Manutenção Matérias NA Vídeos

Qual é a função dos aditivos de radiador?

Qual é a função dos aditivos de radiador?

O radiador é um dispositivo de troca de calor, ajudando a manter a temperatura adequada de funcionamento. Porém, o líquido de refrigeração do propulsor, normalmente água, precisa de um produto para tornar menos eficiente a troca de calor.


Esse item extra é conhecido como aditivo.

Então, qual é a função dos aditivos de radiador?

Como já dito acima, o radiador que ajuda a retirar o calor do líquido de arrefecimento, que circula dentro do motor, deixando o motor com uma temperatura de funcionamento ideal. Entretanto, a circulação de água dentro do motor ocasiona alguns inconvenientes.

VEJA TAMBÉM:

Qual é a função dos aditivos de radiador?

Qual é a função dos aditivos de radiador?

A própria água, pura e simples, não atende de forma correta essa função de resfriamento do motor. Em um circuito fechado, a circulação da água acarreta alguns problemas.

Um deles é a corrosão. Além disso, o ponto de ebulição natural da água é outra preocupação, assim como em locais frios, a água pode simplesmente congelar, impedindo sua circulação. Então, os aditivos entram em cena para resolver estas questões, sendo feitos à base de etileno glicol.

Veja também: qual o melhor aditivo de radiador?

Corrosão

Qual é a função dos aditivos de radiador?

A corrosão é natural em sistemas de circulação de água sob alta temperatura e pressão. A ausência de um produto que proteja as partes metálicas do circuito, acarretará em um acúmulo de detritos, que chegam a formar borras.

Isso reduzirá a capacidade de troca de calor do líquido de refrigeração, assim como contribuirá para o impedimento da livre circulação com o entupimento do radiador e mesmo gerando dificuldade no funcionamento da bomba d´água.

Nesse caso, haverá aumento expressivo da temperatura da água no sistema e possíveis danos ao motor ocorrerão se não houver uma intervenção externa. Como boa parte dos motores ainda possuem blocos de ferro fundido, estes são mais suscetíveis à corrosão apenas com o uso da água.

Assim, a corrosão provoca a destruição de alguns itens do sistema de refrigeração, como dutos, tubos e selos, que podem simplesmente romper, provocando vazamento.

As mangueiras também são afetadas, já que apenas a água não garante a hidratação das mesmas e o ressecamento pode provocar vazamento através de rachaduras. Partes plásticas do radiador, ressecadas da mesma forma, podem se romper com a vibração do motor.

Os aditivos de radiador possuem propriedades químicas que protegem essas partes do sistema de refrigeração. Dessa forma, eles evitam a corrosão e mantêm o bom funcionamento do propulsor, evitando assim os temíveis superaquecimentos e os vazamentos fatais.

Temperatura de ebulição mais alta

Qual é a função dos aditivos de radiador?

Como se sabe, é claro, a temperatura de ebulição da água é de 100°C. Mesmo num circuito fechado de refrigeração, isso não muda. Porém, para que o motor possa trabalhar numa faixa de temperatura adequada (até 90°C) sem o risco de um superaquecimento, os aditivos de radiador são recomendados.

Nesse caso, o produto possui uma propriedade química que permite à água evaporar em temperaturas mais altas, variando de 110°C a 115°C. Apesar isso, em circuitos fechados, onde a pressão é de 2 atmosferas, pode chegar a 120°C em ponto de ebulição. Obviamente isso dá mais segurança no funcionamento do motor, especialmente sob regimes mais severos. Também reduz a entrada da ventoinha do radiador, o que economiza também energia e, por sua vez, o consumo de combustível.

Temperatura de congelamento mais baixa

Qual é a função dos aditivos de radiador?

Da mesma forma que evapora aos 100°C, a água simplesmente congela em 0°C. Acontece que, mesmo no Brasil, são verificadas temperaturas abaixo de zero, embora com pouca frequência. Mesmo assim, em alguns países, níveis até -30°C são verificados com alguma frequência.

Por isso, é necessário que o ponto de congelamento da água seja reduzido, para que o líquido de refrigeração continue circulando, mesmo muito abaixo de zero.

Substituição do aditivo

Qual é a função dos aditivos de radiador?

Os fabricantes de veículos usam e recomendam os aditivos de radiador. Estes devem ser substituídos em média a cada 30.000 km, sempre com todo o líquido de arrefecimento do propulsor.

No caso de proprietários de carros usados, após a compra, é importante trocar o aditivo para ter mais segurança na refrigeração, já que nem sempre se sabe exatamente quando o produto foi trocado.

A troca é feita mediante uma porção do produto, determinada por cada fabricante, diluída em outra de água. Algumas marcas utilizam aditivos de radiador já diluídos (podem ser comprados também), numa mistura que permite ao sistema trabalhar por muito mais tempo em circuitos fechados.

Recomenda-se também a observação do nível do líquido no reservatório, nunca excedendo máximo ou mínimo. A complementação, no entanto, altera a proporção colocada anteriormente. Então, o ideal é verificar porque existe essa perda de líquido no sistema, através de um técnico.

Avatar

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

                  Quem somos

                  O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por 15 anos. Saiba mais.

                  Notícias por email