Usado da semana

Carro da semana, opinião de dono: Volkswagen Gol Trend 2010

Carro da semana, opinião de dono: Volkswagen Gol Trend 2010

Com um novo projeto, o Gol G5 foi a grande atração em 2008 quando foi revelado. Concebido para ficar “acima” da geração 4, ele também buscava aumentar mais ainda as vendas da VW em nosso país, papel que ele cumpriu bem, até a chegada do novo Uno, dois anos depois, onde a disputa ficou bem acirrada. Esta geração foi eleita mais bonita desde a geração 3 (1999), e o G5 conseguiu resgatar o prestígio em termos de design e acabamento interno que pecou na quarta geração, muito criticada pela simplicidade e pobreza do acabamento interno.


Ao longo de 2009 e 2010, a imagem do Gol foi manchada por 5 recalls, ocasionados talvez pela pressa da montadora em lançar a nova geração do carro mais vendido no Brasil. Rolamento das Rodas Traseiras, sistema de partida a frio, Lanterna traseira dos carros equipados com faróis de neblina, defeitos na unidade de comando do motor 1.0 e problemas nos freios do veiculo, fizeram com que o consumidor ficasse um pouco apreensivo em comprar o G5, mas nem isto foi capaz de diminuir as vendas.

Problemas sanados no decorrer de 2010, o Gol seguiu como mais vendido até hoje. Entre 2009 e 2011 o carro estava intocável, já a versão 2012 acabou recebendo novas calotas e acabamento inteiro do painel na coloração branca e vermelha, seguindo a tendência dos demais veículos fabricados pela montadora.

Carro da semana, opinião de dono: Volkswagen Gol Trend 2010


Mesmo sabendo de todos os problemas que o Gol apresentou, ainda era o carro que mais me chamava a atenção, tanto pelo acabamento inteiro quando pelo design muito bonito, principalmente da frente do carro. Pesquisei todos os carros que eu poderia comprar com o mesmo valor, mas que fosse do segmento de populares, então na minha lista estavam: Palio, Ka, Uno, Mille, Gol G5, Gol G4, Corsa, Celta, Fiesta, Sandero, 206 e 207. Mesmo com todas as qualidades dos outros, encontrei um gol melhor que eu esperava e fechei negocio.

Vamos a avaliação:

Preço: Com o efeito IPI consegui um preço mais amigável do que minhas ultimas pesquisas. Minha exigência era que o carro ao menos tivesse, Ar-Condicionado, Vidros-Elétricos, Travas Elétricas e Direção Hidráulica. Pois bem, alem disso, ele veio com retrovisores elétricos, Vidros elétricos nas 4 portas, alarme original de fábrica e porta malas elétrico com acionamento pela chave canivete. Este Gol 2010 tinha apenas 3868 km rodados quando o comprei, hoje fechei 13 mil km desde final de maio, quando adquiri o veículo. Paguei o valor de R$ 28.900,00 por um carro praticamente zero km, tanto que até cheirinho de novo ele ainda tem. Se você está pensando em comprar o seu primeiro carro, seminovo e completo, todos os carros que citei antes podem lhe atender, mas em meu caso, tive um pouco de sorte pela baixa quilometragem. Como o G5 é um carro muito procurado pelo público, o valor de revenda é muito bom, somado a baixa desvalorização do carro, que está na lista dos que menos se desvaloriza em nosso país.

Desempenho: O motor do Gol nunca foi um dos mais fortes do mercado. Considerando que ele é flex, o carro entrega 72 cv a gasolina e 75 cv quando abastecidos a etanol, com um torque 9,7. A velocidade máxima dele foi atestada como 167 km/h e seu 0-100 km fica na casa de 13 segundos. Estes números se comparados com outros carros concorrentes estão dentro do esperado para motores de 999 cm³.

Condução/Dirigibilidade: O Gol tem a característica suprema de ser um carro que aguenta tudo, e o G5 não deixou isto de lado. Projetado oficialmente para dar adeus ao Fusca, ele preservou essa característica do seu antecessor e das demais gerações do Gol. Ele é um automóvel que tem uma suspensão rígida, que está mais voltada para estabilidade que conforto. Como bom popular e pequeno, é muito fácil de manobrá-lo em qualquer lugar. Quando a opção é mais voltada ao conforto, a GM e a Fiat possuem carros mais confortáveis se comparados ao próprio gol. O VW fica dentro da média dos demais concorrentes, porem, Corsa e o Palio se sobressaem nesse quesito.

Segurança: Em 2010 não era padrão os carros já vir com Air-Bag e ABS, então neste ponto o Gol peca, assim como todos os seus concorrentes. Só agora que algumas versões do carro você acha com esses itens de série, mas se você procurar bem, existem G5 com esses acessórios. Embora não muito comuns, dê preferência aos veículos que já possuam estes sistemas, porque alem da segurança, futuramente será um pouco a mais na revenda do carro.

Carro da semana, opinião de dono: Volkswagen Gol Trend 2010

Consumo: Por ser meu primeiro carro, optei começar com um 1.0, pois nunca tive o habito de precisar ir ao posto abastecer meu próprio carro. Considerando que faço em torno de 40 km diários, o carro tem atingido médias urbanas de 13,5 km/l sem ar e 12 km com ar ligado. Já em viagem, a 100 km/h conseguimos uma média de 17 km/l sem ar e com ar ficou em 15,5 km/l. Todas essas médias foram consideradas a gasolina. Verificando os dados de testes feitos por reportagens, o Gol pode atingir até 18 km/l (sem ar) em viagem, então creio que aquela marca ainda pode melhorar, já as demais estão batendo com os testes.

Conforto e conveniência: Como o carro é um popular, não existem tantos opcionais de serie, ainda mais na linha 1.0. Notei que VW oferece alguns itens que sentimos falta nas gerações anteriores, como apoio para cabeça dos bancos traseiros, que era um acessório nas outras versões de entrada e regulagem do banco de motorista. Nessa versão que tenho, entrou como opcional o Ar-Condicionado e retrovisores elétricos que auxiliam para uma condução mais tranquila. Admito que a surpresa do carro, foi já vir com o porta malas elétrico, item que pensei que só o Voyage dispunha

Vida a bordo: O painel do Gol é bem acabado, principalmente da versão Power que possui computador de bordo, que infelizmente não é o caso do meu. Mesmo assim, o painel do carro é bem desenhado e dispõe de conta-giros e horário. Alguns carros não tem este painel, o outro relógio é apenas com o nível de gasolina, mas presumo que a maioria desses foram destinados para carros de frota. A iluminação até final de 2011 ainda é azul, depois a coloração passou para vermelho e branco, entretanto ainda acho mais bonita a azul. A noite ela é mais suave para uma viagem, embora o branco torne a informação bem visível.

Os comandos do farol deixaram de ser no console central e passam a junto a seta de pisca nessa geração, e podem causar um pouco de confusão para os motoristas de primeira viagem. Talvez essa ideia não foi muito bem aprovada pelos donos, tanto que no novo desenho, esses comandos voltaram para o console ao lado da porta. A visibilidade do retrovisor interno não é muito boa, pelo fato do tamanho do vidro traseiro. Talvez quem esteja acostumado a dirigir carros sedans tenha sintam essa mesma impressão que tive. No resto, os comandos ficam bem a vista do motorista. Pessoas com altura acima de 1.80 devem ter um pouco de trabalho dentro do carro, porque ele não é muito alto, principalmente nos bancos traseiros.

Acabamento: Talvez por ouvir críticas em relação ao acabamento da geração anterior, a VW caprichou no acabamento do G5. Mesmo com bastante plástico, ele se mostra um material bom, com encaixes precisos, e até o momento não percebi qualquer barulho vindo deles. A forração das portas e bancos são de material de qualidade, e é bem fácil de limpar. O novo console de instrumentos também ficou muito bonitos, ainda mais comparados ao antigo G4. O Fiesta a nova geração do Sandero também possuem consoles muito bonitos, mas não estavam ao meu alcance.

Até o momento não precisei trocar qualquer peça com defeito, apenas as trocas de óleo a cada 6 mil km e as revisões normais a cada 10 mil quilômetros. De modo geral, estou bem satisfeito com o carro. Durante 6 meses estudei bem o carro para compensar a compra, pois como é o primeiro, não queria comprar e depois entrar em uma furada. Recomendo a todos que buscam esse carro, que dê preferência aos carros fabricados de 2010 em diante, pois estavam fora dos problemas que as primeiras unidades apresentaram.

Outra dica que é muito importante, é que façam seguro. Como você já leu aqui mesmo no Noticias Automotivas ), o Gol é o campeão de vendas, mas também é o campeão de roubos. Estima-se que 40 mil já foram roubados esse ano, porem as pesquisas mostram que o G4 é o mais procurado. Descobri isso quando fui fazer o meu seguro, pois o do VW Gol G5 é mais barato que do G4.

E você que já foi dono ou ainda é de um Gol, qual a sua opinião sobre esse carro?

Por Willian Barros Kochhann

Carro da semana, opinião de dono: Volkswagen Gol Trend 2010
Nota média 4 de 1 votos

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email