Chevrolet Hatches

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes
Onix automático

O Onix automático é um dos carros mais baratos do Brasil com câmbio automático atualmente.

Até pouco tempo atrás, câmbio automático era coisa de carro caro. A situação começou a mudar com a chegada dos populares automatizados (com uma transmissão manual “robotizada”).


Porém, tudo mudou mesmo com a estreia dos compactos automáticos. E um deles é o Chevrolet Onix automático, que chegou ao Brasil em 2013.

Atualmente, com exceção do Onix Effect, todas as versões do Chevrolet Onix com motor 1.4 flex dispõem de câmbio automático de série ou como opcional. Com cerca de R$ 55 mil, dá para estacionar um Onix automático 0 km na garagem.

O Onix é atualmente o carro automático mais barato do Brasil. Logo abaixo dele está o Etios hatch, que usa um motor 1.3 flex e caixa automática de quatro marchas.


Confira abaixo todos os principais detalhes do Chevrolet Onix automático:

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

Onix automático – detalhes

Entre os fatores que fazem do Chevrolet Onix 2019 o carro mais vendido do Brasil está a ampla gama de versões. Ao todo, são nove configurações diferentes, entre modelos com motor 1.0 litro flex e câmbio manual ou 1.4 litro flex e transmissão manual ou automático e versões “civis”, pseudo-esportiva e pseudo-aventureira.

Além disso, o Onix 2019 é o carro mais barato com câmbio automático do Brasil. Por cerca de R$ 55 mil, dá para levar a versão mais em conta do compacto da Chevrolet sem o pedal de embreagem.

É o interessante é que a opção de câmbio automático está disponível para toda a linha, com exceção do Onix Effect com visual esportivo.

Não dá para negar que o Chevrolet Onix não é dono de um dos conjuntos mecânicos mais modernos da categoria. Muito pelo contrário: o motor 1.4 litro SPE/4 ECO é da linha GM Família I, que estreou na família Monza em 1982.

Todavia, não podemos negar também que a Chevrolet soube fazer um bom trabalho em cima do motor para deixa-lo mais eficiente e com números de potência e torque adequados para a categoria do Onix.

Para se ter uma ideia, o Onix automático chega a fazer 14 km/l na cidade, uma das melhores marcas entre os compactos automáticos do País.

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

Neste caso, ele usa um câmbio automático de seis marchas, que proporciona trocas de marcha de forma suave e sem trancos muito evidentes. Ela responde bem quando o motorista exige um pouco mais de esforço do motor.

Por outro lado, vale ressaltar que este conjunto motriz já está no limite para o Onix. O compacto merecia um motor maior, talvez o 1.6 Ecotec flex de até 120 cv e 16,3 kgfm que equipou o falecido Sonic no País.

Com este propulsor, o Chevrolet Onix ficaria a pé de igualdade com seus rivais, como o VW Gol automático, Renault Sandero CVT, Ford Ka 1.5 AT e Hyundai HB20 1.6 AT.

Com seus 106 cavalos de potência e 13,9 kgfm de torque máximos, o Chevrolet Onix 1.4 automático joga no mesmo time de modelos como Toyota Etios 1.3 automático, que usa um motor de até 98 cv e 13,1 kgfm.

O Chevrolet Onix automático entrega uma boa dose de conforto para o motorista e os demais ocupantes.

Ele usa uma direção elétrica progressiva, que é bastante leve em manobras e mais pesada em velocidades mais altas, além de suspensão com acerto ideal para encarar as buraqueiras das nossas ruas, mas sem prejudicar o conforto do condutor e passageiros.

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

Recentemente, o Onix ganhou recursos como encosto de cabeça e cinto de três pontos para o ocupante do meio do banco traseiro e Isofix e Top Tether para fixação de cadeirinhas infantos no assento de trás.

Entretanto, ainda fica devendo recursos como airbags laterais, controle eletrônico de estabilidade, controle de tração e assistente de partida em rampas.

Afora isso, o Onix, que recebeu zero estrela no Latin NCAP em 2017, ganhou reforços estruturais para aumentar a proteção aos ocupantes. Com isso, foi reavaliado pela instituição e conseguiu três estrelas em 2018.

A Chevrolet já está preparando o lançamento da nova geração do Chevrolet Onix, juntamente com o novo Prisma. É sabido que ambos deverão subir de patamar, com a adoção de novos recursos de conforto e tecnologia e até motores turbo, para brigar com modelos como Volkswagen Polo e Virtus.

Os atuais Onix e Prisma seguirão sendo vendidos, mas na posição hoje ocupada pelo Onix Joy e pelo Prisma Joy como compactos de entrada da Chevrolet no Brasil.

Onix automático – versões

Chevrolet Onix Advantage 1.4 automático

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

A opção mais barata da linha Onix com câmbio automático é a variante Advantage, que inclusive é a única da gama que dispõe da transmissão automática de série.

Este modelo, além da caixa sem o pedal de embreagem, se diferencia das demais versões por alguns detalhes estéticos e de acabamento.

Logo de cara, dá para notar o Chevrolet Onix Advantage 2019 pelas rodas de aço de 15 polegadas com capotas escurecidas, capa dos retrovisores em preto brilhante, nome da versão nas portas dianteiras, faróis com máscara negra, grade frontal com moldura na cor prata, adesivo de coluna em preto brilhante, entre outros.

Além disso, no interior o Onix Advantage automático dispõe de maçanetas cromadas, acabamento predominantemente escurecido, detalhes de acabamento cromados no painel, bancos em tecido preto e cinza com costuras claras, detalhes de acabamento prateados, entre outros.

A respeito dos equipamentos, este modelo segue praticamente a mesma linha do Onix LT, mas sem recursos como central multimídia MyLink, volante multifuncional, rodas de liga-leve, bancos parcialmente em couro, entre outros.

Em contrapartida, o Onix Advantage automático dispõe de alarme antifurto, Isofix e Top Tether para fixação de cadeirinhas infantis, monitoramento de pressão dos pneus, encosto de cabeça e cinto de três pontos para os cinco ocupantes, vidros dianteiros elétricos, retrovisores externos com comando elétrico, travas elétricas das portas e porta-malas e ar-condicionado.

Ele oferece também chave tipo canivete dobrável, volante com ajuste de altura, computador de bordo, direção elétrica progressiva, volante com comandos de rádio e telefone, banco do motorista com ajuste de altura, banco traseiro rebatível, sistema de som com entradas USB e auxiliar e Bluetooth, entre outros.

Chevrolet Onix LT 1.4 automático

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

Se você preferir um Onix com visual mais discreto e com lista de equipamentos mais recheada, no andar de cima há o Chevrolet Onix automático.

Em comparação com o Onix Advantage, ele se diferencia visualmente pelos retrovisores com pintura na cor da carroceria, grade frontal com moldura cromada, rodas de alumínio de 15 polegadas, entre outros.

Por dentro, as diferenças ficam por conta dos bancos revestidos parcialmente em couro com grafia exclusiva.

A lista de equipamentos inclui o sistema multimídia MyLink com tela sensível ao toque de sete polegadas, Android Auto e Apple CarPlay, sensor de estacionamento traseiro e luz de cortesia no porta-luvas.

Chevrolet Onix LTZ 1.4 automático

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

A versão “civil” topo de linha do Chevrolet Onix 2019 é a LTZ, que tem câmbio automático como opcional. Este modelo tem um visual mais arrojado e interior com detalhes de acabamento mais refinados.

A lista de itens de série também tem certa vantagem frente ao Onix LT.

O Onix LTZ automático dispõe de recursos extras como alças de teto dianteira e traseiras, faróis de neblina, lanterna de neblina, câmera de ré, para-sol para motorista e passageiro com espelho e cobertura, vidros traseiros elétricos com “um toque”, anti esmagamento e fechamento automático pela chave, entre outros.

Já nos itens estéticos, ele tem luz de posição em LED, rodas de alumínio diamantadas de 15 polegadas, acabamento interno em tons de preto e cinza escuro, bancos revestidos em couro sintético, volante revestido em couro, faróis com detalhes cromados e lâmpadas blue vision, entre outros.

Chevrolet Onix Activ 1.4 automático

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

Por último, mas não menos importante, o Onix Activ 2019 é a versão aventureira da linha do compacto da Chevrolet. Ele também tem câmbio automático como opcional e traz como diferencial o visual mais robusto, além do interior com decoração exclusiva.

Este modelo tem rodas de 15 polegadas com desenho exclusivo e pintura em preto brilhante, faróis com máscara negra, lanternas traseiras escurecidas, rack de teto, para-choques com detalhes em plástico preto, moldura nas caixas de roda, rack de teto, saias laterais, grade frontal em preto brilhante, entre outros.

O interior conta com porta-óculos no console de teto, bancos em tecido exclusivo com detalhes na cor cinza, entre outros.

Anteriormente, a cabine do Onix Activ era dotada de detalhes em tom de laranja, mas tal solução foi abolida na nova linha do carro.

Nos equipamentos, as diferenças ficam por conta de itens como sensor de chuva com ajuste automático de intensidade do limpador de para-brisa.

Onix automático – preços

Confira os atuais preços da linha Onix automático 2019:

  • Chevrolet Onix Advantage 1.4 AT 2019: R$ 55.390
  • Chevrolet Onix LT 1.4 AT 2019: R$ 59.990
  • Chevrolet Onix LTZ 1.4 AT 2019: R$ 66.290
  • Chevrolet Onix Activ 1.4 AT 2019: R$ 67.690

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

Onix automático – motor

Debaixo do capô, o Chevrolet Onix automático 2019 esconde um motor 1.4 litro SPE/4 flex.

Ele é dotado de quatro cilindros, oito válvulas (duas válvulas por cilindro), injeção multiponto, comando de válvulas simples no cabeçote e transmissão final por correia dentada.

Ele desenvolve 98 cavalos de potência quando abastecido com gasolina e 106 cv com etanol, a 6.000 rpm. Já o torque é de 12,9 kgfm com gasolina e 13,9 kgfm com etanol, a 4.800 rpm.

No lançamento da linha reestilizada do Onix, em 2016, a Chevrolet promoveu uma série de aprimoramentos neste motor.

Uma das novidades foi a adoção do sistema ECO, um conjunto de tecnologias com foco em conforto, desempenho, emissões e eficiência energética.

Entre as mudanças, o motor 1.4 SPE/4 Eco trouxe anéis, bielas e pistões redesenhados e mais leves, um novo tipo de óleo lubrificante (0W20), módulo eletrônico até 40% mais rápido e potente, novos sistemas de arrefecimento e de gerenciamento ode cargas elétricas (este com monitoramento contínuo da bateria e utilização otimizada do alternador) e um alternador de alto rendimento.

Além disso, ele ganhou um novo módulo de arrefecimento com central de controle multivelocidades, ventilador sem escovas, menor quantidade de líquido refrigerante e trocadores de calor mais modernos.

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

O câmbio automático de seis marchas conta com o modo Active Select, que permite fazer as trocas de marcha manualmente através de um nada prático botão posicionado no lado esquerdo da alavanca.

Esta transmissão é usada em outros modelos, como o Cruze de antiga geração, além dos compactos Prisma, Cobalt e Spin.

Por se tratar de um carro com motor 1.4 flex e câmbio automático, o Chevrolet Onix 2020 tem um desempenho apenas dentro do esperado. Não tenha expectativa de ser surpreendido por fortes acelerações e arrancadas a bordo do hatch compacto.

Muitos dizem que o conjunto câmbio-motor está no limite para o carro. É preciso pisar fundo no acelerador para buscar uma certa agilidade.

Fora isso, o câmbio busca por marchas constantemente para injetar um pouco mais de ânimo.

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

Onix automático – consumo

Confira abaixo os números de consumo do Chevrolet Onix automático:

Consumo com etanol

  • 7,9 km/l na cidade e 9,7 km/l na estrada;
  • Autonomia de 427 km na cidade e 534 km na estrada.

Consumo com gasolina

  • 11,6 km/l na cidade e 14 km/l na estrada;
  • Autonomia de 626 km na cidade e 756 km na estrada.

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

Onix automático – desempenho

De acordo com a Chevrolet, os números de desempenho do Onix automático são os seguintes:

  • Aceleração de 0 a 100 km/h em 12 segundos com etanol e 12,7 s com gasolina.
  • Velocidade máxima de 171 km/h com qualquer combustível.

Onix automático – manutenção e garantia

Veja abaixo os preços das revisões do Chevrolet Onix automático:

QuilometragemPreço da manutençãoPreço da manutenção parcelado
10.000R$ 2564x R$ 64
20.000R$ 5124x R$ 128
30.000R$ 6724x R$ 168
40.000R$ 4924x R$ 123
50.000R$ 4244x R$ 106
60.000R$ 1.0484x R$ 262
70.000R$ 4044x R$ 101
80.000R$ 5124x R$ 128
90.000R$ 6724x R$ 168
100.000R$ 6604x R$ 165

Sendo assim, as revisões do Onix 2019 até os 60 mil km terão um custo total de R$ 3.404 para o proprietário do carro. Já as 10 revisões até os 100 mil km rodados totalizaram um valor de R$ 5.652.

A Chevrolet vende o Onix com garantia de três anos.

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes

Onix automático – ficha técnica

Motor

1.4 SPE/4 ECO

Tipo

Dianteiro, transversal e bicombustível (etanol e/ou gasolina)

Número de cilindros

4 em linha

Cilindrada em cm3

1.389

Válvulas

8 (2 por cilindro)

Taxa de compressão

12,4:1

Injeção eletrônica de combustível

Multiponto

Potência Máxima

98 cv com gasolina e 106 cv com etanol a 6.000 rpm

Torque Máximo

12,9 kgfm com gasolina e 13,9 kgfm com etanol a 4.800 rpm

Transmissão

Tipo

Automático de 6 marchas com conversor de torque

Tração

Tipo

Dianteira

Freios

Tipo

Discos ventilados (dianteira) e tambores (traseira)

Direção

Tipo

Elétrica

Suspensão

Dianteira

Independente, McPherson, com molas helicoidais

Traseira

Eixo de torção, com molas helicoidais

Rodas e Pneus

Rodas

Aço ou liga-leve de 15 polegadas

Pneus

185/65 R15

Dimensões

Comprimento total (mm)

3.933

Largura (mm)

1.705

Altura (mm)

1.476

Distância entre os eixos (mm)

2.528

Capacidades

Capacidade de carga (kg)

375

Tanque (litros)

54

Porta-malas (litros)

280

Peso vazio em ordem de marcha (kg)

 1.067

 

Onix automático: versões, preços, consumo, motor, detalhes
Nota média 5 de 1 votos

Leonardo Andrade

Leonardo Andrade

Leonardo atua no segmento automotivo há quase nove anos. Tem experiência/formação em administração de empresas, marketing digital e inbound marketing. Já foi colaborador em mais de sete portais do Brasil. Fissurado por carros, em especial pelo mercado e por essa transformação que o mundo automotivo está vivendo.

  • Gustavo

    11,6 km/l na cidade com gasolina? Tá certo isso, Brasil?

    • Flávio Ba

      Comprei um prisma at 18/19 seminovo e está fazendo em circuito misto, rodando mais em cidade do interior, entre 11.0 e 11.5 km/l andando de boas, sem forçar muito. Ao fazer ultrapassagem o câmbio reduz rapidamente 2 marchas e dá pra sentir o carro disparar.
      O q não gostei dele foi a suspensão seca demais (meu carro anterior era ford), o computador de bordo com poucas informações, falta do tiltdown, câmera de ré sem linhas dinâmicas, e modo manual na alavanca.
      Pretendo fazer uma viagem de 440km com ele em breve para avaliar consumo em estrada.

      • Henrique Gouveia

        O tiltdown ele tem sim, mas tem que pisar bastante pra acontecer. A suspensão é bem dura mesmo. Não gostei do comportamento dele na estrada vazio, acho que balança demais.

        • Flávio Ba

          Tiltdown é a programação que baixa o espelho direito em manobras de ré, não o kickdown. O kickdown tem, funciona bem!!

          • Henrique Gouveia

            kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

            Vou me dar um zero! Com fui confundir! kkkkkkkkkkkkkk

  • Herbet Moreira

    Eu dirigi um Prisma automático e não foi agradável o câmbio buscar os 6000 giros ao fazer uma ultrapassagem. Isso é desgastante para o motor e para os ouvidos.

    • tiago

      O motor pode atingir essas rotações em ultrapassagens sem comprometer sua vida útil, que deve ser de uns 250.000 km.

  • Janduir

    O motor do monza de 1982 até onde sei era o Familia II…

  • LKenappe

    A versão ADVANTAGE da pra tirar na cor sólida por 50490,00 sem muito esforço com o vendedor, mais barato que muito 1.0 manual da concorrência.

  • Luis Mello

    Tenho um ltz automático a quase 3 anos, nada a reclamar, faço com etanol, entre 11 e 12km/l na estrada e 7 e 8km/l na cidade. Sem problemas até agora com quase 50mil km. Não me arrependo do onix.

  • Alexandre

    Tive um LT 17/18 tirado há dois anos por 52,3k numa oferta de automático pelo preço do manual, taxa zero. Vendi com 32.000km em abril. Carro honestíssimo para sua proposta. Nunca deu qualquer defeito, andava relativamente bem e era econômico. Teria outro facilmente.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email