*Destaque *Featured Ford Lançamentos Linha 2020 SUVs Test Drive

Ford EcoSport 2021: preço, motor, consumo, versões (e detalhes)

Ford EcoSport 2021: preço, motor, consumo, versões (e detalhes)

O Ford EcoSport 2021 chegou ao mercado sem novidades, mantendo a atualização do ano anterior, que foi a introdução da nova configuração Titanium, que perde o estepe na tampa do porta-malas e vem com pneus run flat.


Oferecido nas versões SE, FreeStyle, Titanium e Storm, o Novo EcoSport 2021 agora está disponível com preços que começam em R$ 77.996 (exceto a versão PcD), podendo ultrapassar os R$ 110 mil na versão mais completa.

Para se destacar num segmento que já foi exclusivamente seu, o Novo EcoSport 2021 continua com as mudanças visuais da linha anterior. Com um milhão na América do Sul e 600 mil vendidos no Brasil até agora, sendo 200 mil da atual geração, o SUV compacto teve 50 mil clientes que trocaram o ano-modelo.

Além de Brasil, o Novo Ford EcoSport 2021 passará a ser montado em CKD na Venezuela, além de fabricação normal na Romênia, Rússia, Índia e China. Nos EUA, o modelo foi lançado em 2018.

Ford EcoSport – história

Nascido em 2003, o Ford EcoSport foi sempre um projeto brasileiro, que seria executado apenas no país. Sua produção seria feita em Guaíba-RS, mas acabou indo para Camaçari-BA.

O modelo foi baseado em outro produto, o Ford Fusion, mas não o sedã americano e sim o crossover compacto vendido na Europa. Em 2013, os engenheiros brasileiros da Ford desenvolveram a segunda geração, mas esta com foco global.

Com design mais esportivo e aerodinâmico, o Ford EcoSport tem um porte bem compacto, medindo 4,26 m de comprimento – com estepe – 1,76 m de largura, 1,69 m de altura e 2,52 m de entre eixos. O SUV tem 356 litros no porta-malas e mais 52 litros no tanque.

O modelo foi líder durante anos em um segmento que criou. Com a chegada do Duster, o utilitário esportivo da Ford começou a sofrer pressão.

Mas, foi a partir de Renegade e HRV que o Ford EcoSport perdeu a liderança e caiu bastante em vendas. O alento foi a atualização recente, que focou no melhor custo-benefício. Mesmo assim, as vendas do SUV continuam irregulares.

Ao final de 2019, o modelo foi o 23º colocado com 34.205 emplacamentos nas vendas em geral, enquanto em seu segmento ele ocupou a 7ª posição, com uma participação de 5,70%.

Já em 2020, um ano atípico pela pandemia, o modelo da Ford já acumulou 11.973 unidades até o final de julho, ficando na 21ª posição no geral. Entre os SUVs, ele caiu para a 8ª posição, com 5% de participação.

Ford EcoSport 2021: preço, motor, consumo, versões (e detalhes)

Ford EcoSport 2021 – detalhes

Olhando por fora, nota-se que os retrovisores não são basculantes eletricamente na Titanium, mas esta pelo menos tem teto solar elétrico. O friso cromado da um ar mais “chique” ao topo de linha. A entrada com sensor na porta é elogiável.

No FreeStyle, os detalhes em cinza escuro também são interessante, assim como as rodas aro 16. Os faróis com projetores tipo canhão são um ponto positivo.

Por dentro, o Titanium dá um “plus” na vida do Ford EcoSport 2021, ambientado com dois tons bem contrastantes, embora a cor bege do revestimento em couro não deva agradar muita gente, por conta da limpeza.

Nota-se a ausência das alças no teto, evidentemente por causa dos airbags de cortina a partir do modelo Titanium. O teto solar apenas corre, não levantando o vidro para ventilação simples. Boa impressão tivemos do cluster, amplo e com iluminação de LED translúcida, criando um visual escurecido quando desligado.

O volante multifuncional do EcoSport 2021 é bem resolvido e com boa empunhadura, mas a regulagem em profundidade se mostrou rígida demais. A multimídia SYNC 3 sem dúvida é uma das mais completas e intuitivas do mercado, não demandando muito tempo para seu manuseio.

O ar-condicionado automático é bem eficiente, até exagerado em alta potência. Não gostamos do apoio para celular, que poderia ser plano e não vertical. O mesmo em relação ao porta-objeto com apoio de braço. No entanto, as duas entradas USB pontuam muito bem.

O acabamento melhorou bastante, especialmente a atenção nos detalhes, como os speakers do sistema de som (Sony Premium no topo de linha) ou o revestimento em material emborrachado na parte superior do painel.

Os novos bancos se mostraram mais confortáveis, assim como o aproveitamento do espaço traseiro com os encostos menos proeminentes.

As portas redesenhadas dão um aspecto melhor ao ambiente. Já a prancha sobre o assoalho do porta-malas é uma boa ideia para separação de objetos e criação de uma plataforma plana, mas não amplia os 356 litros do bagageiro, ainda pequeno diante da concorrência. O banco bipartido ajuda, mas tira lugar para priorizar bagagens.

No Ford EcoSport 2021 em versão FreeStyle, o acabamento não é tão ruim quanto se espera, mantendo a mesma atenção nos detalhes em comparação ao Titanium, mas com apenas um tom de cor, preto.

A tela grande (8 polegadas) e o mesmo volante do topo de linha, valorizam a versão, assim como ar-condicionado automático e bancos em tecido/couro.

A versão Storm vem com visual personalizado, dotado de faixas decorativas, para-choques e saias de rodas com proteção adicional, bem como grade estilizada “Storm”, rack de teto exclusivo e rodas de liga leve próprias, bem como interior personalizado.

Ford EcoSport 2021: preço, motor, consumo, versões (e detalhes)

Ford EcoSport 2021 – novidades

A linha 2021 do Ford EcoSport foi lançada sem alarde, já que o modelo não teve absolutamente nenhuma alteração no pacote de equipamentos, visual ou na parte mecânica. E no ano passado?

A principal novidade da linha 2020 do Ford EcoSport foi a introdução da nova versão Titanium, que perdeu o estepe na tampa do porta-malas e passou a vir com pneus run flat e kit de reparo. A marca destaca a novidade na tecnologia dos pneus, mas esse pode ser um ponto que vai afastar alguns clientes, que preferem o tradicional estepe no porta-malas.

Os pneus são Michelin ZP, e podem percorrer até 80 km numa velocidade máxima de 80 km/h. Se o kit de reparo for utilizado, a distância percorrida pode ser de até 200 km. Com tudo isso, o modelo dispensa o uso não só do estepe, mas também do macaco e da chave de roda.

Isso tudo aparece na versão Titanium, que tem motor 1.5 de 3 cilindros e 137 cv, com transmissão automática de seis velocidades. Bem equipado, o modelo vem com teto solar elétrico, sete airbags, sistema de monitoramento de ponto cego e tráfego cruzado, painel “soft touch”, bancos de couro ecológico, sensor de presença para acesso inteligente e partida sem chave, central multimídia SYNC 3 com tela de 8”, luzes diurnas de LED, sensor de chuva e rodas de liga leve de 17”.

As outras novidades da linha 2020 do Ford EcoSport são duas versões especiais. A primeira, que tem produção limitada a 500 unidades, comemora os 100 anos da marca no Brasil. Também aplicada na linha do Ka, a versão vem com carroceria na cor Azul Belize e detalhes em preto.

Por dentro, os modelos dessa edição vem com acabamento do teto e painel em preto e novos bancos, além de equipamentos como central multimídia SYNC 3 de 7 polegadas, com conexão Bluetooth, Apple CarPlay e Android Auto. O motor dessa edição 100 Anos é o mesmo 1.5 da versão Titanium, com 137 cv.

Finalmente, temos a versão FreeStyle, que era uma edição especial e agora foi incorporada à linha. O novo Ford EcoSport FreeStyle 2020 vem com mudanças visuais como teto, colunas e grade em preto, detalhes em prata nos para-choques, rodas usinadas de 16 polegadas, entre outros.

Por dentro, a central multimídia é a SYNC 2.5, também com tela de 7 polegadas. O motor é novamente o 1.5 de 137 cv.

Ford EcoSport 2021: preço, motor, consumo, versões (e detalhes)

Ford EcoSport 2021 – versões

O EcoSport 2021 está disponível em quatro versões de acabamento diferentes, com variadas configurações mecânicas. Confira:

  • Ford EcoSport SE Direct 1.5 AT 2021 (PcD)
  • Ford EcoSport SE 1.5 MT 2021
  • Ford EcoSport SE 1.5 AT 2021
  • Ford EcoSport FreeStyle 1.5 MT 2021
  • Ford EcoSport FreeStyle 1.5 MT 2021
  • Ford EcoSport Titanium Plus 1.5 AT 2021
  • Ford EcoSport Storm 2.0 AT 4×4 2021

Ford EcoSport 2021 – equipamentos

Ford EcoSport SE 1.5 MT 2021

Segurança: airbag duplo frontal, controles de estabilidade e tração, assistente de partida em rampas, alarme antifurto, sinalização de frenagem de emergência, encosto de cabeça e cinto de três pontos para os cinco ocupantes, controle anti capotamento, freios ABS com EBD, Isofix, chave My Key programável com funções de segurança, retrovisores externos com indicadores de direção, faróis com follow me home, entre outros.

Conforto: volante multifuncional com ajuste de altura e profundidade, banco do motorista ajustável em altura, ar-condicionado, banco traseiro bipartido e rebatível, bolsa porta-revistas atrás dos encostos dianteiros, volante em couro, vidros elétricos com one touch, travas e retrovisores externos elétricos, porta-luvas climatizado, entre outros.

Tecnologia: sistema SYNC 3 com tela de 6,5 polegadas, Android Auto e Apple CarPlay, sistema de som com quatro alto-falantes e dois tweeters, assistente de emergência, computador de bordo, Bluetooth, chave canivete com controle remoto e painel de instrumentos com tela LCD de 2,3 polegadas.

Exterior: bagageiro de teto, retrovisores na cor da carroceria, grade frontal com controle ativo, aplique preto na coluna das portas, gancho para reboque dianteiro e traseiro, grade frontal na cor prata, rodas de liga-leve de 15 polegadas, entre outros.

Ford EcoSport SE 1.5 AT 2021

Se diferencia somente pela transmissão automática de seis marchas com paddle shifts atrás do volante e piloto automático de série.

Ford EcoSport FreeStyle 1.5 MT 2021

Segurança: recebe alarme volumétrico, sensor de estacionamento traseiro e luzes de condução diurna em LED.

Conforto: conta com ar-condicionado automático e digital, bancos revestidos em couro e tecido e assoalho inteligente no bagageiro.

Visual: conta com retrovisores externos, grade frontal e maçanetas na cor cinza Dark London e rodas de liga-leve de 16 polegadas na mesma tonalidade.

Tecnologia: adota painel de instrumentos com tela TFT de 4,2 polegadas, e sistema multimídia SYNC 3 com tela de oito polegadas, navegador GPS integrado e câmera de ré e também piloto automático.

Ford EcoSport FreeStyle 1.5 AT 2021

Passa a contar também com câmbio automático de seis marchas e paddle shifts.

Ford EcoSport 2021: preço, motor, consumo, versões (e detalhes)

Ford EcoSport Titanium 1.5 AT 2021

Segurança: dispõe de airbags laterais, de cortina e para os joelhos do motorista, monitoramento de ponto cego com alerta de tráfego cruzado, aviso de tráfego traseiro, faróis de xênon e retrovisor interno eletrocrômico.

Conforto: se diferencia pelos bancos em couro e detalhes internos em Light Stone, teto solar com acionamento elétrico, sensor de chuva, sensor de luminosidade, destravamento das portas sem chave, partida do motor por botão, entre outros.

Tecnologia: conta com sistema de som Sony com nove alto-falantes.

Exterior: recebe grade frontal cromada, faróis com acabamento cromado, capa dos retrovisores e maçanetas na cor da carroceria e rodas de liga-leve de 17 polegadas.

Ford EcoSport Storm 2.0 AT 4×4 2021

Em relação ao Titanium, passa a dispor de rodas exclusivas com acabamento escurecido, faróis e lanternas escurecidos, maçanetas na cor cinza, retrovisores pretos, para-choques com proteções exclusivas, grade frontal com o nome da versão, rack de teto com barras transversais, faixas decorativas, suspensão elevada e tração 4×4 permanente.

Ford EcoSport 2021 – preços

Confira abaixo os preços do Ford EcoSport 2021:

  • Ford EcoSport SE Direct 1.5 AT 2021 (PcD) – R$ 69.990
  • Ford EcoSport SE 1.5 MT 2021 – R$ 77.996
  • Ford EcoSport SE 1.5 AT 2021 – R$ 83.996
  • Ford EcoSport FreeStyle 1.5 MT 2021 – R$ 83.996
  • Ford EcoSport FreeStyle 1.5 MT 2021 – R$ 89.996
  • Ford EcoSport Titanium Plus 1.5 AT 2021 – R$ 99.996
  • Ford EcoSport Storm 2.0 AT 4×4 2021 – R$ 110.996

Ford EcoSport 2021: preço, motor, consumo, versões (e detalhes)

Ford EcoSport 2021 – motor

A Ford desenvolveu um novo motor de três cilindros de fabricação indiana, que será oferecido para a nova dupla de compactos, mas antes ele aparece aqui no EcoSport 2021. O propulsor é chamado Dragon no oriente, mas aqui ele é simplesmente 1.5 3C Ti-VCT.

Com alumínio no cabeçote, bloco e cárter, o motor tem coletor de escape integrado, duplo comando de válvulas variável, eixo balanceador no cárter e sistemas de refrigeração do produtor independentes.

Ele entrega 130 cv a 6.500 rpm com gasolina e 137 cv a 6.500 rpm, bem como 15,6 kgfm na gasolina e 16,2 kgfm no etanol, ambos a 4.500 rpm. Com ele, o EcoSport 2021 vai de 0 a 100 km/h em torno de 11,8 segundos com velocidade final de 180 km/h.

Essa performance é igual com câmbio automático de seis velocidades.

Com o novo motor 1.5 3C Flex, o EcoSport 2021 ficou mais econômico em relação ao antigo Sigma, fazendo na versão manual 8,3/9,0 km/litro com etanol e 11,6/13,1 km/litro com gasolina, respectivamente em cidade e estrada.

Já com câmbio automático de seis marchas, o SUV faz 7,1/8,9 km/litro com etanol e 10,4/12,8 km/litro na gasolina, respectivamente cidade e estrada.

Na versão Titanium, por enquanto, o motor é o conhecido Duratec Direct, que é uma evolução ao antigo Duratec 2.0. Com quatro cilindros, bloco em ferro fundido, duplo comando de válvulas variável e outras alterações, o 2.0 tem ainda injeção de eletrônica direta, mas isso não ajuda muito no consumo nesse projeto antigo.

Embora vá de 0 a 100 km/h em 9,5 segundos, ele é limitado em 180 km/h, o EcoSport 2021 faz 6,1 km/litro no etanol e 8,8 km/litro na gasolina na versão 2.0. Na gasolina, o SUV em paz com  8,3 km/litro no etanol e 12,0 km/litro na gasolina.

Este motor entrega 170 cv a 6.500 rpm com gasolina e 176 cv a 6.500 rpm, bem como 20,5 kgfm na gasolina e  kgfm no etanol, ambos a 4.500 rpm.

O Ford EcoSport 2021 vem com transmissão manual de cinco marchas nas versões SE e FreeStyle, enquanto a outra opção para as demais é uma nova caixa automática de seis marchas, a mesma do Ford Fusion atual.

Com ela, a Ford decidiu substituir o velho câmbio de dupla embreagem Powershift, que apresentava diversos problemas, entre eles superaquecimento, vidração, ruído, desengate de marchas, trancos, alterações no consumo e na performance, bem como na segurança.

O novo câmbio tem modo Sport, engates suaves e precisos. Sua concepção com conversor de torque é mais tradicional, porém, de maior confiabilidade. Em breve, o SUV deve receber também a tração 4×4, que não foi perdida, de acordo com a Ford.

Essa opção visa manter a característica mais off road ou para quem deseja um carro para pisos molhados e congelados no inverno.

Ford EcoSport 2021: preço, motor, consumo, versões (e detalhes)

Ford EcoSport 2021 – desempenho

Aceleração de 0 a 100 km/h e velocidade máxima final

  • Novo EcoSport 1.5 MT 2021 – 11,8 segundos e 180 km/h
  • Novo EcoSport 1.5 AT 2021 – 11,8 segundos e 180 km/h
  • Novo EcoSport 2.0 AT 2021 – 9,5 segundos e 180 km/h

Cabo de Santo Agostinho/PE – A Ford realizou o test drive do Novo Ford EcoSport 2021 com as versões FreeStyle e Titanium. As primeiras impressões do SUV compacto renovado foram boas.

O visual exterior chama bastante atenção na frente e mostra uma evolução do produto, embora ainda longe da terceira geração e com muito do modelo anterior. Os faróis de xênon com LEDs diurnos dá ao modelo um visual mais atraente que o anterior, em especial na Titanium, onde as rodas são aro 17 com belo desenho.

O estepe continua exposto na traseira, algo que não agrada a todos e deixa o pneu sobressaliente muito à mostra. A Ford tem algumas capas como acessório. A empresa fala que o perfil virou uma característica do EcoSport 2021.

A abertura lateral da tampa continua do mesmo jeito, não sendo muito funcional.

Ford EcoSport 2021: preço, motor, consumo, versões (e detalhes)

Andando, o Ford EcoSport 2021 na versão Titanium apresentou uma boa performance com o motor 2.0 Duratec Direct Flex, que entrega 170/176 cv a 6.500 rpm e 20,6/22,5 kgfm a 4.500 rpm, respectivamente com gasolina e etanol.

Embora o motor seja potente, ele precisa de alto giro para mostrar sua força.

Mesmo em retomadas, rapidamente a rotação alcança 4.000 rpm, elevando bastante o ruído interno. Na cidade, ele não se esforça tanto, mas na estrada incomoda essa elevação exagerada para situações onde um motor 2.0 não é tão exigido.

Rodando a 110 km/h, o ponteiro marca 2.300 rpm, o que é um bom nível, tendo em conta a caixa automática de seis marchas. No modo Sport, o propulsor só reage em alta, mas não decepciona em condução esportiva.

Nas mudanças manuais, o novo câmbio do Ford EcoSport 2021 dá pouca liberdade para manter as marchas, não logrando um desempenho extra por conta disso. Em relação ao câmbio, as mudanças são suaves e pouco perceptíveis, não gerando ruído ou trancos.

As relações focam o conforto e a economia. A suspensão ficou um pouco mais rígida, mas com melhor estabilidade. O curso não é muito longo, então, valetas ou lombadas são encaradas como se estivéssemos em um automóvel de passeio. A absorção de irregularidades melhorou ao relação ao anterior.

A direção elétrica ficou mais firme e com resposta mais imediata, enquanto os freios se mostram bem adequados para a proposta do modelo. O EcoSport Titanium se mostrou um carro interessante, mas não mais que o FreeStyle 1.5 AT.

Nesse caso, o crossover se mostra ágil para sua menor potência e motor compacto. Rodando apenas no meio urbano, o SUV com seu propulsor de três cilindros agradou mais.

O 1.5 3C Flex entrega 130/137 cv e 15,6/16,2 kgfm, respectivamente com gasolina e etanol. Os números são atingidos nas mesmas rotações do motor 2.0, mas esse três cilindros tem uma resposta boa em baixa rotação.

O interessante é que mantendo-se 60 km/h, a rotação chega a cair para 1.500 rpm.

Geralmente, no circuito urbano, o propulsor trabalha entre esse nível e 2.500 rpm. Retomadas são feitas a 3.500 rpm normalmente, enquanto o modo Sport exige algo entre 4.000 e 5.000 rpm. O nível de ruído em alta ainda é menor que o do 2.0.

Com funcionamento suave, o 1.5 3C Flex vibra muito pouco em marcha lenta. Para as versões SE e FreeStyle, que tomarão conta do mix de vendas, a escolha não será nada ruim.

Com rodas aro 16 polegadas e pneus 205/60 R16, o EcoSport 2021 mostra boa estabilidade e conforto ao rodar.

Ford EcoSport 2021: preço, motor, consumo, versões (e detalhes)

Ford EcoSport 2021 – consumo

Cidade

  • Ford EcoSport 1.5 MT 2021 – 8,3 km/litro no etanol e 11,6 km/litro na gasolina
  • Ford EcoSport 1.5 AT 2021 – 7,1 km/litro no etanol e 10,4 km/litro na gasolina
  • Ford EcoSport 2.0 AT 2021 – 6,1 km/litro no etanol e 8,8 km/litro na gasolina

Estrada

  • Ford EcoSport 1.5 MT 2021 – 9,0 km/litro no etanol e 13,1 km/litro na gasolina
  • Ford EcoSport 1.5 AT 2021 – 8,9 km/litro no etanol e 12,8 km/litro na gasolina
  • Ford EcoSport 2.0 AT 2021 – 8,3 km/litro no etanol e 12,0 km/litro na gasolina

Ford EcoSport 2021 – manutenção e revisão

A marca revelou o valor médio de seguro Ford para o EcoSport entre R$ 2.846 e R$ 3.930. Na manutenção, as revisões somam R$ 4.824 em qualquer versão (incluindo os descontinuados modelos 1.6), até os 60.000 km.

Revisão

Custo

Quilometragem

Preços 1.5 e 2.0

10.000 km

R$ 569

20.000 km

R$ 779

30.000 km

R$ 569

40.000 km

R$ 1.219

50.000 km

R$ 699

60.000 km

R$ 989

 

Ford EcoSport 2021: preço, motor, consumo, versões (e detalhes)

Ford EcoSport 2021 – Ficha Técnica

Motor

1.5 3C Ti-VCT

2.0 Duratec Direct

Tipo

Dianteiro transversal, Gasolina e Etanol

Dianteiro transversal, Gasolina e Etanol

Número de cilindros

3 em linha

4 em linha

Cilindrada em cm3

1497

1999

Válvulas

12

16

Taxa de compressão

12:1

12:1

Injeção eletrônica de combustível

Multiponto

Direta

Potência Máxima Líquida (ABNT NBR 5484)

Gasolina: 130 cv @ 6500 rpm / Etanol: 137 cv @ 6500 rpm

Gasolina: 170 cv @ 6500 rpm / Etanol: 176 cv @ 6500 rpm

Torque Máximo Líquido (ABNT NBR 5484)

Gasolina: 15,6 kgfm @ 4500 rpm / Etanol: 16,2 kgfm @ 4500 rpm

Gasolina: 20,6 kgfm @ 4500 rpm / Etanol: 22,5 kgfm @ 4500 rpm

Transmissão

Tipo

Manual 5 marchas / Automático 6 marchas

Automático 6 marchas

Freios

Tipo

Disco ventilado / Tambor

Disco ventilado / Tambor

Direção

Tipo

Elétrica

Elétrica

Suspensão

Dianteira

McPherson, independente com barra estabilizadora

McPherson, independente com barra estabilizadora

Traseira

Eixo de torção

Eixo de torção / Multilink

Rodas e Pneus

Rodas

Liga Leve aro 16 polegadas

Liga Leve aro 17 polegadas

Pneus

205/60 R16

205/50 R17

Dimensões

Comprimento total (mm)

4269

4269

Largura sem retrovisores (mm)

1765

1765

Altura (mm)

1693

1693

Distância entre os eixos (mm)

2519

2519

Capacidades

Porta-malas (litros)

356

356

Tanque (litros)

52

52

Carga útil, com 5 passageiros mais bagagem (kg)

433

391

Peso em ordem de marcha (kg)

1242

1359 / 1456 (4×4)

Coeficiente de penetração aerodinâmica (Cx)

0,35

0,35

Ford EcoSport 2021 – Galeria de fotos

Viagem a convite da Ford. 

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

                                        Quem somos

                                        O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por 15 anos. Saiba mais.

                                        Notícias por email