10 SUVs compactos mais potentes (2022)

Jeep Renegade Trailhawk 2022 3

O segmento dos utilitários continua crescendo mais do que qualquer outro em nosso mercado, e isso atrai muitos compradores. Mas você saberia dizer quais são os 10 SUVs compactos mais potentes por aqui?


Ainda que esse não seja o fator mais importante para fechar uma compra, tal número ainda pode fazer a diferença na indecisão entre dois modelos. Por isso resolvemos pesquisar quais são aqueles com a maior cavalaria, sempre observando a potência com etanol nos modelos flex.

É importante ressaltar que nossa lista compreende apenas os mais vendidos em nosso mercado, por isso você não vai ver versões de modelos premium, como Audi RS Q3, Volvo XC40 ou até mesmo Porsche Macan.

Como alguns SUVs compactos utilizam conjuntos mecânicos parecidos ou até mesmo idênticos, tivemos alguns empates olhando apenas a potência. Nesses casos, usamos o torque, aceleração ou velocidade máxima para o desempate, sempre nessa ordem. Se nada disso resolver, o mais barato leva a melhor.

Vamos então à nossa lista, que está ordenada por potência e apresenta diversas informações importantes sobre cada modelo. Confira!

1) Jeep Renegade 1.3 Turbo – 185 cavalos

jeep renegade 4x4 2023 avaliacao na 46

O Jeep Renegade sempre foi um sucesso de vendas por aqui, mas seu antigo motor 1.8 flex não agradava tanto. Por isso, podemos dizer que a marca acertou em cheio ao renovar seu conjunto mecânico.

Confira as mais de 150 listas Top 10 que temos no nosso site!

Com a saída desse propulsor, acompanhado pela opção 2.0 turbodiesel, o Renegade ficou apenas com o novo 1.3 turboflex. Ele desenvolve 180/185 cavalos e 27,5 kgfm de torque, acompanhado pelo câmbio automático de seis marchas.

Mesmo sem o motor diesel, o Renegade continua oferecendo a tração 4×4 nas versões mais caras, agora de forma inédita ligada ao propulsor turboflex. Nesse caso, porém, a transmissão automática tem 9 velocidades.

Além de ser o SUV compacto mais potente do mercado, o Renegade 2022 também agrada no desempenho. Ele acelera de 0 a 100 km/h em 8,7 segundos e tem máxima de 210 km/h na versão Sport 4×2.

Atualmente vendido entre R$ 123.908 e R$ 164.136, o Renegade vem sempre com ar-condicionado, direção elétrica, aviso de mudança de faixas, multimídia de 7 polegadas, seis airbags, faróis full LED, controle de tração e estabilidade, start/stop, rodas aro 17, entre outros.

Veja também: Avaliação – Renegade 1.3 Turbo 2023 ganha performance

2) Citroën C4 Cactus 1.6 THP – 173 cavalos

citroen c4 cactus 2022

O segundo modelo mais potente dentro do segmento faz uso de um conjunto mecânico que os brasileiros conhecem bem. Afinal, ele é usado pelas marcas francesas em diversos carros, sempre entregando um ótimo desempenho.

Estamos falando do motor 1.6 THP, que no Citroën C4 Cactus entrega 166/173 cv e 24,5 kgfm de torque, aliado ao câmbio automático de seis marchas. Ele chega aos 100 km/h em 7,3 segundos e tem máxima de 212 km/h.

Diferente do Renegade, porém, esse conjunto só aparece na versão mais cara Shine Pack, que custa R$ 135.990. Ela vem com seis airbags, DRL em LED, assistente de partida em rampa, sensor de pressão dos pneus e faróis automáticos.

Tem ainda o pacote Citroën Advanced Drive (com alerta de saída de faixa, frenagem automática, alerta de colisão, entre outros), câmera de ré, A/C digital, multimídia de 7 polegadas, bancos em couro e rodas de 17 polegadas.

3) Peugeot 2008 1.6 THP – 173 cavalos

Peugeot 2008 Griffe THP 2022

O outro modelo francês que também não deixa a desejar quando o assunto é sua potência é o Peugeot 2008 Griffe, que vem com o mesmo conjunto do primo C4 Cactus, mas tem números ligeiramente inferiores de desempenho.

Debaixo do capô temos o mesmo propulsor 1.6 THP de 165/173 cv e 24,5 kgfm com câmbio automático de seis marchas. O peso superior acaba fazendo sua aceleração até os 100 km/h ficar em 8,8 segundos, com máxima de 209 km/h.

A linha do Peugeot 2008 é mais enxuta, mas esse motor também só aparece na versão mais cara, que sai por R$ 124.490. Ele vem com controle de tração e estabilidade, seis airbags, A/C dual zone, direção elétrica e rodas de 16 polegadas.

Continuando, sua lista ainda tem sensor de estacionamento, assistente de partida em rampa, piloto automático, sensor crepuscular e de chuva, multimídia com Bluetooth e USB, volante multifuncional e teto solar panorâmico.

4) Honda HR-V 1.5 Turbo – 173 cavalos

honda hrv touring 2021 avaliacao na 2

Ainda vendido por aqui na geração atual, o Honda HR-V também oferece números bem interessantes em sua versão mais cara Touring, que vem com motor turbo e sai por R$ 172.990.

Essa configuração tem motor 1.5 turbo, movido apenas a gasolina, com 173 cv e 22,4 kgfm de torque, o que o deixa abaixo dos modelos THP citados anteriormente. Com câmbio CVT de sete marchas, chega aos 100 km/h em 8,9 segundos e tem máxima de 200 km/h.

A versão mais cara da gama vem com rodas de 17 polegadas, seis airbags, chave inteligente, controle de tração e estabilidade, assistente de partida em rampas, alerta de ponto cego e conjunto ótico full LED.

Vem ainda com ar digital touchscreen, multimídia de 7 polegadas, piloto automático, freio de estacionamento eletrônico, sensor de estacionamento dianteiros e traseiros, sensor de chuva e crepuscular, teto solar panorâmico, entre outros.

Confira: Avaliação – HR-V Touring mais macio, mas ainda caro

5) Renault Duster 1.3 Turbo – 170 cavalos

duster turbo 3

Aos poucos, a Renault tenta muda a imagem de que seus carros são apenas racionais e prontos para enfrentar qualquer desafio. Afinal, os clientes desse segmento priorizam visual e nível de equipamentos acima de qualquer outra coisa.

Com isso, o Duster 2022 mudou levemente seu visual e trouxe um novo conjunto mecânico para sua configuração topo de linha Iconic. Estamos falando do motor 1.3 TCe, que tem 162/170 cv e 27,5 kgfm de torque, com câmbio CVT de 8 marchas.

Isso tudo é capaz de levar o francês até os 100 km/h em 9,2 segundos, antes de chegar à velocidade máxima de 190 km/h. Se o câmbio CVT não ajuda tanto na aceleração, pelo menos ele melhora o nível de consumo.

Como estamos falando novamente de uma versão topo de linha (R$ 136.190), a lista de equipamentos é bem recheada: câmera 360º, frenagem de emergência, sensor crepuscular, start/stop, alerta de ponto cego e rodas diamantadas de 17 polegadas.

Ele ainda oferece chave presencial, ar-condicionado automático, multimídia de 8 polegadas e controle de estabilidade. Infelizmente, o Duster continua com apenas 2 airbags, mesmo nessa versão mais cara.

6) Renault Captur 1.3 Turbo – 170 cavalos

renault captur 2022 avaliacao na 4

Se você não sabe por qual razão a Renault não equipa o Duster Iconic com mais airbags e outros equipamentos, o motivo disso tem nome: Captur 2022. Ele é o SUV de destaque da marca francesa, recebendo mais atenção no momento.

Debaixo do capô, porém, nada muda. Ele usa o mesmo propulsor 1.3 turbo de 162/170 cv e 27,5 kgfm que seu irmão, igualmente associado ao câmbio CVT de 8 marchas. Os números também são os mesmos na aceleração até 100 km/h (9,2 segundos) ou velocidade máxima (190 km/h).

O que muda é que esse motor aparece em todas as versões, com preços entre R$ 142.990 e R$ 156.290. Como o preço inicial é maior que o Duster, o Captur acabou ficando na sexta posição.

De série, ele vem com quatro airbags, sensor de estacionamento, câmera de ré, alerta de pressão dos pneus, controle de estabilidade, direção elétrica, start/stop, A/C, multimídia Easy Link, luzes diurnas em LED e rodas de 17 polegadas.

Veja: Avaliação – Captur Turbo 2022 peca nos detalhes

7) Hyundai Creta 2.0 – 167 cavalos

novo hyundai creta 2022 1 1

O novo Hyundai Creta 2022 é outro modelo que também passou a usar um motor turbo, mas é seu propulsor 2.0 aspirado o que apresenta a maior potência. Ele está disponível apenas na versão top Ultimate, que custa R$ 160.990.

Aqui temos uma farta lista de equipamentos, com luzes em LED, controle de tração e estabilidade, rodas aro 18, teto solar panorâmico, painel digital, bancos e volante em couro, seis airbags e assistente de partida em rampa.

Ele ainda oferece alerta de pressão dos pneus, detector de fadiga, sistema de frenagem autônomo, farol alto adaptativo, ar digital, sensor crepuscular, carregador wireless, piloto automático adaptativo, câmera 360º, banco do motorista com ventilação e multimídia de 10,25″.

Mas o que faz ele aparecer por aqui é seu motor 2.0 SmartStream de 157/167 cv e 19,2/20,6 kgfm, com câmbio automático de seis marchas. Ele acelera até os 100 km/h em 9,3 segundos e tem máxima de 190 km/h.

8) Volkswagen T-Cross 1.4 TSI – 150 cavalos

volkswagen t cross highline 2022

Os conhecidos motores TSI da Volkswagen também não poderiam faltar nessa lista, mas apenas o T-Cross Highline 1.4 TSI é que conseguiu entrar nesse top 10 de SUVs compactos mais potentes.

Essa configuração custa R$ 158.350 e vem com o motor de 1,4 litro turbo com 150 cv e 25,5 kgfm (etanol ou gasolina), ligado ao câmbio automático de seis marchas. Ele chega aos 100 km/h em 8,7 segundos e tem máxima de 198 km/h.

Essa versão topo de linha oferece seis airbags, ar digital, assistente de partida em aclives, câmera de ré, carregador sem fio, controle de tração e estabilidade, painel digital, sensores crepuscular e de chuva, multimídia VW Play e rodas de 17 polegadas.

Vale destacar que o T-Cross fechou o primeiro trimestre de 2022 como o SUV mais vendido do Brasil, com 15.588 unidades. Isso o deixou com 10,81% de participação e acima de Compass, Creta e Renegade.

9) Chery Tiggo 5X 1.5 Turbo – 150 cavalos

Chery Tiggo 5X 2021 1

A Chery está crescendo de forma impressionante no mercado nacional, o que pode ser visto na quantidade cada vez maior de modelos da marca (especialmente SUVs) nas ruas brasileiras.

Uma dessas opções é o Tiggo 5X, na versão anterior à atualização que ficou conhecida como Tiggo 5X Pro. O primeiro tem apenas a opção TXS, que custa R$ 144.990, enquanto o mais novo parte de R$ 154.990.

Os dois vem com o mesmo motor 1.5 turbo de 147/150 cavalos e 21,4 kgfm, mas o modelo mais antigo tem transmissão automática de dupla embreagem e seis velocidades. Já a versão Pro adotou o câmbio CVT de 9 velocidades.

Com esse conjunto, o Tiggo 5X chega aos 100 km/h em 11 segundos e tem máxima de 180 km/h. Ele vem equipado com bancos em couro, luzes diurnas em LED, rodas de 18 polegadas, câmera 360º e multimídia de 9 polegadas.

Ainda tem partida remota com acionamento do A/C, câmera de ré, piloto automático, sensores de estacionamento, teto solar panorâmico, banco do motorista com ajustes elétricos, seis airbags, controle de tração e estabilidade, entre outros.

10) Suzuki Vitara 1.4 Turbo – 146 cavalos

Suzuki Vitara 2019 38

Fechando nossa lista, poderíamos citar dois modelos da Suzuki que compartilham quase tudo, mas que na prática apresentam desempenho diferente. Estamos falando do Vitara (R$ 162.990) e do S-Cross.

Ambos são equipados com o motor 1.4 turbo, com injeção direta e movido apenas a gasolina, que entrega 146 cv e 23,5 kgfm. O que muda é aceleração de 0 a 100 km/h: enquanto o Vitara faz em 9,2 segundos, seu irmão demora 10,2 segundos. A máxima é de 195 km/h e 200 km/h, respectivamente.

Oferecido nas versões 4Sport e 4Style, ele vem de série com rodas de 17 polegadas, seis airbags, volante com ajuste de altura e profundidade, bancos em couro, ar digital e automático, multimídia de 9 polegadas, faróis automáticos, sensor de chuva, entre outros.

10 SUVs compactos mais potentes (2022):

  1. Jeep Renegade 1.3 Turbo – 185 cavalos
  2. Citroën C4 Cactus 1.6 THP – 173 cavalos
  3. Peugeot 2008 1.6 THP – 173 cavalos
  4. Honda HR-V 1.5 Turbo – 173 cavalos
  5. Renault Duster 1.3 Turbo – 170 cavalos
  6. Renault Captur 1.3 Turbo – 170 cavalos
  7. Hyundai Creta 2.0 – 167 cavalos
  8. Volkswagen T-Cross 1.4 TSI – 150 cavalos
  9. Chery Tiggo 5X 1.5 Turbo – 150 cavalos
  10. Suzuki Vitara 1.4 Turbo – 146 cavalos

Autor: Viny Furlani

Formado em Gestão de Negócios, trabalha no segmento automotivo há mais de 17 anos. Em 2009, passou a escrever avaliações e notícias sobre carros, totalizando mais de 2.000 artigos, em vários sites. Além das matérias escritas para o NA, também cuida das mídias sociais do site.