5 a 11 km/L e 13,5 a 14 km/L com gasolina. Essa variação se deve ao uso ou não do ar condicionado, na média. Nota 6.

Conforto e conveniência – Apesar dos problemas que tive, o sistema de som é bom. Não impressiona, mas também não faz feio. Há conexões Bluetooth, USB e para iPod, mas mal localizadas, pois ficam dentro do porta-luvas. A ideia é evitar que o motorista as use com o carro em movimento, mas convenhamos que é melhor quando estão ao alcance das mãos. Os comandos no volante ajudam muito, mas faltou o botão do telefone, apesar dele estar bem próximo do volante. O piloto automático é muito bom e torna as viagens muito mais confortáveis e o comando é bem fácil, apesar de não ficar visível, escondido pelo volante. Os comandos e funções do computador de bordo são bons, e apesar de não parecer, ficam bem localizados. O que não é bem localizado é o comando dos retrovisores, que deveriam ficar no apoio de braço da porta. O ar condicionado é eficiente, mas o comando de recirculação poderia ser por botão. Acionamento automático do limpador traseiro ao engatar a ré ajuda quando está chovendo (quando o limpador dianteiro esta ligado). Nota 7.

Vida à bordo – O espaço interno é condizente, melhor pra quem vai na frente. O teto alto garante espaço para a cabeça de todos. Se os bancos dianteiros estão ajustados para pessoas de mais ou menos 1,80 m, a parte de trás recebe bem quem tem até 1,70 m. Mais que isso começa a ficar espremido. O banco do motorista tem ajuste de altura, assim como a coluna de direção e é fácil achar a posição de dirigir. O porta-malas é razoável para até 3 pessoas. São poucos porta-objetos, mas os existentes são bem úteis. Nota 8.

Acabamento – Plásticos duros por todos os lados, como manda o segmento, mas apresentando diferentes texturas e cores, o que acaba dando um bom visual. Pude ver a série especial Interlagos no Salão do Automóvel 2012 e nela o esquema de cores dos plásticos é melhor, mais escuro. Os encaixes são bons e quase não existem rebarbas. Nota 8.

Nota média – 7,25

Por Daniel Lacerda Ribeiro





  • Leandro1978

    – Você chegou a considerar outros modelos, como o Punto ou outros concorrentes a pronta entrega e compreços próximos?
    – Os defeitos citados me parecem serem típicos de modelos recém-lançados.
    – O importante é que você esteja satisfeito com o carro.

    • DanielLRib

      -Sim, mas os que me interessavam também estavam com demora na entrega. Se o prazo inicial de 60 dias tivesse sido cumprido, estaria dentro dos meus planos sem problemas. Só voltei a pesquisar outros carros depois de 60 dias esperando. O Punto não me interessava, pois eu sabia das modificações que ele iria sofrer, então não vi ele como uma boa compra no momento.
      -Sim, atribuo os defeitos por ser um modelo totalmente novo.
      -Estou satisfeito com o carro sim =D

  • victormsousa

    ótima avaliaçao e foi uma bela compra, tendo em conta que naquela epoca, os preços eram mais inflacionados, tenho muita vontade de comprar um palio sporting dualogic, porem só vou efetuar a compra quando o mesmo vier com dualogic plus.

  • O carro é realmente bonito e nessa nova versão veio com vários adicionais e pacotes interessantes, pena ainda não ter chegado nesse nível(Ainda estou começando com 1.0) de categoria(1.6) pra poder trocar por um carro 'esportivo'..

  • paranaiba

    Parabéns pela aquisição, é um belo carro, eu talvez consideraria comprar um Punto, mas se for do seu agrado está ótimo, tenho um Fox i-motion e as médias estão próximas a ele, no Etanol fez 11km/l na rodovia e 7,5 km/l na cidade, com ar ligado 50% do tempo, mas levando em consideração que seu carro tem 13 cvs a mais está bom, pelo seu relato do dualogic presumo ser idêntico ao imotion, o povo aqui só fala mal, mas eu estou gostando bastante!

  • Renato_Valente

    Oloko, com R$ 46.000 dava pra comprar um Astra na época que foi comprado esse Palio, e ainda teria um motor 2.0 com o mesmo consumo que ele citou no texto… Mas sei lá, cada um tem uma opinião.

    • __Julian__

      éé verdade..astra é um otimo carro..e hoje em dia se encontra um astra (em Bom e alguns em otimo estado) com um preço bem interessante =]
      se hoje eu fosse comprar um carro eu olharia com muito carinho pro astra..mas..
      o palio tambem é um excelente carro..e se ele faz o dono feliz é isso que importa =]

    • DanielLRib

      O Astra é um excelente carro e também considerei ele. Mas para o meu perfil, o seguro iria sair muito caro e também só me programei para comprar um carro de até 44 mil. Só aceitei esse porque estava realmente precisando do carro e por causa do "desconto" da concessionária.

      • Renato_Valente

        Mas o Astrão na época saia exatamente por esse preço e em alguns casos até mais barato. Quanto ao seguro vc paga até mais caro no Palio pode ter certeza.

        • DanielLRib

          No meu perfil não cara. O do Astra deu quase o dobro em relação ao do Palio.

    • gcarlos

      Cara o rapaz tá dando um relato de sua experiencia, se todos fizessem assim, ajudaria muito…Em vez de só chamar de carroças, não relando os defeitos q os fazem se chamados de carroças. Tem de respeitar o gosto dele, já pensou que ele descartaria completamente a aquisição de um Astra.

      Parabéns pelo relato do autor. Só vem a acrescentar.

    • The Sun

      Comprei meu Astra duas portas novo em dezembro de 2006 e é só alegria. Ainda hoje é um carro firme e muito gostoso de dirigir.

      Se a GM não o tivesse descontinuado, compraria outro.

    • raynan

      de que adiantaria comprar um carro que iria sair de linha? so para jogar dinheiro fora?

  • Louis

    Mas acho que o Astra vinha sem Air bags e ABS, e também com cambio manual…São para perfis diferentes.

    • __Julian__

      pelo o que eu entendi ele queria o carro com cambio manual..e pegou o automatizado por não aguentar mais esperar o carro manual '-'

  • Louis

    Cara, o seguro não é muito caro, já que é uma versão "esportiva" ?

    • DanielLRib

      As seguradoras geralmente consideram isso, mas consegui um seguro no Bradesco daqueles sem perfil por um preço bem interessante até.

      • O_Corsario

        E varia muito de seguradora para seguradora. Tenho um Polo GT, e recebi duas cotações para meu perfil, uma de R$7.000 e outra de R$2.100! Mesmo carro, mesmo perfil… A diferença é que uma cota o "GT" ou "Sporting" enquanto a outra faz certo e cota o "Polo" ou "Palio".

        • JJS

          O_Corsario eu sou louco pelo Polo GT,bem q vc deveria dar sua opinião,fica a dica amigo,abraços.

  • DanielLRib

    Cheguei a entrar em contato com a Fiat pra saber se existiria uma atualização para o Plus, mas isso não ocorrerá. Uma pena, porque acredito que iria melhorar bastante. Quem puder esperar, acho que vai fazer uma boa escolha.

  • BlueGopher

    O problema em adquirir um modelo recém lançado no mercado é que a chance de ocorrerem pequenos defeitos é grande.
    Os carros são testados em todas as condições possíveis, pelas montadoras, mas na prática a teoria é outra, sempre surge algo inesperado…
    Além disso pequenos ajustes em uma nova e complexa linha de produção sempre ocorrem.
    De minha parte, só compro um novo modelo depois de 1 ano de mercado, com tudo (geralmente) resolvido e baseado nas opiniões de quem comprou antes.
    Evita muita chateação.

    • DanielLRib

      É o preço da novidade né…

    • greicemari

      Concordo e faço o mesmo sou bastante insegura com modleos recem lançados…Eu vi inclusive uma reportagem sobre o boing 737 (iniciou em 67) que depois te tantos anos hoje eles consideram o avião perfeito por conta de toda a experiencia e problemas que surgiram foram solucionandos.Namoro o novo C3 mas este ano e em 2013 não vai rolar por conta do agio abusivo e por estas adaptações e probleminhas que a turma vai resolvendo … não sei se o povo lembra quando lançaram o ford KA o carro tinha mania de apagar do nada..Esse tipo de situação é complicado..

  • Tietz

    Well, então de pontos negativos, a falta de definição na entrega (seria absurdo até pro mercado da esquina não saber quando vai te entregar sua compra, imagina para uma montadora multinacional – e o pior é que é a regra!) e os problemas iniciais aparentemente resolvidos. No final, o autor está satisfeito com a compra, pelo visto. Isso é o importante.
    Mas o despautério da entrega… Muito Brasil isso. "Sua entrega atrasou e não temos a menor idéia de quando chegará… Ó! Tem um aqui, mas não é bem o seu, pode ser?"

  • Gregori_Costa

    Acho esse carro bonito, e pelo inicio do texto, ele era bem mais interessente que a outra versão citada.
    Eu sinceramente teria cancelado o pedido depois dos 60 dias, não tenho paciência com isso, mas você esperou (olhou outros carros) e teve isso de aparecer outra unidade, o que você tinha feito pedido era sem o dualogic? se foi isso que fez essa subida no preço certo?

    No mais, carro honesto pelo que oferece, mas caro, assim como 100% dos vendidos no Brasil, gostei muito da sua escrita, ficou muito bom o texto.

    • DanielLRib

      Sim, encomendei o manual, e o preço subiu por conta do Dualogic, mesmo perdendo outros equipamentos. Com a concessionária pagando a documentação, o aumento de de aproximadamente 500 reais.
      Valeu cara, abraço.

  • Jason

    Embora o carro seja bonito, acho que os pontos negativos, como os probleminhas de entrega e os outros que apresentou, e também o consumo, contrastam um pouco. Claro, o carro tem ítens de segurança e conforto bem na média do que deve ter, mas o preço pago também é alto. A escolha do carro foi boa, mas o cxb ainda fica a dever um pouco. Mas são poucos os carros que conseguem oferecer cxb hoje em dia. Por isso, não podemos limitar nossas escolhas. Parabéns ao proprietário, pois tem um belo exemplar nas mãos.

  • The Sun

    Rafael,

    Em caixa alta fica difícil de ler…

    Nas próximas vezes, tente mudar, ok?

  • CanalhaRS

    Eu já vi o modelo ao vivo (um preto) e ficou um carro bem vistoso, eu gostei.
    Hoje em dia ele começa em torno de 38 mil, o que o deixa mais interessante.

  • bedotRJ

    Na época da compra desse Palio do colega forista, a linha ainda era recém-lançada e tinha custo-benefício duvidoso. Com a redução do IPI e um certo realinhamento dos preços da linha Fiat, o Palio tem nesse momento um dos melhores CxB do mercado.

    – Palio Essence 1.6 16v manual por R$ 36.590,00
    – Palio Essence 1.6 16v Dualogic por R$ 38.940,00
    – Palio Sporting 1.6 16v manual por R$ 38.410,00
    – Palio Sporting 1.6 16v Dualogic por R$ 40.760,00

    Eu não compraria o Sporting porque o que ele tem a mais que o Essence, prá mim, é só perfumaria estética. No preço do Sporting Dualogic sem opcionais, dá prá levar o Essence manual c/ kit evolution 2 (retrovisores elétricos, som completo c/ bluetooth e USB ) e teto-solar elétrico. E no preço do Sporting manual sem opcionais, dá quase prá levar o Essence c/ Dualogic. Mas entendo a opção do colega. E acho que, dentro das circunstâncias do mercado à época da compra, ele escolheu uma boa opção.

    • DanielLRib

      Com o preço que paguei nele, hoje em dia podia comprar um idêntico + vidros elétricos traseiros + teto solar e a ficaria quase no mesmo preço. Uma pena pra mim. xD

  • Rods

    Quero muito um desse…. Mas vou esperar….

    Só um adendo….

    Quase cortei meu dedo da rebarba de uma peça da porta… Onde seguramos para puxar a porta ao fechamento…. Embaixo, passei o dedo pra ver como estava…

    Muito afiado….

    Isso foi em todos os Palios que já entrei….

    • DanielLRib

      Na meu tem um pequeno desnível nessa peça, mas é mais devido à montagem do que um rebarba propriamente dita.

  • ricpts

    Nossa, foram vários problemas no começo… Acho um absurdo acontecer isso com um carro zero.
    Bom, pelo menos existe a garantia.

    Acho um carro honesto pelo preço, particularmente acho bonito também (exceto interior, de gosto um pouco duvidoso).

  • fabritch

    Eu não aguento estes interior novo do Palio. Todo brilhante, as portas cinza, nada me passa impressão de qualidade ali.

    • kdluciano

      Concordo. Esses painéis da FIAT estão brilhantes d+, além de que a altura esta batendo no queixo do povo.. O gol g6 tem o mesmo problema, o povo fica lá embaixo, dando uma sensação de espaço para as pernas..
      Pra mim o carro que tem o painel mais envolvente (altura correta e o console central acompanha a largura do centro) é o Golf 4 e 4,5.. até o 7 eu achei que puxou demais para o Polo Europeu. Pode esperar que tem gente que vai estranhar isso que falei.

    • Oba_

      Se fosse preto com certeza passaria impressão mais positiva de qualidade mas não se iluda com imagens, confira ao vivo e perceberá que nada no painel tem frestas ou peças mal encaixadas ou rebarbas.

  • OKPotter

    Gostei do relato!
    Logo vou providenciar um desses sobre minha aquisição. Punto Sporting 2008 da minha mana!! rsrsrsrsrs

  • rattrap587

    Tenho tb um Palio Sporting 2012/2012 – Prata. O meu carro anterior era um Gol Power 2009/2009. Comparando os dois, o Pálio é inferior no consumo, no acabamento e no acionamento da transmissão (nesse quesito, perde de lavada mesmo) – Nos quesitos dirigibilidade/estabilidade e até no conforto da suspensão, o Palio é superior. No espaço interno os dois modelos são muito similares.

    • Oba_

      Em relação ao acabamento percebi que o painel é bem montado não tendo frestas e rebarbas, só perde para o Gol nas partes plasticas no canto das portas que não são 100% retos e tem uma pequena rebarba na parte superior da porta do passageiro, os engates são bem melhores que do antigo Palio e novo Uno mas a VW tem o cambio mais preciso do mercado mas que é barulhento e ninguém comenta. O espaço para pernas no banco traseiro do Palio parece ser maior que do VW, quanto ao conforto da suspensão nem da para comparar porque a do Palio parece até carro de categoria superior não transmitindo as pequenas imperfeições do asfalto e ao mesmo tempo é estável.

  • silviomendes

    um bonito carro! ótima análise…
    eu tinha um palio da geração anterior e uma das coisas que mais detestava era a suspensão macia/molenga demais… legal saber que este tem boa estabilidade

  • Tmarques

    Daniel como vc resolveu os ruidos internos? conta propria ou na concessionaria? estou perguntando pq eu tenho um igualzinho manual e tem uns ruidos internos p/ resolver…ja levei na concessionaria umas 3 vezes e nada dos caras resolverem…=/

    • DanielLRib

      Apenas consegui resolver o do acabamento da coluna A esquerda e o da borracha do arco da porta do motorista, que como disse, estava presa no painel, na concessionária. Colocaram um calço de espuma no acabamento da coluna A e a borracha foi trocada e montada corretamente. Havia um barulho no fecho direito do banco traseiro, que melhorou bastante, mas não sumiu ainda. O que mais me irrita ainda é o do banco do motorista. Na concessionária disseram que desmontaram e lubrificaram e melhorou por um tempo, mas voltou em pouco tempo a fazer barulho. Semana que vem ele vai ficar um dia na concessionária para tentarem resolver. Vamos ver no que dá.

  • WislenRamos

    Só eu que fico espantado com o consumo desses carros 'pequenos'? Meu Stilo 2003 1.8/8v faz a média de 11km/l na cidade (moro em SP e pego trânsito), quando vejo a média de consumo desses carros novos chega me dá um aperto no peito, pois ano que vem troco o Stilão e gostaria de trocá-lo por um carro semi-novo no mesmo porte, conforto e consumo que ele faz, mas pelo jeito acho que isso vai ser praticamente impossível! :'(

    • Bruce

      Nao é o unico nao, troquei meu Punto 1.4 pois ele tinha o consumo do meu atual 2.0 , os carros ficam mais pesados e os motores continuam os mesmos só que trabalhando mais.
      Na pratica tu nao compra mais carros "pequenos" por eles serem economicos, eles quase nao existem; talvez quando "eles" acrescentarem mais tecnologia.
      Mas se o povo ta satisfeito né, quem somos nós….

    • DanielLRib

      Infelizmente o grande problema está na tecnologia flex. O ganho em potência não justifica o aumento no consumo. Já passou da hora das montadoras adotarem comandos variáveis e sistema Start&Stop. Há 4 anos vi a Bosch testando um Punto 1.4 com esse sistema. O carro estava todo adesivado, quase que fazendo propaganda mesmo do sistema. Achei que viria logo, mas pelo visto não. Mas acho que a tendência é melhorar. A Ford já está trocando motores maiores pelos Ecoboost, a VW já anuncio que vai aposentar seus 1.0, 1.6 e 2.0 e introduzir os modernos blocos TSI 1.0, 1.2 e 1.4 (todos serão convertidos em flex), a Fiat vai utilizar o Multiair, ou seja, estão se mexendo pelo menos.

  • Daniel Ramos

    Nossa, fazia tempo que nao lia um topico "carro da semana". Pô, não tinha nada melhor que um palio não?(um punto t-jet…), kkkk! brincadeira gente…brincadeira, o palio é um carro mega interessante, eu tenho um ano 2000 e me da pouca dor de cabeça o carro, só aquilo mesmo que tem de trocar de tempo em tempo….belo carro a versão sporting, mais a fiat que se cuide, com a versao mais TOP do HB20 e até ONIX a marca italiana arranjou rivais a altura, pra não dizer superior.

    • DanielLRib

      Hehe, esse aí (T-Jet) vai ser o próximo.

  • fschulz84

    Achei o consumo na gasolina na cidade bem baixo pra ser um carro 1.6, mas creio que o motor ainda esteja "amaciando", provavelmente sobe consideravelmente depois dos 20000km :)

    No mais, parabéns pela escolha, acho que dos compactos, o Palio tem o melhor CxB.

  • Absinthe666

    Parece um ótimo carro, principalmente no preço de hoje com 4 air-bags porém eu ficaria com o 500 hehe mas isso no meu perfil claro, sou solteiro e ando 90% do tempo sozinho ou com 1 carona.

    • DanielLRib

      Minha primeira opção era o 500. Não comprei porque em Dezembro/2011 a Fiat não estava mais aceitando pedidos, pois estavam com espera de mais de 120 dias e porque eu só pago metade do carro. Quem paga a outra metade não concordou com o pequenino italiano pela falta de espaço para as eventuais viagens que fazemos.

  • superxman2k

    A cor mais bonita é a Amarelo Indianápolis.
    http://carros.uol.com.br/album/fiat_palio_sportin

    • DanielLRib

      Por fora fica muito bom, mas a Fiat poderia combinar colocando cintos, painel de instrumentos e os outros detalhes em amarelo também. A versão Interlagos combina melhor o interior com o exterior.

  • harfangdneiges

    Com todo o respeito aos proprietários, mas acho esse punto tão sem sal quanto comida para bebês de 6 meses…

    No mais, é um risco muito grande comprar carro recém-lançado. Cai nesta com o Gol. Problemas para abrir o porta-malas (só resolveu depois que se trocou a peça) e o problema com o travamento da porta traseira direita. Fui várias vezes até se perder a garantia… pra complicar, viajei e as concessionárias de outros Estados se negam a repará-lo na garantia.

    Resultado: vou vender com o problema. :/

  • LS7

    Pelo porte e peso do carro, o consumo é um tanto alto.
    O Astra é maior e mais pesado, e o consumo é um pouco melhor: na estrada, com ar ligado, faz 14 Km/l. Com ar desligado faz 15 Km/l (claro, rodando a 110 Km/h). E, como quem compra um esportivo, normalmente, quer desempenho, o do Astra é bem melhor.
    Mas, cada um tem o seu gosto.

  • jonathan1985

    Òtima avaliação! Parabéns pelo carro!

    Só uma consideração, um pouco fora do tópico mas enfim…
    Eu cogito trocar de carro e fico realmente decepcionado com os consumos atingidos pelas pessoas com carros mais novos. Meu carro é um 1.0, completinho, nao me deixa na mao mas tá chegando na "idade" de trocar e eu nao vejo ninguem comentando ter um carro que faça médias parecidas (o meu faz 13 a 14 na cidade e 16 a 17 na estrada), nem com 1.0, 1.4 ou 1.6, nao sei se isso se deve ao fato do meu não ser "frex". Isso me deixa com muito receio de trocar de carro, pegar um beberrão que me faria parar no posto toda a hora e gastar é claro…

    Com todo o respeito mas eu nao consigo achar 9km por litro com gasolina uma boa média.

    • DanielLRib

      Está longe de ser um consumo bom, mas está dentro da média dos carros flex sim. Carros com motor somente à gasolina são bem melhores do carros flex rodando com gasolina, na questão do consumo.

    • mademg

      Todos sabemos que esta questão de consumo tem mais de 10.000 variáveis, mas pode ter certeza: basta querer economizar ou não. Consigo fazer 15 Kmll com Picanto AT aqui em SJCampos. Consiguia isso também com Novo Uno 1.4 "frex" como dizem alguns, vendi essa semana e estou na dúvida entre um Palio 1.6 ou um 500 para substituí-lo, dependendo de quem for usar o carro aqui em casa. Pretendo trocar um dos Picantos por um 500. Essa semana estou rodando de Novo Uno 1.0 "frex" com 10-11 Km/l no etanol (cidade SJC). À medida que o álcool batizado da locadora vai sendo substituido, o comportamento e consumo vão melhorando…

  • marcio233

    Esse visual diferenciado das versões sporting da Fiat, apesar de não virem com alterações mecânicas maiores, caem bem na linha e dão personalidade original a cada carro. Parabéns pelo Palio, cuida bem dele para não dar vontade de trocar no próximo ano. Acredito que assim amadureceremos o mercado forçando os fabricantes a se adequarem à uma nova realidade, mas exigente e criteriosa para comprar carros.

    • DanielLRib

      Só não consigo lavar ele com frequência, no mais eu cuido direitinho sim. Valeu!

  • Jor_Es

    Acabei de comprar um e já me arrependi. Apesar de "bonitinho", o motor é ruim, acabamento de baixa qualidade e está apresentando uma série de defeitos, que a Fiat não consegue resolver. Com o mesmo valor dava para comprar um punto 1.6 ou um semi-novo de padrão superior. Agora vou ter que ficar pelo menos por um ano com ele. Não cometa o mesmo erro que eu, o carro realmente não vale a pena. Se alguém tiver alguma dúvida, posso entrar em maiores detalhes.

    • Oba_

      O meu é 1.4 e com menos de 500 quilômetros já foi três vezes para conserto, o pior é que no dia que sai da concessionaria tive que voltar e ficou parado 2 semanas.
      O problema voltou e ficou mais 3 dias, depois de alguns dias surgiu outro problema e vou pegar amanha (total de mais 3 dias parado). Problemas de ruídos mecânicos, menos mal porque resolveram o primeiro problema, espero que seja a ultima vez que vou levar em garantia para sanar problemas.
      Qual problema esta enfrentando inclusive de acabamento, poderia detalhar por gentileza?

      • Jor_Es

        A impressão que dá é que os carros da Fiat são feitos à pressa, sem nenhum padrão de qualidade. O motor está "batendo pino", a Fiat afirma que o motivo é devido a nossa gasolina ser muito boa(isto não é piada), e que a solução seria colocar um pouco de álcool. É claro que não resolveu. Na 1ª semana o vidro da porta do motorista parou de funcionar e o ar não ventila nos pés do motorista. Quanto ao acabamento, cheguei a cortar a mão com as rebarbas do painel. Os plásticos riscam fácil e são muitos frágeis(pra não dizer vagabundos!). Os portas-luvas tem que ser abertos com cuidado, senão quebra.
        Ao receber o veículo fiz uma rápida vistoria e constatei falhas na montagem do painel e borrachas, tive que esperar mais um pouco para receber.
        Veja bem, estamos falando de um carro de mais de 40 mil e top de linha! Isto é uma falta de consideração para com os brasileiros!

  • YoOdEx

    Muito boa a avaliação.. Só não compraria um Fiat com o Dualogic atual.. a impressão que tenho é que você tem que "brigar" com o cambio e dirigir do jeito que ele quer, para ter uma condução agradável..

  • PONCIO PILATOS

    parabens pela avaliação, tou tentando arrumar tempo pra fazer a do meu vovorolla.

  • plextor2012

    Para um carro novo achei que tiveram muitos problemas… Isso é normal??? Na minha concepção acho que não deveria ser, mas posso estar errado. Alguém saberia dizer???

    • DanielLRib

      Como já foi dito, por mais que as montadoras façam centenas de milhares de quilômetros de testes, sempre surgem problemas nos lançamentos. Geralmente esses problemas são resolvidos 1 ano após o lançamento. É normal mesmo.

  • Moreh422

    Parabéns pela sinceridade, normalmente os proprietários valorizam os seus veículos, para justificar a sua compra. Assim acabam prejudicando quem procura uma avaliação correta. Aproveite o carro.

  • macaense

    Poderiam postar mais avaliações feitas pelos usuários, parabéns pelo texto.

    • DanielLRib

      Valeu!

  • CharlesAle

    Para mim esse Palio não se justifica,iria de punto,muito melhor que o palio em todos os sentidos,pois o palio é"popular"dentro da fiat,ao passo que o punto não….

    • DanielLRib

      O Punto sem dúvida tem um acabamento superior, mas nesse preço é só. O espaço interno é igual, senão menor, idem para o porta-malas. No desempenho, só o 1.8 e o T-jet são melhores. O 1.6 é mais lento porque é mais pesado e o 1.4 é fraco demais. Só valeria à pena se viesse com 3 anos de garantia mais itens de série na minha opinião.

  • heliobarbosa

    caramba… gastar mais que R$ 25.000 em um palio? Bom… o que seria do azul se todo mundo gostasse de vermelho ;)

    • DanielLRib

      E que carro 0km se compra hoje em dia por menos que isso e que seja melhor?

  • heliobarbosa

    carro zero km? Aqui só otário pra comprar carro produzido no Brasil por R$ 37.000 que é exportado para o México e vendido lá por R$ 18.000, que o caso do GOL 1.6 com air bag e abs ;)

  • fabioalisson

    Parabéns pela compra! Minha mãe também tem um Palio Sporting 2012 vermelho modena, encomendado final de novembro e entregue no final de janeiro. A ideia dela era pegar um Atractive 1.4 ou um Essence 1.6 completos + ABS e Air Bag. Aconteceu o mesmo que foi relatado por você, a diferença para o Sporting ficou "irrisória", acho que menos de 1000, mesmo no 1.4, justificando a aquisição do Sporting, que custou 42 mil (câmbio manual, som sem bluetooth e vidros elétricos traseiros).

    Quanto ao carro, é bom pelo custo x benefício comparado à concorrência (compactos 1.6 completos com ABS e Air Bag). Estamos satisfeitos. O carro já está com uns 10 mil km rodados e quanto aos problemas apresentados foi apenas um barulho vindo do encosto do banco traseiro, que foi prontamente solucionado pela concessionária.

  • alvaro

    alguém sabe me dizer se esse novo cambio automatizado pluss no palio sporting vem dando problema????

  • JEFSON

    pior que meu caso duvido!!!! tenho palio sporting dualogic 2012/12 completo menos teto solar, borboletas no volante e tudo mais, enfim com APENAS 300,00 KILOMENTROS DEU " PAU NO CÂMBIO" FICOU POR 29 DIAS NA CONCESSIONÁRIA nesse período abriram 3 vezes o câmbio pra trocar pcs e nada até que gerente regional da FIAT autorizou a troca do chamado MOTOR DO DUALOGIC, que é o que faz a troca das marchas,nesse periodo me deram um fiat uno pela localiza,após isso perguntei sobre a garantia seria estendida, sabe o que me disseram, que poderiam me VENDER A GARANTIA ESTENDIDA( IGUAL A TVS E ELETRODOMÉSTICOS), INFORMEI QUE GARANTIA É SOMENTE DE UM ANO E QUE SE DESSE PROBLEMA APÓS? que não teria problema pq já aconteceu com dois anos e a fiat autorizou a troca, mas QUE NÃO PODERIAM ME DAR NENHUM DOCUMENTO….TE PERGUNTO SERVE SÓ DE BOCA???
    SEGUNDO CASO: MENOS DE 15MIL KM PORTANTO ANTES DA PRIMEIRA REVISÃO, NOVAMENTE " PAU NO CÂMBIO " DESSA VEZ O CARRO ATÉ ANDAVA, SOMENTE DE PRIMEIRA MARCHA, OBS:::: ENGATAVA A PRIMEIRA QUANDO POSICIONAVA NA RÉ!!! LEGAL NÉ! dessa vez demorou pouquinho só 5 dias, mais uma vez abriram o câmbio e trocaram umas pecinhas, assim que me falaram,
    enfim, meu carro vai acabar a garantia no mes de outubro e estou com MEDO DE FICAR COM ELE APÓS A GARANTIA E FICAR A PÉ!!!, E AI FIAT ME FALA O Q FAÇO????



Send this to friend