RAM 2500 – Reclamações e Problemas

ram 2500 001

A RAM está em alta, virou até música e símbolo de ostentação dos “agroboys”, parece até que ela é uma novidade no mercado, mas não é.

Ela traz motorzão com desempenho excelente para o segmento, espaço e luxo no interior e agora atingiu esse novo nicho de compradores da nova geração.

Seja você um amante raiz de caminhonetes ou um agroboy ostentação, com certeza já ficou curioso sobre o modelo. Fizemos esse texto para elencar os principais problemas e reclamações da RAM 2500.

O modelo teve diversas idas e vindas no mercado brasileiro, sendo possível encontrar à venda unidades anteriores a 2009.

Após a reformulação da Dodge, que se uniu à FIAT, em 2012 foi anunciada a RAM 2500 dessa “nova fase”.

Essa versão tinha 5,85m de comprimento, 2m de altura e mais 2 de largura, pesando 3300 kg (sem a carga), um verdadeiro monstro.

O motor era um Cummins turbo diesel com 6 cilindros em linha, que rendia 84,6 kgfm de toque (o equivalente a mais de 4 motores turbo 1.0) e 310 cv (mais forte que o Jetta TSI “stage mil” do seu amigo).

Em 2017 o motor saltou para 330 cv, 104 kgfm de torque e atualmente possui 377 cv e 117,2 kgfm de torque.

A aceleração de 0 a 100 km/h é na casa dos 10,5 s e a velocidade máxima limitada lá pelos 170 km/h.

No interior é basicamente um carro de luxo: bancos de couro com ajuste elétrico, ar-condicionado dual zone, sensores de estacionamento, subwoofer, monitoramento de pressão dos pneus e muito mais.

Esse monstro é bem forte e completo, mas vamos à parte chata, os principais defeitos e reclamações:

Precisa de carteira de motorista categoria C

Essa é clássica, se você (assim como eu) tirou sua carteira de motorista na categoria “B”, está proibido de guiar esse monstro, já se prepare para tirar a carteira tipo “C”.

Detalhe importante, sendo considerada basicamente um caminhão, a velocidade máxima nas vias tem que seguir a classe, ou seja, normalmente até 90 km/h.

Câmbio com trancos e trocas brutas

Até a geração de 2020, o câmbio automático de 6 marchas dava muitos trancos e solavancos nas trocas de marcha, que eram bem incômodos para pessoas que utilizam a picape diariamente.

Dimensões monstruosas atrapalham

Eu sei que você gosta da RAM pelo tamanho e imponência, mas já pensou se ela cabe na sua garagem, se passa no portão da casa da sua namorada ou do condomínio da sua sogra?

Talvez você perca várias vagas, tenha que deixa-la na rua ou entrar pelo portão de serviços do condomínio, pense nisso.

Cuidado com o câmbio

RAM 2500 002

Não é consenso que o câmbio da RAM 2500 é problemático, mas existem muitos relatos de problema nele sim, há quem coloque a culpa na manutenção negligenciada (o que faz sentido).

Para evitar problemas, exija o histórico de trocas de óleo do conjunto (que é feito normalmente a cada 50 mil km) e não compre uma unidade sem esse histórico.

Um reparo simples não sai por menos de R$ 5.000,00 (chutando bem baixo) sendo comum valores acima dos R$ 10.000,00.

Problemas no sistema de direção

A RAM tem diversos relatos de problemas no sistema de direção, entre eles podemos citar folgas na direção e um recall para unidades produzidas entre 2014 e 2018 que substituiu a barra de direção dos veículos.

Mesmo que a unidade que está buscando não seja desses anos, teste bem e fique atento à folgas e estalos ao esterçar o veículo.

Recalls

A RAM 2500 teve diversos recalls em variados componentes, portanto verifique se a unidade que está comprando teve todos eles aplicados.

Consumo (muito) elevado

O consumo da RAM 2500 fica entre 4 e 6 km/l na cidade e 6 e 8 km/l na estrada, lembrando que ela é movida à Diesel.

Tudo bem que normalmente quem compra uma não liga pra consumo, mas mesmo assim, faça às contas e veja se realmente consegue manter uma, de nada adianta uma caminhonete dessas pra ficar de enfeite na garagem.

Peças são caras

Bom, essa já é mais que esperada, as peças da RAM 2500 são caras, pois a picape é importada e com baixa quantidade de unidades vendidas, logo o resultado é esse.

Um Farol parte de R$ 3.000,00 e atinge brutais R$ 10.000,00.

Um par de discos de freio não sai por menos de R$ 1.500,00 e as pastilhas podem chegar aos 2.000,00.

Existem diversos exemplos, basta procurar as peças que já precisou trocar no seu carro e comparar com a mesma de uma RAM.

Conclusão

ram 2500 003

A Dodge RAM 2500 foi feita para chamar a atenção pelo seu tamanho e luxo e cumpre com facilidade sua função.

Atende a um nicho (normalmente) de pessoas que não ligam muito para gastar com peças caras, manutenção e consumo elevados. Se esse for o seu caso, vá em frente e seja muito feliz com seu monstrinho de estimação.

Se você não dispõe de muitos recursos e só quer uma pra entrar na moda, talvez não seja a melhor opção, pode sair mais cara de manter que aquele esportivo importado que estava de olho.

De qualquer forma é uma picape robusta e que não deve em nada pra ninguém, só tenha clareza de onde está se enfiando e faça uma compra consciente.

Se acabar comprando uma unidade mal cuidada, vai gastar facilmente 20% do valor pago na compra pra deixa-la em dia.

 

google news2 Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do Whatsapp e Canal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



c12OrqyAeQ65CANuSaRgcOXX3cvWvBvO3VrU zKQNKMIjAIN28coKUHnlTgz76QZ90
Autor: Luca Magnani

Engenheiro mecânico na indústria automotiva, pós graduado pela Universidade da Indústria do Paraná em Engenharia de veículos elétricos e híbridos.