Chery Tiggo 8 – Reclamações e Defeitos

Tiggo 8 001

O Tiggo 8 veio como a opção da Chery para SUVs de 7 lugares, um mercado relativamente grande no Brasil, se posicionando, na época, como o modelo mais caro da montadora.

Ele é focado em famílias grandes e pessoas que precisam de espaço, é também uma boa opção no mercado de usados, bem completa e com um preço relativamente baixo.

Se você está pensando em adquirir um, ou só está curioso sobre o modelo, fique de olho nas principais reclamações e defeitos abaixo.

Lançado em 2020 para competir com VW Tiguan 250 TSI e o Peugeot 5008, o modelo trouxe a moderna mecânica 1.6 turbo com 187 cv e 28 kgfm de torque, que, acoplado ao câmbio automatizado de 7 velocidades e 2 embreagens, rendia aceleração de 0 a 100 km/h em 9s.

Sua velocidade final é de 180 km/h, tem uma boa aceleração para um carro de mais de 1400kg, deixando de lado um pouco o desempenho em alta velocidade.

Acompanha multimídia de 10”, painel de instrumentos digital, carregador por indução, câmera 360°, sensor de ponto cego, faróis de LED, teto solar panorâmico, sensor de estacionamento, ar-condicionado digital dual-zone e mais alguns opcionais, é um carro bem completo, mas quais são os problemas e reclamações do modelo? Abaixo listamos os principais

Problemas na bateria

As baterias que acompanham o modelo de fábrica aparentemente não possuem uma boa durabilidade e há relatos de trocas de 2 baterias no período de menos de 2 anos, normalmente o problema é coberto pela garantia, porém vale a pena ficar de olho caso tenha que arcar com os custos da troca.

Bomba d’água vazando

Existem relatos também de vazamentos na bomba d’água, nível do de fluído no reservatório do arrefecimento muito baixo ou baixando são sinais do problema, que em casos extremos pode até vazar e pingar no chão, porém em boa parte das vezes o líquido vaza lentamente dificultando identificar a causa do problema.

Ruídos internos

Tiggo 8 003

O acabamento não é dos piores, ganha inclusive de alguns concorrentes mais caros, mas ainda assim apresenta ruído em alguns pontos, em especial na porta traseira, cintos de segurança e na forração das portas, mesmo não sendo muito grave, com o tempo pode incomodar então ouça com atenção os barulhos do carro, se possível em uma rua com piso ruim.

Falta da versão AWD

Boa parte dos proprietários relatam que o carro é bom, mas ficaria melhor se tivesse tração nas quatro rodas, apesar de não ser comum nos carros populares, esse é um sistema bem procurado no mundo das SUVs.

Tanque de combustível pequeno

O tanque comporta “apenas” 51 litros, o que seria aceitável para um carro menor, mas para um SUV deixa um pouco a desejar em viagens longas, apesar de ter um consumo bem aceitável de 9 km/l na cidade e 12 km/l na estrada (sempre na gasolina).

Preço de peças

Sendo um carro com diversos recursos e tecnologias embarcadas, é esperado que algumas peças sejam mais caras, fato é que os faróis de LED podem custar mais de R$ 5.000,00 cada, lanternas R$ 1.500,00 cada, os 4 amortecedores R$ 5.000,00 fora da concessionária, por exemplo.

Atenção ao câmbio

O câmbio automatizado de dupla embreagem aplicado no Tiggo 8 2024 é banhado em óleo, o que aumenta muito a vida útil dos componentes, diferentemente dos problemáticos PowerShift da Ford e DSG 7 da VW que eram “secos”, ele aparenta ser muito robusto.

Não temos relatos de problemas graves, mas um ou outro sempre dá problema, seja por manutenção negligenciada, mau uso ou simplesmente desgaste, quando isso acontece, esses câmbios são bem caros para arrumar, com alguns problemas ultrapassando os R$ 20.000,00 para corrigir, por isso eu recomendo atenção a esse componente, ficando atento a trancos nas trocas de marcha ou marchas patinando.

Conclusão

Tiggo 8 002

O Tiggo 8 é uma boa opção no segmento, tendo um bom desempenho, comportamento dinâmico, consumo razoável, bom acabamento e opcionais dignos, batendo de frente com carros de montadoras mais consolidadas, como a Tiguan 250 TSI, porém fica muito atrás no quesito desempenho da versão 350 TSI da SUV alemã, mas essa é de uma faixa de preço superior quando comparamos carros do mesmo ano.

A boa aceitação da marca está facilitando a revenda e atenuando a desvalorização, o que era um problema a ser considerado há não muito tempo atrás, hoje passa a ser mais uma preocupação, mas que não impede a compra do carro.

Certamente é um carro a se considerar no momento da compra, pesando sempre o custo x beneficio do carro, e é claro, compre uma unidade bem conservada e com as manutenções em dia, os motores e transmissões modernos não aguentam muito desaforo, seja com negligencia, ou com a utilização de peças e fluídos de baixa qualidade e isso vale para os carros chineses, alemães, japoneses ou de qualquer outra nacionalidade.

google news2 Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do Whatsapp e Canal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



c12OrqyAeQ65CANuSaRgcOXX3cvWvBvO3VrU zKQNKMIjAIN28coKUHnlTgz76QZ90
Autor: Luca Magnani

Engenheiro mecânico na indústria automotiva, pós graduado pela Universidade da Indústria do Paraná em Engenharia de veículos elétricos e híbridos.