Sem chips: Toyota Corolla troca multimídia original por nacional

Sem chips: Toyota Corolla troca multimídia original por nacional

A falta de chips na cadeia global de fornecedores está produzindo coisas estranhas nos fabricantes de veículos. Enquanto alguns matam versões e modelos baratos, priorizando outros, uns precisam mudar até os equipamentos dos carros, de modo a não parar a produção.


Esse é o caso da Toyota no Brasil, que decidiu produzir o Corolla sem multimídia de fábrica. As unidades do sedã médio japonês, que saem de Indaiatuba, interior de São Paulo, seguirão para as revendas incompletos, nesse caso.

Contudo, para que os clientes não fiquem com um “vazio” em seus carros, a Toyota firmou parceria com a empresa nacional Wings, que fornecerá uma multimídia alternativa e localizada, cuja instalação será efetuada nos revendedores.

Esta empresa, que já produz dispositivos eletrônicos e acessórios para algumas marcas vendidas no país, abastecendo tanto concessionários quanto montadoras, atenderá o Corolla nacional com uma central de infotainment diferente.

Sem chips: Toyota Corolla troca multimídia original por nacional

Segundo João Marcelo Barros, co-fundador da Wings, o dispositivo será baseado na plataforma Android e terá display de 10 polegadas sensível ao toque (foto acima é do modelo de 9 polegadas para Corolla 2018), além de dispor de Bluetooth e Wi-Fi, sem a projeção para Google Android Auto e Apple Car Play.

Ainda assim, o usuário poderá dispor dos aplicativos Waze e Spotify, por exemplo, já instalados no dispositivo. Ao site UOL, Barros comentou: “A central traz, através de uma supertela de alta resolução, uma nova experiência com o que há de mais moderno em entretenimento, segurança e navegação”.

O comunicado da Toyota, enviado ao site UOL:

A Toyota do Brasil informa que apesar de todos os esforços que têm realizado ao longo do tempo para gerenciar a falta de insumos que afeta a cadeia de suprimentos global, provocada pela pandemia de Covid-19, desde o dia 1º de setembro os veículos Corolla sedã produzidos na unidade de Indaiatuba (SP) estão saindo de linha sem a central multimídia original.

Para evitar uma parada completa de produção e causar ainda mais desconforto aos clientes que precisariam esperar seus veículos por um longo tempo, a Toyota buscou um novo parceiro para fornecer este item, cuja instalação será feita na rede de concessionárias Toyota de todo o País.

Dessa forma, a Toyota assegura seu compromisso de seguir produzindo e garantindo demanda na sua cadeia suprimentos neste momento atípico e de grandes dificuldades que o mundo enfrenta.

[Fonte: UOL]

 

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.