Home _Sem Categoria Vai comprar um carro? Escolha a melhor forma de pagamento

comprando carro 2 620x412 Vai comprar um carro? Escolha a melhor forma de pagamento




Entre as opções de parcelamento estão o CDC, leasing e consórcio; saiba as vantagens e desvantagens de cada uma

Sueli Osório

Se você está pensando em comprar um carro novo, saiba que pode optar por várias formas de pagamento. Para quem tem dinheiro na mão, a melhor escolha pode ser à vista ou até mesmo por meio de parcelamento no cartão de crédito. Para quem precisa do veículo com urgência, mas não tem o valor total do bem, a saída pode ser o financiamento CDC ou leasing.

Outra possibilidade a ser considerada, mas para quem não tem pressa para pegar o carro e também não conta com todo o dinheiro no bolso, é o consórcio.

Antes de tomar sua decisão, é bom que você conheça as características de cada modalidade de compra. Segundo Reinaldo Domingos, presidente da DSOP Educação Financeira, o CDC é a modalidade mais usada no Brasil, mas tem a desvantagem de contar com taxas de juros elevadas. Além disso, o bem fica alienado à instituição financeira até o fim do pagamento das prestações como garantia.

Leasing

O leasing é uma locação com direito a compra no fim do contrato. O arrendador compra o bem e cede o uso ao arrendatário, ou seja, o bem é da instituição financeira. No entanto, segundo Domingos, há algumas vantagens em relação ao financiamento: os juros geralmente são menores que os do financiamento, não é necessário apresentar garantias e não há incidência de IOF, apenas ISS.

Mas essa opção também tem desvantagens. Só se é dono do bem no final do contrato, se for feita opção pela compra. Nesse caso, é necessário pagar o VRG (Valor Residual Garantido) acordado no contrato. Além disso, diferentemente do CDC, o carro não pode ser quitado antes do prazo mínimo apresentado no contrato.

Consórcio

O consórcio é formado por cotistas para autofinanciar bens e administrado por empresas fiscalizadas pelo Banco Central. O cotista recebe a carta de crédito por sorteio ou lance. Nas parcelas estão embutidos itens como o fundo comum, fundo reserva, seguro e taxa de administração. A prestação e a carta de crédito são corrigidas anualmente pelo IGPM ou INCC. Uma das vantagens do consórcio é que não há cobrança de juros e o prazo de pagamento pode chegar a 180 meses, enquanto no CDC chega, no máximo, a 72 meses.

Uma vantagem apontada por Paulo Roberto Rossi, presidente da Abac (Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios), é que, quando o consorciado é contemplado, recebe o crédito e tem o poder de barganha da compra à vista. Além disso, o bem pode ser novo ou usado.

Mas a modalidade também tem desvantagens, entre elas está o fato de não se ter a certeza da data da entrega do bem. Também é preciso apresentar garantias após a contemplação.

Compra à vista

Se o comprador tiver dinheiro para pagar à vista, certamente terá como negociar desconto, que deve ser de, no mínimo, 5%.  A grande vantagem é que ele não vai comprometer seu orçamento com prestações, mas, por outro lado, poderá ficar descapitalizado.

Há quem pague o automóvel com o cartão de crédito. Uma das vantagens é que o pagamento é feito na data de vencimento da fatura e não no ato da compra. Normalmente, pode ser feito parcelamento em até 12 vezes. No entanto, se o consumidor fizer apenas o pagamento mínimo da fatura, postergando o restante do valor, deverá arcar com os juros do cartão de crédito, que hoje estão entre os mais altos do mercado. Outro ponto negativo é o comprometimento do limite do cartão para outras compras.

Confira o valor das prestações para a compra de um Fiat Uno Vivace 1.0 quatro portas nas várias modalidades: 

fiat uno vivace opcoes comp 620x465 Vai comprar um carro? Escolha a melhor forma de pagamento


  • dudupruvinelli

    Vai comprar um carro? Escolha UM SEMINOVO OU UM USADO!

    • Edson Roberto

      E ai, todas as diferenças de juros aumentam e taxas inclusive. Nesse caso foi citar a melhor forma de pagamento em cima de um carro 0km.

      • MecanicoDigital

        Com certeza, os juros dos usados são bem maiores….

        • hal_cwb

          Se o cara for financiar um usado (2 anos) sai até mais alto a prestação do que o zero.

          • apneto

            sem falar os precos de carro usado anda alto, próximo ao preço do novo.

      • dudupruvinelli

        Pague a vista.

        • Leandro1978

          Sim, e são todos que podem fazer isso… O brasileiro faz a prazo por gostar de pagar juros…rs…

          • rafa_marcao

            Mas conheço muita gente que prefere entrar nos juros do que esperar 3…4 meses para comprar algo (claro que não carro, mas geladeira e etc)

            • Leandro1978

              Conheço gente que, mesmo tendo o valor para pagar à vista, prefere pagar a prazo e colocar o dinheiro para render em um investimento, pois, mesmo pagando os juros do empréstimo, ainda ganharia mais com o dinheiro aplicado,. Mas isso são poucos que podem e sabem fazer isso…

    • Pedro_Rocha

      Se for à vista e em dinheiro vivo dá ainda para conseguir bons descontos.

      • dudupruvinelli

        Não! Melhor comprar o GOL rebaixar, botar um somzaumm e parcelar em 60 vezes pelo jeito que tão falando.

      • AutoNacional

        Prezado Pedro_rocha, se você financiar um carro a revenda recebe avista, por tanto não faz diferença financiar ou pagar avista.

        • Pedro_Rocha

          De fato. É porque quando pensei no exemplo tinha em mente aquele vendedor de usados da esquina que geralmente só trabalha com dinheiro ou carro + volta.

          Pensando em css, para ela é vantajoso até vender financiado, já que eles ganham bônus das financeiras quando conseguem clientes para elas.

          • Fredxyz

            Na prática os vendedores fazem sim desconto à vista.

    • thales_sr

      Faltou o semivelho…

      • fbatti

        compra uma brasília 80 que está bem baratinho!!!

        • Veronez

          Se for em bom estado está o olho da cara :D

    • fbatti

      brasília 80 está bem baratinho

      • Veronez

        Depende do estado, se tiver em otimo estado o valor vai lá em cima tambem hehe

    • fabioalisson

      Vai nessa pra ver. Por 2 vezes pensei em comprar um seminovo, porém a taxa de juros deixava carro com 3 anos, no final das contas, que um carro zero.

      • Filipe_GTS

        Tem muita gente aqui que nunca comprou carro… só pode… Acham que usado é a maior maravilha do mundo

        • Leandro1978

          Mas não são os usados que não possuem defeitos, são todos completos e que não quebram? Só os novos que dão recall, são vendidos sem equipamentos de segurança e são caros…rs…

          • TvaxQuivax

            um gol com ar airbag e abs fica perto dos 40 mil.. tem carro similar popular custando nem metade disso com os mesmos itens, dai pega esse dinheiro q voce pagaria a vista e já tem grana pra manutanção se necessário for, enquanto vocês continuarem a comprar carros à preços altíssimos não vai ser o governo q vai baixar os preços (alias, se se o estado saísse do mercado aí simq o preço baixaria..)

        • fabioalisson

          Verdade. Ou acham que todo mundo que compra carro compra à vista e/ou juros de financiamento é tudo igual. Só podem achar isso.

    • Leandro1978

      Seminovo é como semivirgem ou semigrávida, ou é/está ou não é/está. A escolha por um modelo usado ou zero depende do que o consumidor quer, espera e quais são as suas necessidades. Claro que há casos em que um usado atenderá o consumidor plenamente. Em outros casos, a melhor opção é por um zero. O consumidor é quem sabe de suas necessidades e qual a melhor escolha.

      • dudupruvinelli

        Falou tudo!

      • rgmmelo

        Pois é. O pessoal toma tudo como se fossem dogmas…OU zero, ou usado….O meu primeiro e atual carro é um usado. Comprei por um ótimo preço, mas foi de parente…O meu próximo também quero um usado, mas não é uma regra…

    • bandaxadibar

      com dinheiro ao vivo, as ccs abrem as pernas para o consumidor!!!!

      • fabioalisson

        Não é bem assim. Para concessionária pouco importa se você está financiando (através de um banco) ou se você está pagando diretamente à ela, pois ela só vai lhe entregar o carro quando ela receber 100% do dinheiro, seja de você ou do banco.

        Aliás, algumas concessionárias até acham mais interessante vender financiado, pois ganham benefícios das instituições financeiras para "venderem" financiamentos.

        O que muitas vezes pode estragar a negociação de um carro financiado é a mania pouco inteligente de alguns de barganharem pelo valor da prestação, e não pelo valor total do veículo ou pela taxa de juros. O ideal é barganhar pelo valor total do veículo, depois se vê como fica o financiamento.

        • bandaxadibar

          Experimenta ir com grana na mão no final de mês em uma CCS…..fiz isso e me saí muito bem…

          • fabioalisson

            Comprar carro no final do mês é sempre uma boa, ainda mais se o mês foi fraco de vendas. Meu último carro eu comprei assim, final do mês. O carro já estava abaixo do valor de tabela, mesmo assim ainda consegui fazer o vendedor baixar o preço em uns R$ 1000 e levantar o preço do meu usado em mais R$ 1500, fora os acessórios.

            No fim das contas, meu carro ficou uns 12% abaixo do valor de tabela. E consegui isso mesmo financiando uns 30% do valor do veículo (à juro zero). Excelente negócio.

            • bandaxadibar

              Grana na mão significa todo o valor em dinheiro e não carro na troca….

              Ps. Juro zero não existe…ninguém empresta dinheiro de graça….o $$ tem custo!!

              • fabioalisson

                Discordo. Isso não faz a menor diferença, pelo contrário, um usado que entra como parte do pagamento na troca por um novo, por exemplo por R$ 20 mil é facilmente revendido por R$ 25 mil, ou seja, lucro.

                Quanto ao juro zero, afirmo pra você que na ponta do lapis o juro é zero sim, o que paguei a mais foi a taxa de cadastro, que geralmente as instituições financeiras cobram e o IOF, que é um imposto do governo inerente às operações de crédito. Juntando essas 2 taxas não deram nem 1000 reais sobre um valor financiado de R$ 18500, ainda acho que fiz um excelente negócio, até porque se não tivesse trocado de carro ou teria que gastar muto mais de 1000 com pneus e manutenção do meu carro antigo ou então, se não fosse financiar,invés de comprar um sedan médio completo teria que comprar um hatch 1.6 com no máximo trio, direção e ar. Questão pessoal.

      • luizcrjr

        Quem é que anda com dinheiro vivo hoje em dia? quem quiser ser assaltado… é loucura…

        • rgmmelo

          Creio que " Grana na mão" significa ter dinheiro…aposto que qualquer dessas aceita cartões, seja de débito, ou crédito…

          • bandaxadibar

            Comprei meu Linea 2009 a vista e ganhei um super desconto na época…na época queria um preto e nao tinham a pronta entrega….me ligaram no dia 30 dizendo que tinham um prata por cerca de 2,5k a menos e me davam tanque cheio…mas somente se fosse a vista….Fui ao banco e fiz a transferência e feito o negócio!!!

    • doidim2011

      Eu gostei da loirinha

  • WFDC0

    Ou pague a vista, ou sofra com as taxas do mercado, : (

    • Pedro_Rocha

      Se isso serve de consolo, os financiamentos de imóveis são ainda mais absurdos, tipo "compre 1 pague 3".

      • Roger_PG

        mas o imóvel valoriza durante os anos, quando vc terminar de pagar pode ser q ele tenha valorizado mais q os juros q vc pagou

      • alexhmoraes

        Não concordo não Pedro, financiamento imobiliário é caro sim, mas imóvel sempre valoriza e compensa, agora automóvel não, esses tipos de bens desvalorizam! pra mim imóvel é investimento. mesmo que financiado não é um mau negócio não, melhor que pagar aluguel.

        • Pedro_Rocha

          A regra não é tão exata assim. Vai que surge um buteco, boca de fumo, favela, posto de saúde, serralheria, necrotério, depósito de gás, delegacia ou presídio perto da sua casa para ver o que acontece.

      • thales_sr

        O financiamento de imóveis tem as menores taxas de financiamento para pessoa física. De carro, é 1,5% ao mês (20% ao ano)… De imóveis, pode ser encontrado até por 7,5% ao ano (0,6% ao mês)…

        • Pedro_Rocha

          7,5% ao ano multiplicado por 300 meses sai a mais de 220% ao final, ou seja, uma casa paga para você e duas para o banco. É DOSE!

          • thales_sr

            Ou seja, o problema não é o financiamento, mas sim o prazo. Investindo o valor do apartamento, dá pra pagar a prestação e ainda sobrar um troco. Bem bom, não?

            • Pedro_Rocha

              Bem, eu sou um tanto polêmico quanto a investimentos imobiliários, pois acho que eles te descapitalizam no auge da vida para acumular patrimônio quando a gente vai precisar mesmo é de plano de saúde. =D

              Se um imóvel custa 200K e te pedem 1,2K mensal de aluguel, é mais vantajoso alugá-lo pois os juros mesmo de uma poupança já cobririam o valor mensal gasto e ainda te deixariam com capital de giro não-empacado em algo de baixa liquidez.

              • Fredxyz

                Sua conta tá errada. A poupança mal dá 0.5%, ou seja, mil reais no seu exemplo. E o imóvel se corrige com a inflação, apesar de agora os preços estarem inflados.

                • Pedro_Rocha

                  Coloquei 200 merréis a mais para compensar (IPTU + TIP + Seguro+ manutenção anual)/12.

                  • riccorreasp

                    Você mora de aluguel, Pedro? Por opção?

                    • Pedro_Rocha

                      Sim, assim não mexo no dinheiro que está na regra antiga da "caderneta" e ainda assim consigo economizar R$500,00 do salário todo mês. Além disso, posso me livrar de vizinhos "malas" quando quiser.

                    • riccorreasp

                      Faz sentido. Mas apenas se você for solteiro e morar em um apartamento ou casa bem pequenos. Do contrário, creio que você esteja perdendo dinheiro. Pois os alugueis, dada a valorização irreal dos imóveis de anos para cá, estão elevados demais.

              • thales_sr

                Então, o financiamento tá aí justamente pra isso. No momento, estou financiando um apartamento, e não vou tirar um centavo do que tenho investido para amortizar a dívida, simplesmente porque meus investimentos me dão maior retorno (percentual) do que o que pago ao banco de juros. E ainda vai servir pra eu utilizar o dinheiro do FGTS (que o rendimento é pífio).

              • PEDRO_HAWK

                É verdade. Você pode morar num bairro bem localizado pagando, digamos, R$ 1.000 de aluguel. Se você fosse financiar o mesmo imóvel mas num bairro não tão bom, pagaria uns R$ 1.300. Com a diferença entre eles (R$ 300) sendo guadada na poupança, no final de 300 meses você terá o dinheiro pra comprar à vista, com a vantagem de ter morado num local melhor os últimos 300 meses.

                O detalhe é: quem consegue guardar dinheiro?

                • luizcrjr

                  Não é bem assim, e a inflação e valorização do imóvel?

              • thiago20ea

                Não se esqueça que o valor do aluguel tende SEMPRE a aumentar, enquanto as prestações do financiamento imobiliário diminuem (Sistema SACRE e SAC). Espere 10 anos e me diga quanto estará o valor desse seu aluguel e quanto estaria a prestação do financiamento.

                • Pedro_Rocha

                  Para cada 100K de imóvel são menos 6K por ano só de rendimentos levando em conta a poupança, além de IPTU, TIP, seguro e manutenção em geral. Ou seja, o fato de você ter o imóvel te custa em média 8K (colocando o IPTU em 1K e diluindo no tempo o valor de uma reforma razoável). Em 10 anos isso vai beirar 85K, considerando que os juros de poupança são compostos. Resumindo: se você comprar um imóvel de 100K e ele terá que ter valorização bruta de mais de 85% para valer a pena, mas o problema é perder cada vez mais liquidez

                  Em outras palavras, ou compra casa e um Gol usado ou viva de aluguel com 2 carros na garagem e muitos Gigabytes de fotos de viagens. =D

                  • riccorreasp

                    Pedro, vou tentar expor minha opinião. Você, pelo que me recordo, tem um Corolla, correto? Qual outro carro além dele você tem na garagem?

                    Há alguns anos, o preço de um sedan médio era suficiente para adquirir um apartamento pequeno, dependendo da localização e da cidade em que se morava. Dois sedans médios eram suficientes para comprar uma casa ou apartamentos até razoáveis. Hoje, realmente a questão se inverteu, pois 120, 140 mil reais não compram nada mesmo. Porém, se você tivesse adquirido algo até 2005, não compensaria manter 2 carros na garagem sabendo que eles representariam um apartamento ou casa.

                    Entende meu raciocínio?

                    • Pedro_Rocha

                      Não tenho outro carro (foi apenas uma hipótese), só o meu Corolla GLI AT 2011. Mas seu raciocínio está correto na hipótese de imóveis comprados antes do inchaço da bolha imobiliária brasileira. Entretanto, comprar hoje está bastante complicado.

                    • riccorreasp

                      Honestamente falando, a "estória" de que a concessão facilitada de crédito, que gerou a bolha, possibilitou que algumas pessoas adquirissem seu imóvel e deixassem o aluguel é falaciosa. Simplesmente porque quem não possuía condições antes, agora é que não terá mesmo. Visto que os imóveis tiveram valorização bem acima da inflação, em alguns casos quintuplicando de preço em menos de 8 anos.

                      Em minha opinião, essa atitude temerária cometida pelo governo apenas impediu que quem já planejava adquirir uma casa ou apartamento pudesse comprar imóveis maiores e melhores. Portanto, ela não foi nada benéfica.

  • Diggo

    "A prestação e a carta de crédito são corrigidas anualmente pelo IGPM ou INCC."

    Olha nunca ouvi falar neste tipo de correção, ela deve ser sempre, no caso de veículos, corrigido pelo valor de mercado do bem objeto da quota.

    "Também é preciso apresentar garantias após a contemplação."

    A única que você não apresenta garantia e se for pago a vista… CDC e leasing também oferece garantia e nestas três modalidades a garantia é o próprio bem.

  • Edson Roberto

    Interessante mostrar isso.

    Para mim, perante as demonstradas a que eu poderia utilizar é o Leasing ou cartão de crédito. Claro que é meio surreal comprar um Uno dessa maneira. E quem paga esse valor em 12x está basicamente comprando um produto mais caro (e consequentemente tem uma boa grana consigo).

    Isso citando apenas casos de parcelamento. Não acho que valha a pena hoje ter consorcio. Não é de imediato e ainda corre-se o risco do modelo sair de linha até a contemplação. Entretanto, o melhor meio sempre é pagar a vista. É a unica possibilidade de se negociar descontos viaveis.

    • DinhoRoxx

      Leia que o valor rersidual do bem nao esta contemplado no leasing que geralmente se encontra embutido nas prestações, entao aumenta o valor consideravelmente

    • Renato_Duarte

      caso o veiculo saia de linha proximo do termino do consorcio,, vc pode optar por aguardar o lançamento chegar ou guardar o valor no banco ,,, pois consorcio é muito melhor do que parcelamento,, chega a ser mais facil do que juntar na poupança

      • msouza91

        só se a pessoa for indisciplinada, a poupança mesmo rendendo pouco, rende, o consorcio ainda há incisão de taxas de administração, uma coisa que eu aprendi desde cedo foi a poupar, tem gente que sempre deixa pra depositar numa poupança depois de pagar as contas, comprar e se divertir, conclusão, não sobra nada pois o que seria poupado foi gasto, coloque como obrigação depositar uma quantia X por mês, e ai sim pague suas contas, aprenda a viver com menos que vc recebe, sem estourar cartão e parcelar em mil vezes, não é fácil, mas já é uma maneira de poupar

        • Renato_Duarte

          só que a maioria não pensa assim,, e é justamente dessa maioria é que estou falando,,, o povo acha que só se é feliz indo pra balada,, acha que se não farrear a vida não vale a pena,, por isso que saem gastando sem ter conciencia pra juntar dinheiro,, eu sou igual vc ,,, sei gastar sem perder dinheiro , tanto que o financiamento do meu carro não passa de 20% do salario por mes,, e o que sobra sempre guardo pra poder pelo menos diminuir o financiamento de um possivel carro novo pra comprar

    • PortoWF

      Leasing é interessante para P.J, pq não incorpora o valor do Bem ao seu Patrimônio.

    • Leandro1978

      No cartão o cara deve ganhar pontos pra caramba, não? Tenho um conhecido que conseguiu passagem de 1ª classe para Portugal, ida e volta só em pontos do cartão. Mas não sei se ele comprou um carro no cartão, mas sei que ele compra de tudo, até o cafezinho da padaria no cartão…rs…

      • PortoWF

        mas não é qualquer Mortal que tem um Limite de R$40k disponível no Cartão.

      • thales_sr

        Eu também passo tudo no cartão… Não tem coisa melhor do que não ter que carregar moedas!

  • zemarreta

    Eu prefiro comprar a vista, nem que seja usado.

    • Renato_Duarte

      é o mais correto a fazer,,,, meu proximo carro será dessa forma,,, sem divida = sem prejuizos

      • luizcrjr

        Ou menos prejuízo… já que de toda forma o carro desvaloriza…

        • DCald

          Nem sempre! As vezes a manutenção do usado sai mais cara que os juros do financiamento de um 0km!

          Vai depender muito da necessidade/uso que a pessoa faz do carro…

  • ccccc

    Comprar à vista na concessionária nao garante desconto nenhum… para eles é melhor comprar financiado pois ganham muito mais (Retorno, etc) do que à vista!

    • PortoWF

      isso mesmo, queria saber de onde a autora tirou aqueles 5%.

      • MM_

        Pois é, isso é muito relativo. Vai hoje comprar um i30 do novo a vista pra ver quanto desconto vc consegue. Aí vai comprar um 408 Griffe NAO THP quando faltar 2 ou 3 dias pra acabar o mes.

      • DCald

        Cara, tirando a epoca de "ultimo fds do ipi baixo" e cia… qdo vendem igual agua… é sim possivel conseguir descontos… Eu mesmo consegui descontos proximos a 15% só numa boa negociação…

        O ultimo carro que comprei, consegui 5% de desconto e ainda comprei naquele esquema 60% entrada + 24x com taxa 0%… E isso foi em outubro/12

  • nytrouz

    O melhor de pagar com o CC são as milhas… Meu sogro comprou um carro pelo cartão e, no fim das 10 parcelas, além do desconto dado pela concessionária, ele ganhou em milhas o equivalente a quase duas passagens para Miami fora de temporada… É algo a se pensar também.

    • msouza91

      uso isso pra descontos em carros, eu uso um Itaú Fiat Card, e acumulo 5% de tudo que eu gastar no cartão em Bônus pra veículo Fiat. só não peguei outro Fiat na troca do Siena pois haviam poucos créditos (dei os que tinham pro meu pai e presente de aniversário). O detalhe é que eu compro dos meus fornecedores (sou empresário) com cartão de pessoa física, então consigo muitos bônus.

  • Dudu do goias

    Quero ver quem vai passar um carro no cartao de credito, nao pelo fato do cara conseguir pagar, mas sim da loja pagar 5% para a operadora do cartao.

    • DCald

      tbm queria saber como é isso… pq nunca vi. no maximo parcelam a entrada no cartão. Agora, tem que ter os 50mil de limite de crédito ou eles lançam as parcelas individualmente cada mes?

      • Skiner

        Tem que ter o limite disponível. E quanto à dúvida do Dudu, lojas que movimentam muito dinheiro negociam a taxa de administração com a operadora do cartão. Assim, lojas pequenas pagam, de fato, 5%, lojas de médio porte ficam entre 2 e 5%, e concessionárias e lojas grandes pagam de 0,4 a 2%, até onde já vi. É capaz de ter lojas que paguem menos que 0,4.

  • Renan21

    A melhor forma é comprar o mais a vista possivel
    Se for usado pode conseguir um desconto de até 10%

    • Filipe_GTS

      Usado bom de verdade tá sempre acima da tabela. Usado barato é utopia. Ou bomba mesmo…

      • Renan21

        Depende hein. Tem usado que parece novo e preço abaixo da tabela. É so ter paciencia para comprar
        Mas tambem tem as bombas.
        De qualquer forma é sempre bom fazer um teste drive e levar em um mecanico de confiança.

        • thales_sr

          Será que se eu botar no google "mecânico de confiança" aparece uma lista pra mim? Todo mundo fala desse ser, mas é raro encontrar um por aí.

          • Renan21

            Sim, pode botar que aparece uma lista com nome, endereço e histórico.

  • CharlesAle

    Tem de se pesquisar muito antes de partir para compra,seminovos não é esse bom negócio todo não,andei comparando as parcelas da localiz seminovos e estão quase igual ao de um zero,como Ka,se for para pagar quase preço de zero,que pegue o zero logo…

    • thales_sr

      Sim, esse é um ponto interessante, vejo muita gente falar que "usado é o melhor negócio", mas boa parte desses deve olhar usado só em webmotors. Assim até eu acho pechincha adoidado.

    • DCald

      pois eh… tenho um colega de trabalho que é teimoso e só quer andar de usado… dai ele precisou comprar um carro… e foi obrigado a comprar um 0km, pq a taxa de financiamento para usado é absurdamente maior!

  • Mr. Potato

    Carro, só à vista mesmo. Não adianta se iludir com "juro zero", "manter capitalizado" e outros papos-furados.

  • PortoWF

    Se o comprador tiver dinheiro para pagar à vista, certamente terá como negociar desconto, que deve ser de, no mínimo, 5%.
    WHAT?????

    • DCald

      Sim… Eu já consegui qse 15% de desconto na negociação para compra a vista.

  • Mr. Potato

    Melhor um usado à vista do que um zero km financiado. Perde o status de ter o "carro do ano", mas ganha tranquilidade financeira.

    • dudupruvinelli

      Com certeza, além do carro ser mais completo. É só pesquisar e ter paciência que se acha um excelente. Eu vou comprar meu 1° carro usado. Um 2.0, com 30 mil km, por menos de 32k, com 6 airbags, esp, asr, abs, espelhos elétricos, ar dual zone, ano acima de 2007, manutenção barata, espaço real para 5 pessoas e muito mais. Maaaaaaaaaas, tem gente que prefere um ônix com crateras no painel com motor de dentista. Ok, não os julgo.

      • Corvo

        A qual carro está se referindo ?

        • dudupruvinelli

          c4 vtr

          • Corvo

            Cara..gosto muito dos carros franceses (já tive 4), e o VTR é um carro muito bom, de sangue 100 % francesa, mas atenção, que o barato pode sair caro. A manutenção é bem salgada (e reza para não dar problemas elétricos, comuns nos franceses), fora que o mercado dele é bem restrito pois há muito poucos. Outra coisa (não menos importante) que é que em 2-3 anos as seguradoras não vão querer mais assegurar ele e ai eu quero ver…
            Eu mesmo estou procurando um carro nessa faixa de preços, com segurança (no mínimo abs e airbag), mas já descartei esse modelo por todos esses problemas citados…

      • thales_sr

        Depois conta pra gente o gasto com manutenção.

        • zemarreta

          Eu tenho tido ótimas experiências com usados. Tem um Fit que comprei da CCS (acho que era o carro de test drive) com um ano de uso em 2006 que está conosco até hoje e só faz a revisão normal. E ainda economizei uns 15-20% em cima do valor dele zero. Ótimo negócio.

      • Leandro1978

        Mas você prestou atenção no que ele fala? Você citou dois modelos que custam mais de R$ 30.000 e de valores próximos, por que o zero você pagaria parcelado e o usado à vista? Não estou entendendo essa conta.

        • DCald

          pois eh…

      • DCald

        Cara, eu acho o VTR muito legal (comprei um C4 hatch 4 pts 0km pq preciso das 4 portas e pq não tinha mais a opção de comprar vtr 0km! haha)… mas, vc não terá a mesma tranquilidade mecanica de um 0km… Para ter uma ideia, sabe qto custa um jogo de pneus e amortecedores? então, vai acrescentando no preço e no final vc vai ver que seu usado saiu bem mais caro.

        Sem contar que depende de sorte… pq, pelas caracteristicas do VTR, muitos deles passaram pela mão de boyzinhos-filhinhos-de-papai-metido-a-veloz-e-furioso… dai, pode ter muita coisa esmerilhada no carro… alem do que, nem sempre a manutenção foi feita em dia e corretamente…

        • dudupruvinelli

          Sim! Já vi os pneus.. 400 reais cada um aqui em Porto Alegre. O VTR está todo original de único dono. Já olhei vários, inclusive alguns "tunados" horríveis! Te digo que nem sempre se tem sorte comprando um 0km. Tem um vídeo de um cara que comprou um c4 também aqui em Porto e se deu mal. Olha o vídeo. [youtube g28bfc1i_cA http://www.youtube.com/watch?v=g28bfc1i_cA youtube]

        • Corvo

          Pior ainda. É muito comum esses carros darem problema com o passar do tempo por culpa desses donos boyzinhos. Realmente o VTR não era um carro de família nem um pouco !
          A manutenção é bem salgada, fora que, conforme falei antes, as seguradoras não vão querer dar cobertura em 2-3 anos, primeiro pelo ano, segundo pela pouca quantia que há na rua (e parou de fabricar há vários anos)

    • Leandro1978

      Mas não é raro os pessoal comentar aqui que, pelo preço pago em determinado zero, pegaria um usado? Nesta forma, eu entendo que ambos possuem valores próximos, assim, como você pagaria um zero financiado e um usado à vista? Na forma que você fala, a pessoa teria que optar por um usado bem mais em conta, com isso, este modelo certamente terá um bom tempo de uso ou até terá que ser um desses compactos de entrada, tão pelados quanto os zeros.

      • Mr. Potato

        Aí depende do teu tempo e disposição em achar um usado interessante. Concordo que pra muita gente não vale a pena ficar correndo atrás disso, e que pegar um popular pé-de-boi também é péssimo negócio, mas muita gente nem sequer cogita olhar um usado. Esse oba-oba todo em torno de carro zero km não é saudável nem em países ricos, que dirá no Brasil. Prova disso é a quantidade de carros levados a leilão, muita gente dá passo maior do que as pernas e nem se dá conta disso. Não vejo problemas em ser humilde e andar num carro mais velhinho por um tempo, até estar em situação financeira melhor.

      • zemarreta

        Leandro, foi o que fiz em 2003. Na época só tinha grana (+/- 22.000) para ou um popular pelado, ou um compacto 1.6 usado mais completinho. Fiquei com o 206 1.6, pagando a vista.

  • ToNemAi_

    Pagando o buzão, metro, trem, bike ou outro meio alternativo é a melhor forma de pagar os carros.

  • AndredeAzambuja

    Eu tenho uma dúvida. Suponha que eu não tenho como pagar a vista o carro, no máximo tenho dinheiro pra uma entrada e resolvo financiar o resto. Só que chega um momento (vamo supor, faltando 15 meses pra saldar o financiamento, sendo parcelas de R$ 1000, com juros de 1% ao mês) que eu possuo um bom dinheiro guardado e quero saldar a totalidade da dívida. Por estar querendo saldar tudo de uma vez, eu vou ter um bom desconto sobre o que faltaria pagar (R$ 15.000), como a isenção ou diminuição dos juros, ou a única vantagem é se ver livre da dívida?

    • msouza91

      vamos ver se eu te ajudo um pouco, vamos dizer que vc consiga tal taxa e financie R$30.150, ficará com 36 parcelas de 1001,41, vamos arredondar pra R$1000 ok, isso sem contar com TAC, IOF e outras maracutáias…

      vc vai pagando, pagando e no final sobram 15 parcelas que totalizam R$15.000 se pagas individualmente, se pedir para fazer a quitação, vai sair algo como R$13.800 aproximadamente.

    • Cezar

      No caso de leasing não tem abatimento(desconto) caso queira quitar a divida. Vai pagar os 15mil e se livrar da divida apenas.
      No financiamento, por lei são obrigados e te abaterem valores dos juros, ou seja, dos 15mil que faltavam em 12x provavelmente com 13.500 ou 14mil vc quitaria a divida.
      resumindo: No leasing não tem abatimento ou desconto na antecipação das parcelas, no financiamento sim.
      Abraços.

      • DCald

        No leasing vc não tem opção de "adiantar parcelas"… mas, se for para quitar o veiculo, vai ter desconto sim!!!

    • rvieria

      Única vantagem é se ver livre da dívida.
      Normalmente contratos de financiamento possuem uma cláusula específica dizendo que, no caso. o abatimento de + 1 prestação gera 2 situações: 1) Redução do valor da parcela mensal, ou 2) redução do número de parcelas.
      Ademais, todo o financiamento já possui o juros embutido. Por lei, todo contrato de empréstimo deve registrar o Custo Total (Dinheiro+Taxas+Juros) – estou falando dos juros remuneratórios aqui-.

      • Cezar

        rvieria. Não é verdade. Pois no financiamento é obrigado e eles sempre dão redução dos juros no caso de quitação ou antecipação de prestações.

    • Filipe_GTS

      Já passei por isso mais de uma vez e sempre o banco reduz os juros. Na prática, se falta 15mil pra pagar vão te fazer por uns 13mil

      • AndredeAzambuja

        Obrigado a todos!

      • Cezar

        Filipe Gts. No leasing não. nã é abatido os juros na quitação antecipada das prestações.

        • DCald

          Sim, no leasing é abatido um valor sim! Mesmo o leasing sendo um aluguel…

    • DCald

      Se vc antecipar o pagamento, eles são OBRIGADOS a descontar a diferença proporcional dos juros.

  • silvio_Brito

    A taxa de juros do CDC esta em 1,05% Baixou Mesmo (não que seja bom)!
    Leasing = 0,85%
    A caixa oferece a 0,75, mas nao sei se alguem ja conseguiu financiar com esta taxa.

    Como assim o leasing nao precisa comprovar renda?

  • fabioalisson

    A melhor coisa que fiz foi pegar um financiamento onde dei uma entrada algo em torno de 70% e financiei o restante em 24x sem juros em CDC. Particularmente achei um excelente negócio e tentarei procurar algo semelhante quando for trocar de carro.

    Leasing está caindo em desuso pois os tramites de transferência do bem no final do contrato são burocráticos e onerosos.

    • fschulz84

      Eu sempre faço isso…

      Tirando meu primeiro carro que paguei à vista, todos os outros dei uma entrada de pelo menos 60% e financiei o resto em no máximo 24x (CDC)… E sempre que posso tento adiantar parcelas para beliscar algum descontinho…

      • fabioalisson

        Também é uma boa! Fiz isso no meu carro anterior, financiei por CDC em 36x, adiantava parcelas, e acabei quitando o contrato com 21 meses e pegando um descontão. O ideal é pegar uma prestação que não aperte tanto no orçamento e adiantar sempre que possível.

    • JaoSilvestre

      muito onerosos, trabalhei com financiamento de veículos por uma grande financeira do país…meu…entre leasing e CDC fique com o CDC porque inclusive você consegue antecipar o pagamento das parcelas, de certa forma, "matando" o juro excessivo…Desse 1 ano e 4 meses pelo menos 9 meses(quase uma gestação…rsssss) foi lidando com liberação de veículos leasing, e o prazo para transferência para o próprio nome é de 1 ano, antes disso pode até quitar mas tem que transferir pra terceiro, e nisso as financeiras faturam MUITO, média de 600 a 800/liberação…

  • mottervictor

    Até quando brasileiro não vai entender que carro é bem de CONSUMO ??

    • PortoWF

      Nunca, eu acho!

  • Leandro1978

    Pessoalmente, se não posso pagar à vista, gosto do consórcio. Você paga pelo valor do bem, sem juros, apenas as taxas de administração a mais, mas acho que acaba compensando quando você tem a carta de crédito em mão e negociar. Obviamente que isso só vale se você já tem um carro ou não precisa do bem imediatamente.

    • Cezar

      Sem juros ???? kkkkk… São pessoas como vc que o consórcio engana sempre :) Sem ofensas.

      • Leandro1978

        Tá, explica então como funciona.

        • Thiagusss

          o consórcio realmente não cobra juros efetivos.
          mas existe uma diferença cobrada, que se eu não estou enganado é para seguro, correção igpm e despesas administrativas…portanto é sem juros mas não tem almoço grátis….além de vc não estar de posse do bem, a menos que seja contemplado por sorteio ou por lance.

          • Alan_Brito

            Realmente, tem consórcio que cobra absurdos de taxa de administração (até 18%) sendo que por lei o permitido é 5%! Se vc conseguir uma empresa que faça o consórcio REALMENTE por essa taxa (acho que só bancos conseguem fazer), fica mais interessante ainda. Essas empresas especializadas em consórcio metem a faca pra poder ganhar mais em cima da gente.

          • Leandro1978

            Sim, eu sei que não existe almoço grátis, não sou ingenuo. Mesmo assim, um consórcio é muito mais vantajoso que fazer empréstimo. Obviamente que há a desvantagem do bem não ser disponibilizado de imediato, mas eu cito acima que esta modalidade não serve para quem precisa do bem imediatamente. Agora, nunca fiz as contas se valeria à pena, ao invés da entrada dada num empréstimo, ser dado como lance em um consórcio. Se não me engano tem regras de quando pode ser dado o lance, que abate as prestações. Agora, engraçado que o Cezar, expertão, critica e não explicas as coisas…

  • PeriJR

    Bom mesmo é ser servidor público e pegar um belo consignado com os juros lá em baixo, experiência própria =)

    • thales_sr

      Prefiro não pagar juros a ninguém…

      • PeriJR

        Se você pode comprar tudo o que quer à vista, meus parabéns.

    • PortoWF

      Não precisa ser Funcionário Publico para ter beneficio de consignado a juros Baixos, já há diversas empresas do setor privado que tb oferecem esse beneficio.

      • PeriJR

        Não quis dizer que é uma exclusividade. E acrescentando, além dos juros serem os mais baixos em comparação a qualquer modalidade, o bem não fica alienado.

  • AutoNacional

    Tanto pelo financiamento, consórcio ( quando contemplado ) se compra o carro avista. Esse negócio que com dinheiro na mão se consegue desconto é balela. Se eu financiar um carro pelo banco ou financeira a revenda recebe o dinheiro avista. Pelo consórcio da mesma forma.

    • nytrouz

      O poder de barganha ao ter o dinheiro à vista é muito maior… Com financiamentos ou consórcios há muito mais trâmites burocráticos, todos onerosos para a concessionária…

  • thiago

    O brasileiro paga 3 carros e quando vai vender não vende nem pela metade do que pagou…
    Pagamos um carro pro governo em impostos, um pra montadora e outro pra financiadora…isso é uma vergonha….
    Só vejo uma vantagem pra se comprar um carro com um preço bom, pagar a vista e em nome de alguma empresa, o carro irá sair em média 20% mais barato…um carro de R$ 40.000 que financiado vc pagaria mais de 60 mil, pagando a vista e por empresa ele sairia por 32 mil, agora o problema é achar um empresário de confiança que esteja disposto a ajudar, isso lógico, para quem não tem empresa

    • PortoWF

      Isso é sonegação amigão!

  • Juniorfillingam

    que pena não temos em nossa cultura a compra a vista, depois ficamos apertado com seguro, IPVA, manutenção etc. Não é só a prestação não.

  • Guilherme

    Carro vale 40mil + 30mil de imposto e vende por metade do que pagou pra menos!

  • Daniel Ramos

    Melhor forma de pagamento= ISSO NO BRASIL "NO ECXISTE"….mais ainda sim quem puder pagar a vista é a melhor opção disparada sem sombra de dúvidas….vide que eu tenho inveja dos Europeus que saem ganhando nisso(com relação ao preço dos carros)

  • Dr.Master

    Voces ficam discutindo. O queeu queria mesmo e pegar a loira da foto.

  • anderson_sp

    De uma coisa eu sei……..o banco NUNCA vai sair perdendo, fique 40 dias sem pagar e ver sua vida virar um inferno nas mãos da Assessoria de Cobrança, o certo mesmo é comprar algo que caiba no bolso e orçamento e ir progredindo aos poucos, fazer loucuras para comprar um 0km com grana contada e depois dá algum imprevisto de ficar desempregado, aí já viu.

  • Felipe_Henrique

    Quem tem pelo menos R$21.800 (Valor do Ford Ka, o 0km mais barato atualmente) como limite no cartão de crédito, muito provavelmente não vai escolher um Ka ou um "popular" pra colocar na garagem.

  • Long_life_tobigcars

    Melhor forma:
    Ter vergonha na cara e adquirir o carro no modo a VISTA ou financiado com no mínimo 70% de entrada e parcelas no prazo máximo de 24 meses.

  • hiperleo

    Num mundo ideal, todos comprariam tudo à vista. Mas e as necessidades? Eu, por ex, estou com um carro de quatro anos cheio de problemas. Preciso me livrar dele ainda este ano

  • W_Costa

    A melhor forma de pagamento???
    Com certeza é a que cabe bolso de cada um, gastar mais a longo prazo ou menos a curto, vai de cada um saber a melhor escolha, o financiamento (apesar dos juros) também tem suas vantagens, é como dizer que financiar uma casa própria pela Caixa (quem não pode pagar uma à vista) não é vantajoso, cada caso é um caso, quem tem pra pagar à vista (e pagar logicamente sem juros e menos) ótimo, quem não tem, dá a entrada que puder e divide em parcelas que permitam viver sem apertos (os famosos 40% máximos da renda) e sem medo de ser feliz sim, por que não? Pior é deixar de ter um bem e ficar guardando pra comprar algo depois que estiver sem saúde e juventude pra aproveitar e (sem querer ser sinistro, mas sim realista) até morrer guardando $$ sem ter tido o prazer de realizar seus sonhos de consumo, seja carro, casa, etc…

  • pumagtb

    Melhor forma a vista porque nesta condição você que dá as cartas ao mercado ou seja você deixa de ser o refem.

  • macaense

    Prefiro juntar a grana e pagar a vista, nunca se sabe como será o dia de amanhã!

    • Louis

      Eu penso da mesma maneira, e frequentemente me chamam de mão-de-vaca, muquirana, pessimista rsrsrs

  • TTropicthunder

    A conta é assim:

    Carro no Brasil custa o dobro as vezes o triplo. Os juros do Brasil são um dos mais altos do mundo. Portanto você é escravo!

    Se conseguiu poupar e pode pagar a vista, não tem jeito, vai pagar por um bem que custa o dobro.

    Se não sabe ou não conseguiu poupar está ferrado 05 vezes mais.

    O Brasil é um país vendido a estrangeiros. Somos uma colônia ainda. Os brasileiros são alienados que acreditam que são livres de qualquer opressão. Mas existe a opressão econômica silenciosa que produz o efeito de uma bomba atômica destruindo o desenvolvimento e bem estar social.

    Você é pressionado a pagar 40 mil em um Gol ou Pálio para ter o mínimo em um carro descente e o povo se manifesta apenas para uma vida medíocre de futebol manipulado e um carnaval que nem gringo está querendo mais ver…

    • gcarlos

      Vc vive aonde? Se vive aqui como consegue viver? Ou é radical e só anda de bike?

      • TTropicthunder

        Vivo vencendo graças a Deus no Brasil. Não sou radical mas sou muito frustrado com este país e com jeito o brasileiro aceita explorado pelos próprios governantes.

        Definitivamente o brasileiro é alienado com futebol, cerveja e carnaval… um a pena mesmo.

        Deus me permitiu comprar um SX4 ontem zero por isso não ando de bike. Paguei uma fortuna na minha concepção. Mas como disse vou vencendo graças a Deus.

        • José Eduardo

          Kra, concordo com tudo q vc disse. Realmente o brasileiro se recusa a ver todos os problemas com o País, estão todos preocupados com carnaval, copa, como q anda o Neymar, e etc. é o "Pão e Circo", dá entretenimento (Carnaval, Copa) e auxilio (Bolsa-….) e todo mundo acha q tudo uma maravilha…

        • gcarlos

          Só tô enfatizando, vc acha q não pagou um preço absurdo por esse carro<? Será o q o lucro dele não é muito maior q de um GOL 1000, ou uno mile?
          Vc discursou aí , no final comprou um carro novo igualmente aos outros. Deve admitir q vc não é hipócrita, pelo menos não mandou boicotar a compra de um zero. Parabéns.

          • TTropicthunder

            Meu ponto é esse: Somos escravos de políticas econômicas e sociais tão absurdas quanto no Brasil colônia.

            Somos uma colônia ainda e o brasileiro nem percebeu.

  • LeandroLM

    Claro que pgto a vista é a melhor forma por conseguir algum desconto, pouco mas já é algo, mas pra quem financiar só precisa de muito planejamento, tem quem precisa muito de um veículo e não pode pagar a vista ou dar entrada de 60% ou 70% como alguns dizem que é a melhor forma(pois eu concordo por render alguns na poupança, antes os rendimentos na minha conta do que na dos outros), acho que o brasileiro em si tem é que se planejar mais, e não comprometer todo o orçamento como a maioria faz.

  • Mc_

    A grande maioria financia e paga no final 37 mil num Uno 1.0, mas exige que o carro seja prata pra não perder o valor de revenda, afinal brasileiro não gosta de perder dinheiro =)

    • Hellvins

      Olha esse negocio de cor, eu vejo como fica o carro, por exemplo se eu fosse comprar o new fiesta, hatch, eu prefiro azul, pois para mim combina mais com o carro, no HB20, já prefiro cinza escuro, no UNO, sou mais amarelo, no novo Palio, gosto da cor branca, No Gol, gosto dele daquele o verde escuro , acho que o problema é a liberdade de cores, e as fabricantes ate tentam evitar lançar cores diferentes, mas no mais das vezes sobra o receio!

  • http://www.facebook.com/loucosporcarrosoficial loucosporcarros

    Quanta complicação …

  • junior

    O exemplo do uno que foi dado acima deve ser sem entrada. fiquei na duvida.

  • lpnascimento99

    estou com a ideia de entrar em um consórcio e já de inicio dar um bom lance para que eu seja contemplado! Acredito que seja uma boa opção pois terei todo o crédito em mãos e poderei barganhar melhores preços no mercado devido ter o dinheiro todo.

  • fabioalisson

    Não sou idiota e é claro que calculei o que eu estava pagando. Se o banco teve lucro, não fui eu quem sustentou isso. Certamente há algum acordo da montadora com o banco que garanta esse lucro. Procure se informar melhor das promoções vigentes no mercado, você pode estar perdendo boas oportunidades por ter aversão à financiamentos.

    Cada um tem suas prioridades, tenho outras além de comprar carro, e essa foi a mlehor forma de conciliá-las com a compra do meu carro. Se "perdi" 1000 reais com isso, de certa forma ganhei em outros aspectos.

    Seguindo sua linha de raciocinio então o bom mesmo era ter comprado um carro popular à vista ou ter ficado com meu usado de 5 anos e 120 mil km rodados, desvalorizando mais a cada dia e gradativamente aumentando as despesas com manutenções né? Escolha "inteligente".

  • Romis_gtr

    Engraçado é que só tem endinheirado aqui…..gente que consegue pagar tudo à vista, consegue andar de ônibus durante "60 meses" e teve aulas intensas de economia no ensino médio……o.0

    A verdade é uma só, pagou à vista? Pagou caro, pois o carro que você comprou tem um custo na casa dos 50% menos…e o resto é lucro-brasil
    Pagou com algum tipo de financiamento? Tá ferrado do mesmo jeito, vai pagar um preço absurdo (que já é o normal, igual o amigo de cima) e mais os juros bancários, que são baixinho baixinho…..

    Num tem jeito, o mercado automobilístico aqui é uma grande roubada, sempre foi, está piorando e ninguém vai conseguir parar….o lance é estar feliz com o carro que se tem (seja ele qual for) e da forma que se consegue pagar…..

    :x

  • Mr. Potato

    Tudo bem, mas você financiou 18500. Tem gente aí financiando mais de 50 mil e sorrindo. Aí que mora o perigo. No seu caso foi tudo calculado, um juro aceitável, em condições que não te prejudicariam. Quisera todos fossem assim, mas a gente sabe que não é assim que as pessoas agem. Quanto a comprar um carro popular à vista, também acho mau negócio na maioria das vezes.

  • zemarreta

    Cara, Não sei os modelos mais novos, mas o modelo 2001 que foi o que eu comprei, não. A suspensão era dura e barulheta, o carro todo batia tudo por dentro, a marcha tinha engates molengos, o motor 1.6 tinha baixíssimo torque na cidade (minha sensação era de que o rocam 1.0 era mais forte…), e a embreagem não tinha progressividade, vc soltava ela um pouquinho, e pimba, o carro morria. Achei que fosse só no meu carro, mas o que testei em 2005 depois tinha o mesmo problema.
    Já o Clio que minha esposa tinha na mesma época era uma maravilha…