*Destaque Listas Top 10 Mercado Tecnologia

Top 10: carros com injeção direta no Brasil

Top 10: carros com injeção direta no Brasil

Motores mais modernos já são realidade para alguns dos automóveis mais em conta disponíveis no mercado brasileiro. Esses propulsores são dotados de componentes fabricados em alumínio, que diminuem o peso do conjunto, e uma série de outros recursos que conseguem melhorar o desempenho, aumentar a economia de combustível e diminuir as emissões de poluentes. Um desses itens é a injeção direta de combustível.


O sistema de injeção direta de combustível, que substitui a injeção indireta, faz com que a injeção de gasolina ou etanol ocorra diretamente no interior da câmara de combustão, ao invés do coletor de admissão, antes da válvula, no sistema convencional. Isso provoca um ganho de desempenho e também redução no consumo de combustível.

Selecionamos os 10 carros mais em conta equipados com motor com injeção direta no Brasil. Confira:

1) Volkswagen up! Connect 170 TSI – R$ 54.890

O Volkswagen up! é o modelo que oferece o motor mais potente e moderno da categoria. Neste caso, o 1.0 litro TSI flex de três cilindros é dotado de injeção direta, turbocompressor, intercooler, duplo comando variável, bloco e cabeçote em alumínio, entre outros. Ele desenvolve 101 cv com gasolina e 105 cv com etanol, a 5.000 rpm, e torque de 16,8 kgfm, a 1.500 rpm, e está associado a um câmbio manual de cinco velocidades.

De acordo com dados da marca, o subcompacto atinge os 100 km/h em 9,5 segundos e tem velocidade máxima de 181 km/h. O consumo é de 10 km/l na cidade e 11,5 km/l na estrada com etanol e 14,3 e 16,3 km/l, respectivamente, com gasolina.

2) Hyundai HB20 1.0 TGDI Evolution – R$ 67.190

O lançamento da nova geração do HB20 no Brasil causou divisão nas opiniões, especialmente pelo visual controverso do modelo. Mas uma coisa ninguém pode negar: a Hyundai acertou em cheio ao atualizar o até então esquecido motor 1.0 turbo com a injeção direta.

A verdade é que isso tornou esse conjunto bem mais interessante do que víamos no HB20 turbo da geração anterior. Agora, o modelo entrega 120 cv e 17,5 kgfm de torque, disponíveis desde os 1.500 giros do motor. Com isso, o HB20 vai de 0 a 100 km/h em 9,6 segundos e tem velocidade máxima de 190 km/h. As médias são de 13,6 km/l na cidade e 17,6 km/l na estrada com gasolina e 8,6 km/l (cidade) e 10,3 km/l (estrada) com etanol.

3) Volkswagen Polo Comfortline 200 TSI – R$ 71.560

Top 10: carros com injeção direta no Brasil

Em segundo lugar aparece outro modelo da Volkswagen. Recém-lançado, o Polo oferece o propulsor 1.0 TSI a partir da versão Comfortline. Ele é praticamente o mesmo motor usado no up!, mas com uma série de alterações, como um turbocompressor capaz de trabalhar com temperaturas mais elevadas e maior pressão, intercooler refrigerado por radiador auxiliar, entre outros.

No VW Polo, o 1.0 TSI rende 115 cv com etanol a 128 cv com gasolina, a 5.500 rpm, e 20,4 kgfm de torque, a 2.000 rpm. Este propulsor trabalha juntamente com o câmbio automático Tiptronic de seis marchas.

O modelo acelera de 0 a 100 km/h em 9,6 s e alcança 192 km/h. O consumo é de 8 km/l na cidade e 9,8 km/l na estrada com etanol e 11,6 e 14,1 km/l, respectivamente, com gasolina.

4) Hyundai HB20S 1.0 TGDI Evolution – R$ 71.790

A versão sedã do HB20 tem o mesmo conjunto e versão nessa lista, assim como seu irmão menor. Também com 120 cv e 17,5 kgfm de torque, o HB20S respira ainda mais aliviado ao ter esse propulsor, já que é mais pesado que o hatch.

Os números, porém, são um pouco diferentes: aceleração de 0 a 100 km/h em 10,7 segundos e máxima de 191 km/h. O consumo urbano é de 8 km/l com etanol e 12,1 km/l com gasolina, enquanto na estrada ele é de 10,8 km/l e 15,3 km/l, respectivamente.

5) Volkswagen Virtus Comfortline 200 TSI – R$ 78.590

Não são tantas opções de motores com injeção direta no Brasil, por isso essa lista tem vários representantes das turmas “1.6 THP” e “TSI”. O Virtus é mais um modelo da VW que tem essa tecnologia, e a versão mais em conta a oferecê-la é a Comfortline 200 TSI.

O conjunto é o mesmo do Polo: motor 1.0 TSI de 116/128 cv e 20,4 kgfm de torque, com câmbio automático de 6 velocidades. Com seu peso extra, a aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 9,9 segundos, com máxima de 194 km/h. Já o consumo mostra como esses propulsores são eficientes: com etanol ele faz 7,8 km/l na cidade e 10,2 km/l na estrada, e com gasolina as médias são de 11,2 km/l e 14,6 km/l

6) Volkswagen T-Cross 200 TSI manual – R$ 84.990

Em meio a tantos modelos da VW nessa lista, aqui temos uma opção interessante para quem realmente gosta de sentir o carro nas mãos. O T-Cross tem o mesmo conjunto visto em outros modelos, com versões com motor turbo 1.0 ou 1.4. Mas a opção que aparece em nossa lista tem um detalhe que os outros modelos da marca não tem: o câmbio manual.

Estamos falando do T-Cross 200 TSI, que tem propulsor 1.0 TSI de até 128 cv e 20,4 kgfm de torque, com câmbio manual de 6 marchas. A aceleração é beneficiada, pois é feita em 9,6 segundos, com máxima de 189 km/h.

O consumo urbano é de 8,5 km/l com etanol e 12,2 km/l com gasolina, enquanto na estrada o T-Cross manual faz 10,1 km/l e 14,5 km/l.

7) Peugeot 2008 Griffe 1.6 THP – R$ 90.990

Em oitavo lugar, a Peugeot volta a aparecer com o crossover compacto 2008 em sua versão topo de linha Griffe, que também usa o motor 1.6 THP flex de quatro cilindros e transmissão manual de seis marchas. Há os mesmos 166 cv com gasolina e 173 cv com etanol, a 6.000 rpm, e torque de 24,5 kgfm, a 1.400 rpm.

Segundo dados da Peugeot, o 2008 1.6 THP acelera de 0 a 100 km/h em 8,1 s e atinge 209 km/h. O consumo é de 7,1 km/l na cidade e 8,5 km/l na estrada com etanol e 10,7 e 12,4 km/l, respectivamente, com gasolina.

8) Chevrolet Tracker LT 1.4 Turbo – R$ 94.990

Top 10: carros com injeção direta no Brasil

O primeiro crossover e o único Chevrolet desta lista é o Chevrolet Tracker. O carro oferece um motor 1.4 litro Ecotec turbo flex de quatro cilindros. Esta unidade dispõe de injeção direta de combustível, turbo, intercooler e duplo comando de válvulas, e consegue gerar 150 cv com gasolina e 153 cv com etanol, a 5.200 rpm, e torque de 24 e 24,5 kgfm, respectivamente, a 2.000 rpm. Ele está acoplado ao câmbio automático de seis velocidades.

Na aceleração de 0 a 100 km/h, o Tracker turbo marca 9,4 segundos, enquanto a velocidade máxima é de 198 km/h. Já o consumo é de 7,3 km/l na cidade e 8,2 km/l na estrada com etanol e 10,6 e 11,7 km/l, respectivamente, com gasolina.

9) Citroën C4 Lounge Feel 1.6 THP – R$ 95.990

Top 10: carros com injeção direta no Brasil

Único Citroën a ocupar uma posição nesta lista, o C4 Lounge também oferece o 1.6 THP de até 173 cv e 24,5 kgfm, sempre com transmissão automática de seis velocidades. O sedã atinge os 100 km/h em 9,1 s e tem máxima de 215 km/h. O consumo é de 7,1 km/l na cidade e 9 km/l na estrada com etanol e 10,5 e 13,2 km/l, respectivamente, com gasolina

10) Volkswagen Jetta 250 TSI – R$ 99.990

Outro modelo da Volkswagen em nosso Top 10 é o novo Jetta, que aparece em sua versão de entrada 250 TSI. Com preço bem interessante em seu segmento, o Jetta tem motor 1.4 TSI de 150 cv e 25,5 kgfm de torque, com câmbio automático de 6 marchas.

Apesar de ter uma versão mais potente, esse conjunto já é suficiente para levá-lo aos 100 km/h em apenas 8,9 segundos, com velocidade máxima de 210 km/h. O consumo também é digno de elogios, com médias com etanol de 7,4 km/l na cidade e 9,6 km/l na estrada e com gasolina de 10,9 km/l na cidade e 14 km/l na estrada.

Leonardo Andrade

Leonardo Andrade

Leonardo atua no segmento automotivo há quase nove anos. Tem experiência/formação em administração de empresas, marketing digital e inbound marketing. Já foi colaborador em mais de sete portais do Brasil. Fissurado por carros, em especial pelo mercado e por essa transformação que o mundo automotivo está vivendo.

  • NaoFaloComBandeirantes

    Foi o maior vacilo da Hyundai lançar aquele 1.0L Turbo sem injeção direta no HB20.
    Não por acaso, a versão não vingou.

    • SDS SP

      E vai micar no mercado de usados. Mas parece que nem à Hyundai faz questão de vender essa versão.

    • Felippe2010

      A Hyundai alegou que o motivo de não ter usado direct inject foi o alto custo, a minha opinião é que neste caso o real motivo foi a ganancia de lucrar mais, é só ver a quantidade de UP TSI que tem nas ruas

      • oloko

        Exato, qual outro carro turbo 0km não tem injeção direta aqui no br? Salvo engano só esse da hyundai.
        Claro que a grande maioria das pessoas que compram carro não fazem ideia do que seja injeção direta, mas é só andar com o carro para ver que daí esse turbo não tem nada demais

        • Filipe Augusto Moro

          Mas o fato de não ser o TGDi não desmerece o carro, apenas faz perder alguns pontos em consumo e potência. Mecanicamente defasado ele é (comparado aos de injeção direta), mas ainda assim tem boas respostas ao acelerador e, sabendo andar, chega a fazer 9 por litro na cidade e em torno de 15 na estrada, com etanol. Minha esposa dirige um desses todo dia há 2 anos e a média tem se mantido próximo disso.

          • Ernesto

            Não tem como ela estar andando há 2 anos com um carro lançado em Abril/2016.

            • Filipe Augusto Moro

              Desculpe, me expressei mal. O correto seria há quase 2 anos.

    • Thiago

      Acho que a versão micou mais por não oferecer AT do que pela injeção, mas certamente foi vacilo.

      Fizeram uma boa propaganda sobre a potência e economia, mas esqueceram de fazer o básico.

  • Erasmo Artur

    Resumão, THP’s e TSI’s.

    Não foi aqui que noticiaram redução dos preços do 308 busines p/ 69k?

    • predadordemarea .

      Não entendi o critério da reportagem.
      Cruze turbo e Civic Touring também em motores bem mais modernos do que alguns ai da lista e tem injeção direta.

      • kravmaga

        A ordem usada foi o preço e eles pegaram os 10 mais baratos.

        • predadordemarea .

          Mas o Cruze LT não está mais barato do que o Focus que está na décima posição?

          • Neto

            Minha esposa trocou o I30 dela por um Cruze Turbo Sport 6, 0 Km nesse mês, pelo valor que ela pagou ele ficaria na 8° posição nesse ranking. E de todos dessa lista para mim ele é o melhor custo x benefício.

            • Djalma

              Os caras consideram o preço de tabela, senão vira uma bagunça.

          • Wellington Myph13

            92.990,00…
            800 reaus mais caro…

          • Davi Millan

            Por 800 reais a mais ele não entrou na lista.

    • Leandro

      Ecoboost e Duratec tb, rs

  • Por que não o C4 Origine e as versões mais baratas de 308 e 408 no ranking? Algum motivo em especial? O Lounge Origine de entrada (tudo bem, com MT, mas vá lá, não vi essa limitação na formação do ranking) parte de menos de 80 mil…

    • Wellington Myph13

      Se não me engano, é só pra CNPJ essa versão MT. E ainda tem as 69,9k AT6 pra PCD…

      • Jurandir Filho

        A versão business do 308 é pra todos, pra PCD cai pra uns 50 mil

        • Wellington Myph13

          A versão Business é “aberto pra todos” porque não conheço uma CSS da Peugeot que não de um jeito de vender do CNPJ pra PF.
          Já a PCD é 69,9k mesmo, ela sai 55mil com os descontos, mas a tabela dele é 69,9k…

          • Davi Millan

            Liguei hoje para uma concessionária da Peugeot para saber sobre isso. A Business era para CNPJ e a Business Pro era para PCD, mas agora só tem a Business e é aberta ao público em geral. Tanto 308 quanto o 408 custam 69,9mil. Não sei ai onde você mora, mas aqui em Floripa qualquer um pode comprar.

    • Gabriel M. Vieira

      A Origine MT já saiu de linha… acho que não ficou nem 6 meses.

    • Davi Millan

      O Lounge Origine saiu de linha, tanto MT quanto AT, agora ficou só S por 89, Tendance por 90 e Exclusive por 99.
      Agora a ausência do 308 Bussines eu não sei. Porque eles deveriam constar na lista.

  • Edson Fernandes

    Cade o 308 business por R$69900 ? (não tem também o 408?)

    • Davi Millan

      Pois é, está faltando o 308 e 408 Business.

  • kravmaga

    NENHUMA marca japonesa ou coreana nessa lista !

    E o povo paga sorrindo, de olhos fechados e dizendo que estão levando vantagem, que vão vender seus usados por 5 mil reais a mais, mesmo tendo pago 10 mil a mais no 0km.

    • carloscomp

      Meu caro, mas não se resume só a isso, geralmente o dono destes japoneses que vc critica não tem dores de cabeça com problemas mecânicos e pós-venda, motores mais eficientes se tornam detalhes irrelevantes pra os consumidores destas marcas. E, só para citar, Corolla não faz feio com o seu 2.0 CVT…

      • NaoFaloComBandeirantes

        Amigo, concordo que um Corolla 2.0 CVT tem bom valor de revenda e tal. Fato incontestável.

        Mas é efeito manada. É igual namorar mulher feia só pra não ter dor de cabeça!

        • carloscomp

          Amigo,

          Kkkkkkkkkkkkk não concordo muito com a comparação. O pessoal “forista” e “bloguista” desce o pau como se o Corolla fosse um carro ruim, “mulher feia” como vc citou

          • NaoFaloComBandeirantes

            Ele é excelente! Eu já dirigi e não tenho nenhuma crítica.
            Inclusive a suspensão é muito boa.

            Mas eu acho que isso de “só o Corolla” um exagero do nosso mercado.
            Acho que as pessoas o elegeram como única opção aceitável.

        • Leandro

          Kkkkk

    • ObservadorCWB

      E quem “arruma” injeção direta+turbo após vencido o prazo de garantia ? Na família as Tiguans são usadas enquanto possuem garantia de fábrica. Depois………….. seguem o barco, que o novo proprietário faça bom uso e tenha SORTE. No entanto os donos de Hyundai e Honda seguem com seus carros mesmo depois de passado este período.

    • KOWALSKI

      Depois que atendi uma Tiguan TSI com o cabeçote totalmente danificado por carbonização perdi o tesão.

      • Davi Millan

        O ano dela era anterior a 2014, a Tiguan?

        • KOWALSKI

          Agora de cabeça não vou me lembrar.

    • Leandro

      Exato, esse é o ponto. Conseguem uma revenda com preço maior, mas pagaram mais caro no zero. Da no mesmo.

  • Rodrigo

    O 308 ainda é vendido no Brasil? Pergunto pois na semana passada fui no configurado do site deles e não encontrei o modelo.

  • Wellington Myph13

    Acho que a lista seria melhor otimizada se fosse por exemplo:
    1.0 TSI : up! é o mais barato com ele
    1.4 TSI : Golf é o mais barato com ele
    1.4 ECOTEC : Tracker é o mais barato com ele
    1.4T JetBoost : Suzuki S-Cross é o mais barato com ele (nem sei se acertei o nome ou o modelo)
    Etc etc etc…

    • Fabrício Sanches

      Acho que é Boosterjet, não?!

  • afonso200

    e nossa gasolina com muita porcaria dentro sera que ajuda nos bicos de injeção direta. muito mecanicos youtubers reclamam que da pau rapidim

    • Cristiano_RJ

      Que tipo de porcaria tem dentro da nossa gasolina?

      • th!nk.t4nk

        Todo tipo de solvente. A gasolina brasileira é uma das mais adulteradas do mundo.

        • Djalma

          Todo tipo de solvente se o dono do posto ou a distribuidora adulterar.

          • T1000

            errado, se vc der o azar de pegar gasolina formulada, que é a adulterada legalizada, além do maior consumo, a chance de você ferrar o carro é grande.

          • Cristiano_RJ

            Pois é…

        • Cristiano_RJ

          Bem, um produto fraudado não representa aquele produto. É como se você falasse que bolsa Louis Viton é uma m#rda porque tem um monte de unidades “made in China” circulando por aí. Solvente não faz parte da composição da nossa gasolina. Gasolina adulterada não faz bem para nenhum tipo de motor, seja ele com injeção direta ou não. Conselho: abasteça em um posto confiável, mesmo pagando algo a mais, e seja feliz.

          • SDS SP

            Nossa gasolina, salvo às adulterações não é ruim. O problema é o excesso de etanol acaba prejudicando o consumo.
            Posso estar errado, mas acho que nossa gasolina tem muito etanol por conta do lobby forte dos usineiros e também pela capacidade de produção nossas refinarias, que já estão no limite.

            • Cristiano_RJ

              É exatamente isso amigo SDS SP. Bastava termos uns 10, no máximo 15% de etanol e pronto. Esse percentual que temos atualmente é servergonhice pura. Só é benéfico sabemos muito bem para quem.

  • Douglas

    Cadê o 308 business de 70 mil? E o Focus sedã de 84 mil?

  • Freaky Boss

    O UP TSI é uma delícia de dirigir. E todo mundo que tem gosta muito do carro.

    • Djalma

      Pior que quase não acha usado para comprar.

      • Eng Turbo

        Por isso ms que não acha usado pra vender…quem tem não vende tão facil ;)
        Quando eu resolver vender o meu, ja tem uma lista de colegas interessados kkk

  • Jurandir Filho

    308 thp business sai por 69990, tá no site, não é promoção

  • oloko

    Só queria saber como que eles chegaram a esses 10,5 km/l na cidade com o c4 1.6 thp, pq mais que 7.5 é impossível kkkkk

  • Luciano Souza

    É isso mesmo Bresil??? 85 temers em um PUG 208 …..??? Onde vamos parar…E eu achando ruim ter pago 62,5 temers em uma Toro Road 1.8 17/18 no CNPJ….Isso é Bresillllll…

  • fabricioaguirre

    Porqeu não é uma tecnologia padrão ?

  • zekinha71

    Injeção direta é aquele negócio que quando pega um combustível pra lá de batizado, o dono do carro vai pro cantinho chorar, quando chega o orçamento?

  • Ricardo

    Fico impressionado como um motor 2.0 da Ford com injeção direta na prática é tão relativamente lerdo!

  • Leandro

    Por que Corolla não dá problema? Usa tão pouca tecnologia que não tem como dar errado, é tipo um fusca, rs.

    • Ernesto

      Chora mais!

  • Daniel

    Incrível como nos recentes “Top10” do NA, de coisas boas e algumas importantes, sempre aparecem os franceses, mas na hora do consumido brasileiro tirar o escorpião do bolso eles são preteridos.

    • Leonardo

      dever ser por causa da manutenção caríssima e a desvalorização absurda

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email